Author Archives: Thiago Da Silva Tavares

Sacrificed: Live neste domingo com a vocalista/soprano Chiara Malvestiti, do Therion

A próxima live da banda mineira SACRIFICED será realizada neste domingo, 30/08, às 14h no horário de Brasília (19h na Itália), em seu canal no Instagram, onde a vocalista Kell Reis receberá uma convidada super especial: a vocalista/soprano italiana Chiara Malvestiti, do Therion. Embora as lives intituladas “Mulheres no Metal” habitualmente sejam realizadas durante a semana, devido a agenda e fusos horários diferentes entre Brasil e Itália, o bate papo foi agendado para o domingo. Na série de lives “Mulheres no Metal” liderada pela vocalista, são abordados assuntos da cena e o espaço das mulheres no meio Heavy Metal, tudo com muito carisma e bom humor. No line-up do Therion desde 2015, Chiara Malvestiti também possui sua própria banda, o Crysalys, onde já gravou dois EPs e o debut “The Awakening of Gaia”, de 2011. O mais recente lançamento é o EP “Moonlight Encounter”, lançado em 2018. Chiara também já participou do projeto Beto Vazquez Infinity em três álbuns, e sua estreia como soprano no Therion foi no último álbum da banda sueca, “Beloved Antichrist” (2018).

Assista ao vídeo clipe de “Meet Your Fate”:

E neste sábado, 29/08, o SACRIFICED participará da segunda edição do Lvna Fest, onde apresentarão uma versão acústica de “Walking Through Flames”, presente no debut “The Path of Reflections” (2011). Kell Reis (vocal), Diego Oliveira (guitarra e vocal), Sérgio Barbieri (guitarra), Gabriel Fernando (baixo), Tiago Vitek (bateria), convidam todos a acessar o canal www.youtube.com/lvnaartfest a partir das 20h, onde dividirão o “palco” ao lado das bandas Able To Return, Abstracted, Anama, Bloodhunter, Brightstorm, Dark Valley, Divine Pain, Fenrir’s Scar, Final Disaster, Flowerleaf, Flowers To The Ground, Hamen, Inraza, Lasting Maze, Lia Kapp, No One Spoke, Quantum, Sinaya e Voccatus. Todas as bandas participantes desta edição contam com mulheres na sua formação, e durante sua realização o evento buscará doações para a ONG Mulheres da Luz, através de um QR Code que direcionará para o PicPay da ONG, e além disso serão disponibilizadas outras formas de doação.

Confirme participação no evento:

https://www.facebook.com/events/1556475684557400

Ouça o álbum “Enraged” no Spotify:

Contatos:

Site: www.sacrificed.com.br

Facebook: www.facebook.com/sacrificedofficial

Instagram: www.instagram.com/sacrificedofficial

Youtube: www.youtube.com/sacrificedchannel

Soundcloud: www.soundcloud.com/sacrificed

Assessoria de Imprensa: www.wargodspress.com.br

SEPULCHRAL VOICE lança playthrough de “Killer Instinct”!

Foto: Léo Luz

Os mineiros do SEPULCHRAL VOICE participaram da 3º Edição do Metal com Batata Stay Home Festival no último dia 21 de agosto e nessa ocasião apresentou pela primeira vez seu vídeo ‘playthrough’ de umas das mais matadoras faixas do álbum de estreia “Evil Never Rests”, a potente “Killer Instinct”, com a banda toda gravando no formato collab por conta do distanciamento social. Passado a exibição do festival, a banda colocou-o à disposição de todos os fãs do bom e velho Death/Thrash Metal Old School em seu canal no YouTube!

Confira o Playthrough de “Killer Instinct” em:
https://youtu.be/ySs9Qcr03UA

“Evil Never Rests”, álbum de estreia dos mineiros, já encontra-se disponível digitalmente nas tradicionais plataformas de streaming e, também, em formato CD Slipcase com adesivo e poster via Dies Irae Records.

O link para adquirir “Evil Never Rests” em CD Slipcase diretamente com a gravadora é:
https://bit.ly/320B2bg

Confira o Lyric Video do primeiro single “Evil Never Sleeps” em:
https://youtu.be/eWAGmyO_MzY

“Evil Never Rests” foi gravado e produzido por André Cabelo (Chakal), no Estúdio Engenho e contém 10 faixas poderosas do mais puro, violento, visceral e agressivo Death/Thrash Metal mineiro, trazendo toda a rispidez e brutalidade dos anos 80 de volta ao lugar que nunca deveria ter saído!

Os títulos das faixas de “Evil Never Rests” são:

Existence In The Void
Evil Never Sleeps
Killer Instinct
Infernal Pain
In The Storm
Fallen Spirit
Blood Sacrifice
Conjuration Of Zumbies
Unreal World
Cold Var

Capa por Marcelo Bessoni
Gravação, produção e engenharia de som por André Cabelo

Discografia:

In Storm(Demo) (1988)
Explored And Ignorant Vision (Demo) (1988)
Uncontrollable Change (Demo) (1989)
Unreal World(Demo) (1991)
Sepulchral Voice(EP) (2017)
Evil Never Rests (Álbum) (2020)

Formação:

Harley Senra – Vocal
Luiz Sepulchral – Guitarra
Ronaldo Ron Seth – Guitarra
Pepê Salomão – Baixo
Lélio Gustavo – Bateria

Ouça Sepulchral Voice em:

Spotify: https://open.spotify.com/album/3pOpxQs8Z5ff9OSasmdD5S
YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCBceghoUhnxvZJShShDWJVQ
iTunes: https://music.apple.com/br/artist/sepulchral-voice/1516663014
Deezer: https://www.deezer.com/br/artist/86946082
iHeartRadio: https://www.iheart.com/artist/sepulchral-voice-34106910
Napster:https://ar.napster.com/artist/sepulchral-voice
Amazon Music:https://music.amazon.com/artists/B085772DBM/sepulchral-voice

Mídias sociais:

Instagram:www.instagram.com/sepulchral_v
Facebook:www.facebook.com/officialsepulchralvoice
Dies Irae Records:www.facebook.com/diesiraerecords

“Barren…”, novo álbum do Warshipper, sai em Agosto pela Heavy Metal Rock

O terceiro disco do quarteto vai reunir 11 faixas inéditas, entre elas “Respect!”, que conta com a participação especial de Fernanda Lira

O conceito de grotesco surgiu na história da arte ainda na Roma antiga durante a Renascença. Porém, talvez, nunca tenha existido outra linguagem capaz de expressar tão bem o conceito de arte grotesca do que o death metal. Não obstante, são em tempos sombrios, como o atual, em que o grotesco exerce protagonismo perante o belo. De forma que é chegado, então, o momento do Warshipper assumir-se protagonista nesse movimento de música extrema.

Formado em 2011, o Warshipper nasceu já constituído de muita experiência, afinal, reúne em seu line-up um ex-Bywar, Renan Roveran (guitarra/vocal), e um ex-Zoltar, Rodolfo Nekathor (baixo/vocal), além de outros dois exímios músicos, Rafael Oliveira (guitarra) e Roger Costa (bateria). Até aqui lançaram dois álbuns, “Worshipper of Doom” de 2015, e “Black Sun” de 2018, e um single, “Atheist”, de 2019. Em termos de palcos, já fizeram dezenas de shows expressivos, alguns ao lado de atrações internacionais como Warrel Dane (Nevermore/Sanctuary – RIP), Enthroned, Besatt, entre outros. Ademais, no ano passado, realizaram uma de suas mais importantes empreitadas: uma bem-sucedida turnê europeia que contou com 10 shows em sete países: Alemanha, Bélgica, Holanda, França, Áustria, Eslováquia e República Tcheca.

De volta aos estúdios, o Warshipper registrou aquele que pretende ser o seu mais importante álbum até aqui: “Barren…”.
Terceiro álbum cheio do quarteto, “Barren…” foi gravado no Casanegra Studio em São Paulo/SP sob produção de Rafael Augusto Lopes (Zumbis do Espaço, Living Metal), e vai reunir 11 faixas inéditas: “Barren Black”, “Axiom”, “Respect!”, “Rabbit Hole”, “Embryo”, “Numb – Pleasures of Possession”, “Beneath The Burden”, “Licking The Wounds”, “Anagrams Of Sorrow”, “Compulsive Trip” e “Knowing Just As I (Detachment)”.
Um detalhe interessante sobre o tracklist do álbum, é que as iniciais das 11 faixas, em ordem, formam um anagrama da palavra “Barren Black”, primeira música do álbum.

“Barren…” será lançado ainda neste mês de agosto, tanto em formato digital como também físico, em CD, através do respeitado selo Heavy Metal Rock.
”Foi muito motivador receber a notícia de que o selo Heavy Metal Rock estaria interessado em lançar nosso terceiro álbum, Barren…”, declara o vocalista/guitarrista Renan Roveran. “Além de isso ter acontecido em meio a uma pandemia – quando as expectativas estavam cheias de incertezas – outro ponto bastante relevante é que quem curte Rock/Metal no Brasil, e acompanha o underground de nosso país, certamente conhece o trabalho da HMR que está envolvida com organização de eventos, venda de material do gênero e também lançamento de importantes bandas desde a década de 80. O Wilton, fundador da HMR, é figura conhecida e só temos excelentes referências sobre o mesmo. Esta parceria entre o selo e banda, juntamente com o trabalho profissional da nossa produtora Som do Darma, determina um marco muito importante para a carreira do Warshipper e possibilitará promover um alcance maior de nosso trabalho ao público do Rock/Metal do país e do mundo.”

Há duas semanas, o Warshipper disponibilizou o primeiro videoclipe do álbum da música “Barren Black”. Para assistir, acesse: https://youtu.be/oBcbcG0DhHc

O segundo videoclipe será da faixa “Respect!” que conta com a participação especial de Fernanda Lira, vocalista/baixista do Crypta (ex-Nervosa). A estreia de “Respect!” ocorrerá no próximo dia 04 de Setembro durante a primeira edição do “Heavy Metal Rock – Online Festival”, festival online promovido para celebrar os 37 anos da Heavy Metal Rock e que, além do Warshipper, também reunirá outros nomes importantes da cena nacional do heavy metal como Tuatha de Dannan, Vodu, Taurus, Desdominus, Kiko Shred, entre outros. O “Heavy Metal Rock – Online Festival” será transmitido no formato “Streaming-Live” exclusivamente pelo canal oficial da Heavy Metal Rock no Youtube – www.youtube.com/heavymetalrock83

Entre outras novidades, assista também o cover de “Once Upon The Cross” do Deicide lançado pelo Warshipper em colaboração com o Hammathaz. As duas bandas fariam o show de abertura para o Deicide em São Paulo no último mês de Abril. O show foi cancelado devido a pandemia pelo novo coronavírus: https://youtu.be/smnPZxnEGR8  

Mais Informações:  
www.facebook.com/warshipper
www.instagram.com/warshippermetal
www.youtube.com/warshipperband


Em espaço urbano, Oitão e Grupo R-Existência fazem projeção alusiva à música Proteste

Projeção acontecerá simultaneamente em São Paulo e Vacaria (RS), às 20h, dia 9 de setembro

Oitão e o Grupo de Teatro R-Existência, Núcleo de Vacaria (RS), unem forças no combate à fome e a situação difícil de pessoas em situação de rua, afetadas drasticamente pela pandemia da covid-19. Para conscientizar a população da importância em doar alimentos e roupas a estas pessoas, em sintonia com os projetos Marmita do Bem e Proteste Por Um Mundo Melhor, um vídeo alusivo à música ‘Proteste’ será projetado no dia 9 de setembro, às 20h, em um prédio na Baixa Augusta, próximo ao parque. Imagens das citadas campanhas também serão divulgas neste dia.

A produção é do R-Existência, que criou o vídeo em homenagem ao Oitão. O coletivo tem representação na arte democrática e prega valores como humanidade, igualdade e empatia. O vídeo relata a letra forte de ‘Proteste’, com animações sobre a pobreza, protestos e outras questões da dura realidade brasileira.

A projeção em um dos principais cenários da capital paulista visa propor a reflexão sobre o momento único e calamitoso em que vive a humanidade, e a importância de fazer a diferença por meio da solidariedade, seja com doações ou qualquer tipo de apoio a entidades e campanhas, como a Marmita do Bem e a Proteste Por Um Mundo Melhor, do Oitão e do chef Henrique Fogaça e seus empreendimentos.

O Ateliê Analógico Digital é o responsável pela projeção em São Paulo, com projetores da ON Projeções. A empresa, que cuidou de todas as autorizações para esta ação, utiliza a técnica de vídeo mapping, projeção de vídeo em objetos ou superfícies de grandes dimensões, como fachadas de edifícios e estátuas. O VJ Foga também participa com apoio no local e operações.

A banda reforça, ainda, que a projeção é um reconhecimento e agradecimento ao Grupo de Teatro R-Existência pelo vídeo.

Simultaneamente (dia 9/9), a mesma ação acontece em Vacaria, no Rio Grande do Sul. A projeção de ‘Proteste’ acontece às _ na Casa do Povo (a única obra de Oscar Niemeyer no estado), em um espaço esquema drive-in com realização da Tec House. A entrada é a doação de um quilo de alimento não perecível, com ponto de arrecadação na Câmara de Vereadores da cidade. Toda a arrecadação será destinada a pessoas em situação de rua do município gaúcho, por meio do projeto Resgatando Vidas.

A iniciativa tem apoio da Tech House, FN Telões, Captar Cultural, Andreas Ciero, Câmara de Vereadores Vacaria, Rádio Esmeralda FM/Programa Fala Cidade, LLP Contabilidade e DaTribo Studio.

NervoChaos apresenta segunda parte das tours de 2015 no episódio 18 de “A Blast From The Past”

Em seu 18º episódio a série “A Blast From The Past” apresenta a segunda parte das tours internacionais realizadas no ano de 2015.

Como no vídeo anterior, é apresentado um resumo das turnês que rolaram na Ásia, Europa e Estados Unidos.

Entre cenas de bastidores e das viagens, são apresentados trechos de músicas como “For Passion Not Fashion”, “Shadows Of Destruction”, “Mind Under Siege”, no ‘Busan Rock Festival’ (Coréia do Sul), “To The Death” (Moscou, Rússia) e “All-Out War” (Florida, EUA) – além de um trecho dos belgas do Enthroned com a participação de Lauro Nightrealm.

Na Asia e Europa a formação contava com Lauro Nightealm (guitarra e vocal), Felipe Freitas (baixo), Cherry Taketani (guitarra, R.I.P.) e Edu Lane (bateria).

Nos Estados Unidos, a formação era Cherry Taketani (guitarra, R.I.P.), Felipe Freitas (baixo e vocal), Joachim Kremer (guitarra, Assassin) e Edu Lane (bateria).

Assista:
https://www.youtube.com/watch?v=61W0JBenNyE

A série “A Blast From The Past” mostra semanalmente parte do arquivo pessoal da banda com material do passado contendo shows, bastidores, imagens na estrada, momentos engraçados e muito mais.

Já está disponível o 7″ EP “Crypts Ablaze”, que contém as músicas “Everybody’s Whore” (inédita) e uma versão da música “Medo” da lendária banda de Punk brasileira, Cólera. Participações de Sebastian Längerer (Into Darkness) e Dario Chiereghin (Mortuary Drape) nos backing vocals. Edição limitada: https://nervochaos-store.minestore.com.br/…/7-ep-crypts-abl…

O NervoChaos está em estúdio gravando seu novo álbum, o nono de sua carreira. A formação da banda é: Brian Stone (vocal), Woesley Johann (guitarra), Luiz “Quinho” Parisi (guitarra), Pedro Lemes (baixo) e Edu Lane (bateria).

Nas redes sociais da banda, você também pode acompanhar ‘Reports From The Studio’, com vídeos do processo de gravação do novo álbum, que será lançado em 2021.

www.nervochaos.net
www.hammerheart.com
www.tumbaproductions.com.br
www.ehrlund.se
www.lpmetalpress.com.br

Corey Taylor, celebrado vocalista do Slipknot e do Stone Sour, anuncia seu primeiro álbum solo, “CMFT”, e lança clipes de duas faixas: confira

Vencedor do GRAMMY®, o cantor, compositor, ator, produtor e autor de livros best sellers Corey Taylor anuncia a chegada de seu aguardado álbum solo de estreia, CMFT, que será  lançado mundialmente em 2 de outubro pela Roadrunner Records.

Celebrado vocalista das bandas Slipknot e Stone SourCorey já compartilhou os dois primeiros singles do álbum: “Black Eyes Blue” e “CMFT Must Be Stopped” [feat. Tech N9ne & Kid Bookie], que estão disponíveis em todas as plataformas de streaming. O vídeo de “CMFT Must Be Stopped” já havia sido lançado na semana passada. Hoje, 19 de agosto, foi lançado o vídeo de “Black Eyes Blue”.

As músicas iluminam o amplo espectro deste rock ‘n’ roll impetuoso e destemido, à medida que Taylor exibe influências que vão do hard rock ao rock clássico, do punk rock ao hip-hop. Em “Black Eyes Blue”, os vocais de Taylor têm um sabor de nostalgia, enquanto em “CMFT Must Be Stopped” suas rimas lembram o trabalho no álbum de estréia do Slipknot, agora dividido com o artista multi-platinado Tech N9ne e o MC Kid Bookie. A faixa é acompanhada por um videoclipe dirigido por Djay Brawner, que mostra Taylor levando o cinturão do campeonato CMFT, com a participação de amigos como Marilyn Manson, Lars Ulrich, Rob Halford, Chris Jericho e ZillaKami, entre outros.

O vídeo de “Black Eyes Blue” foi dirigido por DJay Brawner e caminha para atingir o # 1 na parada “Hard Rock Songwriters” da Billboard. Além disso, “Black Eyes Blue” está rapidamente se aproximando do Top 10 na parada Active Rock Radio. Enquanto isso, o single “CMFT Must Be Stopped” de Taylor [feat. Tech N9ne & Kid Bookie] já atingiu as 2,4 milhões de visualizações no YouTube. Ambas as músicas estão disponíveis em todas as plataformas de streaming.

Chegando ao topo da conversa sobre cultura pop, a Rolling Stone escreveu: “O gênero CMFT – abreviação de ‘Corey Mother Fucking Taylor” – mostra o cantor abordando vários estilos de música, desde hard rock e rock clássico até punk e hip-hop.”

Forbes observou: “A carreira solo de Taylor confundirá as linhas entre uma série de subgêneros do rock. E, honestamente, essa abordagem parece ser a melhor direção para sua estreia solo. ”

Algumas das faixas de CMFT são recém-escritas, e aparecem junto com outras que datam de sua adolescência. Gravado no Hideout Studio em Las Vegas, com o produtor Jay Ruston e sua banda – Christian Martucci [guitarra], Zach Throne [guitarra], Jason Christopher [baixo] e Dustin Robert [bateria] – o álbum traça um roteiro selvagem e emocionante através da psique musical de Taylor.

As Faixas:

  1. HWY 666
  2. Black Eyes Blue
  3. Samantha’s Gone
  4. Meine Lux
  5. Halfway Down
  6. Silverfish
  7. Kansas
  8. Culture Head
  9. Everybody Dies On My Birthday
  10. The Maria Fire
  11. Home
  12. CMFT Must Be Stopped [Feat. Tech N9ne & Kid Bookie]
  13. European Tour Bus Bathroom Song

Corey Taylor

Intransigente, sem filtros e incomparável em qualquer arena, Corey Taylor continua a impactar a cultura como vencedor do prêmio GRAMMY® e frontman de bandas celebradas como o Slipknot e Stone Sour. Taylor é ainda um autor best-seller do New York Times, bem como um ator com uma miríade de créditos em filmes e televisão.

Impactando gerações de fãs e colegas, sua voz ruge em seis álbuns do Slipknot que reuniram milhões de fãs em todo o mundo. Globalmente, o Slipknot ostenta 13 certificações de Platina e 44 de Ouro, tem três álbuns que estrearam em # 1 na Billboard 200 (All Hope is Gone.5 the Grey Chapter e We Are Not Your Kind).

We Are Not Your Kind, de 2019, representou uma marca crítica e criativa para o Slipknot, cercada de elogios vindos da The Ringer, The FADER e GQ, bem como a honra de ser eleito o # 1 da Rolling Stone  – “Melhor Álbum de Metal de 2019”.

Com dois álbuns certificados como ouro e um single de platina, o Stone Sour marcou cinco estreias no Top 10 na “Billboard 200” e conquistou o “Rock Album of the Decade” para House of Gold & Bones – Parte 1, que também gerou sua própria história em quadrinhos, lançada pela Dark Horse Comics.

Hydrograd, de 2017, trouxe um dos maiores singles da banda, que gerou 100 milhões de streams e conquistou o # 1 na parada “Billboard Mainstream Rock Songs” por cinco semanas consecutivas.

Taylor apareceu pela primeira vez na lista dos livros mais vendidos do New York Times com Seven Deadly Sins em 2011, ocupando a parada por quatro semanas. Depois lançou mais três livros bem populares: A Funny Thing Happened On The Way To Heaven [2013], You’re Making Me Hate You [2015], e America 51 [2017].

Enquanto isso, sua filmografia abrange “Fear Clinic”, “Doctor Who”, “Officer Downe” e “Sharknado 4”. Um artista raro, que tanto pode dar um simpósio na Universidade de Oxford como ser a atração principal em festivais de heavy music em todo o mundo, Taylor a cultura a pensar, sonhar e gritar junto com ele.

Para mais informações, visite www.thecoreytaylor.com .

Sinaya participa do LVNA FEST II no dia 29 de agosto

Sábado, dia 29 de agosto, acontece a segunda edição online do Lvna Fest, a partir das 20h. A Sinaya estará entre as 22 bandas que compõem o cast do festival.

Para mais informações, acesse a página do evento no Facebook:
https://www.facebook.com/events/1556475684557400/

O evento reúne bandas de várias vertentes do rock e metal e o destaque nesta edição é que todas as bandas participantes contam com mulheres na sua formação com o objetivo de mostrar a força e união femininas na cena.

Também por esse motivo, o evento será beneficente, em prol da ONG Mulheres da Luz, um coletivo que busca promover cidadania e garantia de direitos humanos para mulheres em situação de prostituição na cidade de São Paulo.

As bandas que farão parte do festival, são Able to Return, Abstracted, Anama, BloodHunter, BrightStorm, Dark Valley, Divine Pain, Endigna, Fenrir’s Scar, Final Disaster, FlowerLeaf, Flowers to the Ground, Hamen, Inanimalia, INRAZA, Lasting Maze, Lia Kapp, No One Spoke, Quantum, Sacrificed, Sinaya, Voccatus.

A transmissão do festival será realizada no canal do festival no YouTube:
www.youtube.com/lvnaartfest

Quem quiser fazer doações para a ONG Mulheres da Luz:
Banco: Banco do Brasil
Razão Social: Agentes da Cidadania
CNPJ: 08894876/0001-30
Agência: 0717-x
Conta Corrente: 113899-5

PicPay: https://bit.ly/PicPay_MulheresdaLuz

 * Quem mora em São Paulo também pode ajudar doando roupas, alimentos, produtos de higiene, etc ou até se tornando voluntário.

 * Todas as informações relacionadas a como ajudar podem ser encontradas nos meios de comunicação do coletivo:

Recentemente a vocalista da Sinaya, Mylena Mônaco participou de uma ‘Collab’ com Jobam Martins, numa versão do Arch Enemy para “We Will Rise”. Assista:
https://www.youtube.com/watch?v=SWR0hZPRCFI&feature=youtu.be

A Sinaya participará do “Radio Metal Warriors Perú Fest” nos dias 19 e 20 de setembro. A rádio estará celebrando um ano, com a apresentação online de 28 bandas, de 9 países, nos dias de festival.

Para mais informações, siga a página:
https://www.facebook.com/RadioMetalWarriors/

Mylena também participou de uma Live da “Radio Metal Warriors Perú Fest”. Assista:
https://www.facebook.com/watch/live/?v=874114996446148&ref=watch_permalink

A formação da Sinaya traz Mylena Monaco (vocais e guitarra), Douglas Prado (guitarra, ex-Claustrofobia), Eric Akune (baixo) e Janaína Melo (bateria).

Acompanhe a Sinaya em seus canais oficiais:
www.facebook.com/sinayaofficial
www.instagram.com/sinayaofficial/
www.youtube.com/user/sinayathrash
www.sinayaofficial.com

Cyanide Summer mistura punk e rock anos 50 em ‘Trash the Words’

Banda, com vocal feminino, lança mais um single em parceria com a Canil Records

A banda de punk com vocal feminino Cyanide Summer lança mais um single em parceria com a Canil Records. ‘Trash the Words’ resgata a verve do rock anos 50, junto à energia de um punk rock moderno. Ouça aqui: http://bit.ly/trashthewords.

‘Trash the Words’ aborda a dualidade de indivíduos enquanto casais ou amigos, com uma pertinente crítica a falas e comentários absurdos em contextos e momentos errados. Também sugere outra leitura: a gravidade de mentiras em um relacionamento.

Esta é, sem dúvida, a música mais distinta da carreira do quarteto paulistano, que sempre coloca uma pegada horror punk nas suas produções e sem nunca perder a referência de clássicos, como Ramones, Misfits, The Clash, The Distillers e Hellacopters.

“Lançamos aqui um trabalho de muita qualidade, com energia e aquela pegada punk que nunca vai embora. Cyanide Summer é uma família que sempre busca o melhor de cada um. A harmonia faz parte do nosso som”, ressalta a banda, formada por Ade (vocal), Corsi (guitarra), Re Prado (baixo) e Peralta (bateria).

‘Trash the Words’ foi produzida por Rogério Wecko, no Dual Noise estúdio, e a arte feita por Banca Art.

Formada em 2017 na cidade de São Paulo, a Cyanide Summer toca punk rock e já se apresentou nas principais casas de capital paulista, como Manifesto, Jai Club, Feeling e FFFront.

Em 2018 saiu o primeiro single, ‘As Fake As You’. Ainda neste ano, a banda também lançou a música ‘Destroy It’. Lançaram, em seguida, uma versão de ‘Modern Love’, do David Bowie, para o Tributo Bowie Goes Punk.

A discografia ainda tem o singles ‘A Chance to Bleed’ e um split em português chamado Viajar/Dose de Realidade, todos lançados pela Canil Records.

Lançaram também via Devilsbeat Records uma versão para ‘Sometimes I Don’t Know’, tributo ao The Hellacopters, chamado South América To The Max, em que participaram diversas bandas da América do Sul.

CPM 22 lança single inédito; ouça “Escravos”

Crédito: Willer Carvalho

O CPM 22 lança nesta sexta, 21, mais um capítulo das comemorações dos 25 anos de carreira com o single inédito, “Escravos”. A faixa, disponível em todas as plataformas digitais com distribuição da Ditto Music, chega acompanhada de um lyric vídeo. Assista aqui.

“Escravos” é o primeiro single com a nova formação que, além do vocalista Badauí e dos guitarristas Luciano Garcia e Phil Fargnolli, conta com o Ali Zaher (ex-Reffer) no baixo e Daniel Siqueira (Garage Fuzz) na bateria.

Composta em fevereiro, a faixa nasceu quando a banda começou a trabalhar nas composições para um novo álbum, ainda sem data de lançamento devido à pandemia da Covid-19.

Com refrão marcante, melodia mais pesada e uma letra mais densa, a música retrata temas e situações atuais, como a tentativa de manipulação por parte dos políticos, dependência das redes sociais e as fake news no âmbito da vida pessoal e pública.

Para Luciano, autor da letra, “‘Escravos’ fala de como somos diariamente manipulados pelos políticos, pela mídia. Como nossos governantes, tanto aqui como no mundo todo, fazem tudo pensando em si mesmos, manipulando todos nós e como muitos acreditam e glorificam políticos, enquanto eles seguem pensando somente nos seus próprios interesses”.

“Somos escravos das nossas escolhas erradas, dos nossos medos, do sistema em que vivemos e como estamos de mãos atadas pelas decisões dos governantes desde que o Brasil foi descoberto”, completa Badauí.

Produzida pelos guitarristas Luciano Garcia e Phil Fargnoli, “Escravos” foi gravada no Estúdio 44, em São Paulo, – voz e bateria – e o baixo e as guitarras no home studio do guitarrista Phil. A mixagem ficou a cargo de Phil e aconteceu no Estúdio Sunrise Music, em Araraquara (SP), estúdio de Ali Zaher.

O single foi masterizado no The Blasting Room Studios – Fort Collins, Colorado (EUA) por Jason Livermore, que assinou trabalhos de Descendents, NOFX, Lagwagon, Rise Against, Propagandhi, Face to Face, No Use for a Name, entre outros.

“Escolhemos o Jason pra masterizar essa faixa, porque já trabalhamos com ele no álbum Suor e Sacrifício e, além de adorarmos o resultado, ele trabalha com bandas que nós gostamos muito”, finaliza Luciano.

Distribuição Digital Ditto Music
www.dittomusic.com

VÁLVERA lança novo single em Lyric Video

“Cycle Of Disaster”, novo álbum dos paulistas do Válvera, está prestes a ser oficialmente no dia 28 de agosto via Brutal Records (EUA e Canadá), Proper Music (Europa) e Voice Music (Brasil), e nada mais oportuno do que lançar mais um single antes dessa data. O primeiro lançado foi “Glow Of Death” e agora a banda solta “Born In A Dead Planet”!

Confira Lyric Video de “Born In A Dead Planet” em:
https://youtu.be/j9a0Vm5Pz54

“Born In A Dead Planet” é uma faixa que fala de um dos maiores problemas dos tempos modernos, não só no Brasil mas em âmbito mundial, a destruição do meio ambiente. No Brasil, estamos tendo catástrofes cada vez maiores, nosso clima está em constante mudança, rios extremamente poluídos, vazamento de petróleo, altos índices de gás carbônico enchendo os pulmões da população, a Amazônia sendo devastada, queimadas criminosas, rompimentos de barragens por erros humanos, exploração mineral ilegal, agrotóxicos em excesso legalizados, entre outras atrocidades. Vendo que o mundo está sendo destruído sem dó nem piedade em detrimento de enriquecimento escuso, o pessoal do Válvera se cansou e não vai mais se calar perante isso. “Born In A Dead Planet” foi composta com tudo isso na mente, mostrando toda a revolta e indignação perante esse descaso não só daqueles que nos governam, como também do próprio povo que reclama mas joga lixo na rua, garrafas plásticas e etc. 

“A nossa maior riqueza é a terra que vivemos, um país onde tudo nasce, temos água, alimento, fauna e flora. Mas até quando? A gente gasta mais e destrói mais, seguimos o curso buscando a nossa extinção. Vamos deixar de herança um planeta morto“, comentou Glauber Barreto (vocal/guitarra)

“A demanda por recursos naturais se tornou insustentável e exerce uma pressão tremenda sobre a biodiversidade do planeta. Em 8 meses gastamos o que deveria durar o ano todo, ou seja, gastamos mais do que o planeta pode produzir, e isso aumenta a cada dia”, comentou Rodrigo Torres (guitarra)

“Cycle Of Disaster”, terceiro álbum do quarteto, foi gravado no Dual Noise Studio 2020, em São Paulo/SP, produzido pela banda em conjunto com o Rogério Wecko (masterização, mixagem e engenharia de som) e arte de capa pelo experiente Marcelo Vasco (Slayer, Machine Head, Metal Allegiance, Kreator). Esse trabalho vem recebendo excelentes críticas não só no Brasil como também no exterior, e a procura está sendo grande desde que a pré-venda foi anunciada em julho! Links da loja virtual da banda e das pré-vendas mundiais mais abaixo.

Confira Teaser de todas faixas de “Cycle Of Disaster” em:
https://youtu.be/fvf1wAv1vn8

Confira Lyric Video para “Glow Of Death” em:
https://youtu.be/dyjHEfYSHR4

Confira Playthrough de “Glow Of Death” com Gabriel Prado (baixista) em:
https://youtu.be/ZgsT7-VMdXY

Loja virtual em:
www.valvera.lojavirtualnuvem.com.br

Pré-venda Brutal Records (USA & Canada) em:
https://cutt.ly/YiODMNl

Pré-venda Proper Music (Europe & Worldwide) em:
https://cutt.ly/8iOSGjR

Pré-venda Voice Music (Brasil) em breve!

Formação:

Glauber Barreto – Vocal/Guitarra
Rodrigo Torrer – Guitarra
Gabriel Prado – Baixo
Leandro Peixoto – Bateria

Discografia:

“Cidade em Caos” (Álbum/2015)
“Demons Of War” (Single/2017)
“Back To Hell” (Álbum/2017)
“Bringer Of Evil” (Single/2019)
“Glow Of Death” (Single/2020)
“Born In A Dead Planet” (Single/2020)
“Cycle Of Disaster” (Álbum/2020)

Ouça VÁLVERA em:

YouTube: 
www.youtube.com/valveraoficial
Apple Music:https://music.apple.com/br/artist/valvera/1043332035
Bandcamp:https://valvera.bandcamp.com/
Spotifyhttps://open.spotify.com/artist/3S87lwfQs6K1O1WsQrpPhz
Deezer:https://www.deezer.com/br/artist/8945888
Napster:https://us.napster.com/artist/valvera
Amazon Music:https://music.amazon.com/artists/B015TRXRMG

Mídias Sociais:

Site:www.valvera.com.br
E-mail:bandavalvera@gmail.com
Facebook: www.facebook.com/bandavalvera
Instagram:www.instagram.com/valveraband
Twitter:twitter.com/valvera_oficial
Loja Virtual:www.valvera.lojavirtualnuvem.com.br

Royal Rage: Apresentando a nova formação no festival do programa Metal com Batata

Os mestres do Thrash Metal curitibano do ROYAL RAGE, agora em formato de trio, confirmaram participação na terceira edição do “Metal com Batata Stay Home Festival”, que será realizada na próxima semana, no dia 21/08, à partir das 21h. Agora com Pedro Ferreira (vocal/guitarra), Airton Senna (baixo) e Tiago Rodrigues (bateria), o grupo se prepara para apresentar a nova formação, ao lado das bandas Invokaos, Treze Black, Symmetrya, Bright Storm, Overdose Nuclear, Revengin, Damage Corporation, Sepulchral Voice, Khorium, NoFearz, Leprosy, Imago Mortis, RamboMesser (Alemanha) e Intoxicated (EUA). O festival será transmitido no canal do programa Metal com Batata, no seguinte link, https://www.youtube.com/channel/UCSyznur7yhUilZP_Dwwjzlw, e depois será disponibilizado no mesmo endereço após a apresentação.

Mais detalhes sobre o evento:

https://www.facebook.com/events/899344863938845

Para marcar esta mudança, o trio apresentará a música “Feed the Herd”, presente em seu debut, “Conquer”, lançado em outubro de 2018. De lá pra cá ocorreram algumas mudanças de formação, culminando com o lançamento do recente single “Khan”, praticamente uma visão da banda sobre o “flagelo de Deus” Gengis Khan.

Ouça o single “Khan” no Youtube:

Ouça o single “Khan” no Spotify:

Contatos:

Facebook: www.facebook.com/royalrageband

Instagram: www.instagram.com/royalrageofficial

Assessoria de Imprensa: www.wargodspress.com.br

SepulQuarta: A representatividade feminina no metal nacional

Três vozes femininas são as convidadas para Live Q&A com o Sepultura

Na sessão SepulQuarta , (19/08), o baterista Eloy Casagrande comandará a live Q&A com Fernanda Lira (Crypta), Angelica Burns (Hatefulmurder) e Mayara Puertas (Torture Squade). A transmissão será ao vivo a partir das 16h00 (horário de Brasília) no canal do youtube do Sepultura. “Estamos muito felizes por ter três revelações do metal feminino. Três mulheres que estão revolucionando e quebrando paradigmas no mundo do metal. Estamos muito honrados em tê-las aqui conosco para falar sobre sua música e carreira. Elas também estarão tocando a música “Hatred Aside” do álbum “Against” em outra apresentação histórica do Live Quarentine . Não perca!” – completa Casagrande.

No Storyteller ou discografia contada, Paulo Xisto e Andreas Kisser comentarão as versões covers que o Sepultura já gravou de 1985 a 1996 (Parte 3).

Para essa SepulQuarta vamos apoiar o projeto Parada Pela Solidariedade, trabalho liderado pelo produtor cultural Heitor Werneck ligada à Parada do Orgulho LGBT de São Paulo que reúne coletivos e vai às ruas para ajudar gays e travestis vulneráveis. A somatória da pandemia do novo coronavírus com homofobia deixou parte da população LGBT que vive nas ruas sem sua fonte de renda. A campanha arrecada recursos para a compra de cestas básicas, itens de proteção, kits de higiene pessoal e limpeza às pessoas em situação de risco e vulnerabilidade em meio à pandemia. .

Saiba mais: www.instagram.com/paradasolidariedade

A audiência poderá colaborar por meio do QR Code exibido na tela ao vivo, e que continuará no site do Sepultura. Ao final de cada mês, será divulgada a prestação de contas de todo valor arrecadado.

Quem quiser curtir o som do Sepultura e interagir com a banda poderá acessar o youtube ou o site do grupo toda quarta-feira, entre 16h e 18h, horário de Brasília.

Links:

Site: www.sepultura.com.br/sepulquarta

Facebook: www.facebook.com/sepultura

Instagram: @sepultura

Twitter: https://twitter.com/sepulturacombr

YouTube: https://www.youtube.com/user/sepulturacombr/


Leandro Caçoilo disponibiliza “Reason to Live” em todas as plataformas digitais

O vocalista Leandro Caçoilo (Viper, Caravellus, Hardshine, Seventh Seal) disponibiliza em todas as plataformas digitais sua primeira música solo “Reason to Live”. A faixa é um presente aos fãs de Caçoilo que o acompanham a muitos anos. A música é de autoria de Leandro Caçoilo e Val Santos, que também gravou as guitarras bases e o baixo. Os solos foram gravados por Daniel Caçoilo e Paulo Soares (Krusader) e a bateria idealizada e gravada por Daniel Moscardini.

Escute “Reason to Live” nas plataformas digitais:
Deezer
http://www.deezer.com/artist/103220532
Spotifyhttps://open.spotify.com/album/2zuYVsgIjzZH8FHQXQHMyI

“É com grande satisfação que lanço minha primeira música solo de toda a minha carreira. Esta faixa é muito especial pois foi concebida com grandes amigos ao meu lado trabalhando e me ajudando intensamente. É um presente para os fãs que me acompanham em todos os anos. Esta faixa é dedicada a vocês”, disse Leandro Caçoilo.

Ficha técnica “Reason to Live”:
Guitarras bases e baixos gravados no Vs studio
Vocais gravados no estúdio de voz Caçoilo
Bateria gravada no IDM- instituto Daniel Moscardini- Brasilia asa Norte
Mix no Vs studio feita por Val Santos
Masterização no Loud factory por Wagner Meirinho
Produção: Leandro Caçoilo e Val Santos

Assista o lyric vídeo de “Reason to Live”https://youtu.be/SmNPCbZNFGY

Links relacionados:
Site Oficial – http://www.leandrocacoilo.com.br/
E-mail para contato: leandrocacoilo@hotmail.com
Facebook – https://www.facebook.com/LeandroCacoilofanpage

Corazones Muertos lançam lyric video de “Subway Boys”

O Corazones Muertos acaba de lançar o lyric vídeo de “Subway Boys”, música que faz parte de seu novo álbum, “Livin’ Dead Stories”, que conta com 10 faixas que transitam pela clássica mistura de punk e Rock’n’Roll, algo que já é bastante característico no som da banda.

O Álbum começa com toda a energia com a faixa de abertura “Subway Boys”. “No Mercy” e “Home Alone”, que já tiveram seus vídeos lançados no começo do ano, são mais dois ótimos exemplos do rock característico dos Corazones. Ainda aparecem algumas novidades na sonoridade presente no novo álbum; as faixas “Dead Stone Rock” e “Runaway Song” apresentam influências de reggae e ska na dose perfeita – mantendo a pegada punk, sem deixar de soar Corazones Muertos. No geral, “Livin´Dead Stories” é um caldeirão de influências, para ouvir do início ao fim.

Assista:
https://www.youtube.com/watch?v=wlAUe-dSDAw&feature=youtu.be

“Livin´Dead Stories” foi gravado, mixado e masterizado pelo eterno parceiro da banda, o produtor Michel Kuaker, no Studio Wah Wah. O lançamento é da Xaninho Discos.

A arte e a capa são de autoria de Luis Oberherr (Overdubs).

O tracklist de “Livin´Dead Stories” vem com as músicas:

1. Subway Boys
2. No Mercy
3. I Don’t Care
4. Home Alone
5. Dead Stone Rock
6. Only Way Out
7. Runaway Song
8. Streets Of Rock & Roll
9. You Can’t  Stop Me
10. Midnight Radio

“Livin Dead Stories” está disponível nas principais plataformas digitais.

Páginas relacionadas:
www.facebook.com/officialcorazonesmuertos/
www.facebook.com/xaninhodiscosbrazil/
www.xaninhodiscos.com.br
www.facebook.com/lpmetalpress/

The Secret Society confirma data de lançamento do novo álbum “Rites of Fire”

Após tocar ao lado de grandes nomes como Dee Snider, Europe, Sisters of Mercy, Deathstars, Uli Jon Roth, Angra, Shaman, além de participação na HORROR EXPO 2019, a banda The Secret Society lançará, no próximo dia 9 de setembro, o álbum “Rites Of Fire” via Red Records Music.

Com músicos experientes e um background impressionante, o grupo, formado das cinzas da banda cult Primal, traz toda a escuridão do death rock, o brilho das guitarras do hard rock mesclando perfeitamente elementos do pós-punk, com as vibrações niilistas do gothic e o peso do heavy metal.

“Rites Of Fire” foi gravado nos estúdios Nico’s e The Secret Bunker, em Curitiba (PR). A produção tem a assinatura do músico e arranjador Luciano Nunes em conjunto com a banda. A mixagem e masterização ficou a cargo do renomado Adriano Daga. A arte da capa foi desenvolvida por Alysson Pugas e as fotografias são de Daniele Durães.

Este trabalho chegará ao mercado com edição limitada de 500 cópias, incluindo quatro faixas bônus: “The Architecture Of Melancholy”, “Fields Of Glass”, “Deciduous” (Les Feuilles Mortes) e “A New Day”. 

Guto Diaz (voz/baixo), Fabiano Cavassin (guitarra) e Orlando Custódio (bateria) chamaram bastante a atenção dos meios de comunicação previamente ao disponibilizar este disco nas principais plataformas digitais, no último dia 18 de outubro de 2019, além dos vídeos para “The Architecture of Melancholy” e “Rubicon”.

O tracklisting de “Rites of Fire” é o seguinte:
Mephistofaustian Transluciferation
Beyond The Gates
Memento Mori
Chariots of the Gods
Rites of Fire
Sleeping Over Debris
The Final Cut
Mercy
Rubicon

Formada em 2016, em Curitiba, The Secret Society já nasceu com duas décadas de experiência no currículo, ao contar com integrantes que contribuíram para que a capital paranaense fosse reconhecida com um dos berços do rock nacional, tais como as lendárias Primal, Epidemic e Abaixo de Deus.

The Secret Society é a perfeita pedida aos amantes de grandes mestres como Christian Death, TSOL, Killing Joke, Siouxsie And The Banshees, Danzig, The Cure, The Sisters of Mercy, The Cult, Bauhaus, Paradise Lost, The Mission, Joy Division e Nick Cave, trazendo uma sonoridade bem criativa em um cenário musical cada vez mais repetitivo.

Produtores interessados em contratar o show do TSS devem entrar em contato com Mosh Productions, Management & Tours enviando e-mail para Andre.Smirnoff@hotmail.co.uk.

Links relacionados:
www.thesecretsociety.com.br
www.redrecords.com.br
facebook.com/wearethesecretsociety
facebook.com/redrecordsmusic

Stone Age A.D.: versão acústica de “Meek Dog” é de tirar o fôlego de quem assistir

Envoltos a magia nostálgica de uma época que marcou história, onde bandas surgiam com atmosferas progressivas, rock and roll e psicodélicas entre os anos 60 e 70, a banda Stone Age A.D. se embebeda desta fonte e traz toda aquela riqueza instrumental, feeling, improvisação e arranjos, para apresentar ao público sua sonoridade clássica e ao mesmo tempo, moderna.

Recentemente fez um vídeo acústico para uma de suas músicas lançadas no álbum, “The Awakening of Magician” que foi disponibilizado em versão física e digital no ano de 2018. Uma das faixas mais envolventes desse registro, Meek Dog, que está disponível no disco em versão elétrica, obtém no YouTube do Stone Age A.D. uma versão atípica, muito bem elaborada e acústica.

A versão criada especialmente para os seguidores de YouTube da banda, é frequentemente comentada pelos fãs como uma obra incrível e que comprova toda a versatilidade do grupo em recriar suas músicas com elementos diferentes sem perder a qualidade.

Confira o vídeo acústico de Meek Dog:

Stone Age A.D. é:

Matheus Campista (Guitarra/Violão)

Philipe Antunes (Voz/Violão)

Leandro Abrita (Baixo)

Frederico Fontes (Teclado)

Marcelo Athouguia (Bateria)

Mais Informações:

http://www.stoneagead.com/

https://www.facebook.com/StoneAgeAD/

https://www.instagram.com/stoneage_ad/

Justabeli: assista teaser com primeiras imagens do novo videoclipe “Intense Heavy Clash”

Os gigantes brasileiros do Black/Death Metal, Justabeli, disponibilizou com exclusividade em suas redes sociais, um teaser que apresenta partes do novo videoclipe da banda que oficialmente será lançado neste domingo, 16 de agosto.

O vídeo de “Intense Heavy Clash”, faixa que dá nome e abre o último álbum lançado pela banda, foi captado em um show ao vivo que a banda realizou no ano de 2019 em São Paulo.

Assista pela sua rede social favorita:

Instagram:

https://www.instagram.com/tv/CD1D_PeAO2P/?hl=pt-br

Facebook:

https://web.facebook.com/justabeli/videos/712628769293649

A música “Intense Heavy Clash” pode ser conferida em todas as plataformas digitais. Abaixo link para você escutar ela direto pelo SPotify:

Justabeli:

War Pherys – Baixo/Vocal

Blasphemer – Guitarra

Morbus Deimos – Bateria

Mais informações:

Facebook: https://www.facebook.com/justabeli/

Instagram: https://www.instagram.com/justabeli/

YouTube: https://www.youtube.com/user/JUSTABELIWAR

Overdose Nuclear: Representando o Metal brasileiro em festival online latino-americano

A banda OVERDOSE NUCLEAR, de Ubatuba/SP, será a única banda brasileira presente na segunda edição do festival online “Pandemic Terror Fest”, que será realizado no dia 29 de agosto, a partir das 22h. Organizado pela Living Metal Producciones, o evento contará ainda com as seguintes bandas (confirmadas até o momento): Evilution (Colômbia), Next (México), War Kabinett (México), 4Estigma (Chile), GuerraSanta (Argetina), Savanth (México), Derian (Venezuela), Halcón 7 (México) e Atavi (Colômbia). Será a terceira aparição em festivais online da banda, que já participou do Roadie Crew Online Festival e do Metal com Batata Stay Home Festival.

Para mais informações sobre o festival, acesse:

https://www.facebook.com/LivingMetal

OVERDOSE NUCLEAR também planeja para o dia 19/09 a edição online de seu próprio festival, o “Inverno de Aço”. Segundo comunicado do vocalista Julio Candinho, O inverno está chegando ao fim, mas a pandemia não, então nos reunimos e decidimos realizar a edição 2020 do festival em formato “Live streaming” no YouTube e Facebook para matarmos um pouco da saudade do nosso underground e ajudarmos as bandas. Faremos uma Vakinha Online e todo o dinheiro arrecadado será dividido entre as bandas participantes do festival!”. O cast do evento e demais informações serão divulgadas em breve.

Assista ao video clipe de “Kriatura”:

https://www.youtube.com/watch?v=YlDI0PClVkc

Ouça “Overdose Nuclear” no Spotify:

Contatos:

Site oficial: www.overdosenuclear.com.br

Facebook: www.facebook.com/OverdoseNuclear

Instagram: www.instagram.com/overdosenuclear

Assessoria de Imprensa: www.wargodspress.com.br

A-HA: Turnê Mundial “Hunting High And Low” remarca datas no Brasil para agosto de 2021

Em comemoração aos 35 anos do lançamento de um dos mais influentes álbuns da história da música pop, trio norueguês marca novas datas para apresentações em Salvador, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, São Paulo e Curitiba devido à pandemia do COVID-19.

A turnê mundial que celebra o aniversário de 35 anos do álbum de estreia do grupo norueguês A-HA, “Hunting High AndLow”, tem novas datas para chegar ao Brasil. Adiada em decorrência da pandemia de Covid-19, os shows irão acontecer agora em 2021, em14 de agosto, na Arena Fonte Nova, em Salvador18 de agosto no Expominas, em Belo Horizonte19 de agosto na Jeunesse Arena, Rio de Janeiro21 de agosto no Espaço das Américas, em São Paulo e em 24 de agosto no Teatro Positivo, em Curitiba.

Hunting High AndLow” é considerado hoje um dos mais importantes álbuns da história da música pop, que apresentou ao mundo hits atemporais como “Take On Me”, “The Sun Always Shines On TV”, “TrainOfThought” e, claro, “Hunting High And Low”. O álbum é tocado integralmente nos shows da turnê, que tem recebido críticas entusiasmadas da imprensa e aclamação do público.

A turnê nacional do A-HA é mais uma realização da Move Concerts, com patrocínio da ItaipavaPremium e TNT Energy Drink (exceto Curitiba e São Paulo).Setores, preçode ingressos e data de início de venda serão informados em breve!

Formado pelo cantor MortenHarket, pelo tecladista Magne Furuholmen e pelo guitarrista PålWaaktaar-Savoy, o A-HA é uma das bandas mais celebradas por sua brilhante carreira desde os anos 80. O grupo lançou nove álbuns de estúdio e 40 singles, totalizando mais de 60 milhões de cópias vendidas em todo o mundo, e influenciou gerações de novos artistas, além de continuar se apresentando regularmente com sua formação original em estádios e festivais.

Muitos artistas como Adam Clayton (U2), Morrissey, Robbie Williams, Pet Shop Boys,  Kanye West e Chris Martin (Coldplay) estão entre os fãs confessos do trio norueguês.  Chris Martin diz  que o A-HA foi uma das suas primeiras inspirações e é uma de suas bandas favoritas de todos os tempos. “A primeira banda que eu amei na minha vida. Este disco – algumas das músicas mais bonitas que eu já ouvi. Todo mundo pergunta o que nos inspirou e o que ouvimos quando estávamos crescendo. Quando não tínhamos hits próprios, tocávamos músicas do A-HA.”

O trio também emplacou muitos outros hits globais como o tema de James Bond, “The Living Daylights”, “Cry Wolf”, “I’veBeenLosingYou” e “Analogue”, em colaboração com Max Martin, em 2005. Seu lançamento mais recente foi uma coleção da MTV Unplugged em 2017, com colaborações com Ian McCulloch do Echo& The Bunnymen e Alison Moyet.A NME declarou recentemente que Hunting High AndLow é um dos poucos álbuns que passaram maravilhosamente pelo teste do tempo e, ainda hoje, seus arranjos soam tão bem quanto há 35 anos.

Como o baterista PålWaaktaar-Savoy diz, “Não existe uma só música neste álbum que não queiramos tocar ao vivo ainda hoje.”

Fighter: Confira single e vídeo clipe da inédita “Arte da Guerra”

A banda gaúcha FIGHTER está lançando um vídeo clipe para o single “Arte da Guerra”, também disponível nas plataformas digitais. O lançamento da faixa inédita em diversos formatos complementa uma divulgação paralela aos vídeos do álbum ao vivo “VII (Live Session)”, onde a banda lança, a cada mês, um vídeo com uma música diferente, presente no registro em formato “Live Session”. “Arte Da Guerra” buscou inspiração no tema “imortalidade”, onde a letra traz uma visão/relato de um personagem ambientado em todos os momentos mais tensos, porém importantes e históricos da humanidade: as guerras. O vocalista Cesar Branco explicou o conceito da música: “a coisa que eu mais amo em fazer música, rock, é a possibilidade de viajar, sem limites, para qualquer atmosfera de assunto para me inspirar, e assim, de fato passar uma mensagem acertada. Acho que tratar a “Arte da Guerra” em um cenário denso e histórico da humanidade, através da visão de um personagem à la “highlander”, é muito mais que um mero estudo de história ou político, é a reflexão do quão raso e frágil é a maior das ambições humanas, o poder”.

Assista ao vídeo clipe:

Ouça “Arte da Guerra” no Spotify:

Cesar Branco (vocal), Alexsandro Gabrielli (guitarra e backing vocal) e Guilherme Adamatti (bateria) contaram com o apoio de Jonas Godoy (Estúdio Linha Sonora) na produção musical, Johnny Brando (filmagem e edição), Jennifer Poletto/Náufragos Design (design de arte) e Cesar Branco (produção geral).

Ouça “VII” no Spotify:

Contatos:

Facebook: www.facebook.com/bandafighter
Instagram: www.instagram.com/fighter_banda

Youtube: www.youtube.com/fighterhardrock
Assessoria de Imprensa: www.wargodspress.com.br