Tag Archives: Hbb

Dead Fish divulga “Afasia”, faixa ao vivo do DVD “XXV Ao Vivo Em SP”

Foto: Guilherme Fernandez

Formada na capital capixaba, e considerada um dos principais nomes do hardcore no Brasil, a banda Dead Fish registrou em 2016 seus 25 anos de carreira em uma apresentação na Audio Club, casa de shows na capital paulista.

Questionado sobre a experiência de gravar na Audio Club, o vocalista Rodrigo afirma: “É o mesmo sentimento que tive quando batemos o recorde de arrecadação no crowdfunding do álbum ‘Vitória'”.

“XXV Ao Vivo Em SP”, será lançado pela Hearts Bleed Blue (HBB) nos formatos DVD e CD, com 34 faixas que revisitam a carreira da banda. O registro, que tem direção de Daniel Ferro e áudio gravado por Fernando Sanchez, tem a participação dos ex-integrantes Murilo nas faixas “Ad Infinitum” e “Revólver”; e Phill (CPM 22) nas faixas “Asfalto” e “Diesel”, Victor Isensee (ex-Forfun e Braza) em “Tão Iguais”, Michele (fã) em “MST” e do Rapper Black Alien em “Mulheres Negras”.

“Afasia”, lançada originalmente em 2001 no álbum que leva o mesmo nome, além de ser o primeiro single deste registro ao vivo, é faixa que abre o DVD de 25 anos do Dead Fish.

“Esse trabalho marca nossa história. Primeiro por ser muito bem feito e segundo por fechar mais um ciclo da banda e começar outro. Ter chamado ex-integrantes pra estarem conosco todo tempo foi importante, me fez lembrar um monte de histórias que vivemos e que enfim se tornaram história. Os convidados de outras bandas foram perfeitos e muito generosos, a Michele Escoura veio de Belém pra estar conosco, um dos maiores rappers do planeta ensaiou conosco, deu ideias e ainda quis cantar o refrão de ‘Mulheres Negras’ conosco. É realmente um marco pra banda”, finaliza Rodrigo.

Ouça o single “Afasia”:
https://onerpm.lnk.to/Afasia

Assista ao vídeo de “Afasia”:
www.youtube.com/watch?v=z5YNj_Lvyn8

Garanta a sua cópia na pré-venda:
www.hbbstore.com/tag?tag=Dead_Fish

 Ouvir
Assistir
Comprar

Dead Fish anuncia pré-venda de “Sonho Médio” em vinil colorido

Originalmente de 1999, “Sonho Médio”, considerado um clássico da banda brasileira de hardcore Dead Fish, será relançado em LP pela gravadora Hearts Bleed Blue (HBB) em parceria com a Läjä Records e o selo DFSTR Records.

“O ‘Sonho Médio’ é o principal disco do Dead Fish nos seus primeiros 12 anos de carreira, e é um clássico pra mim. Lembro de quase tudo desde a produção até a tour desse disco”, conta o vocalista Rodrigo Lima.

O álbum de quatorze faixas, produzido e mixado por Marcelo “Índio” Cardoso, conta com as participações especiais de Sandro Juliati (Mukeka Di Rato), Tati e Matê Wuo (Crivo), Stefano Mathias (Ex-Mukeka Di Rato / Dr. Mobral) e Marcelo Buteri (Dead Fish / Mono / Os Pedreiro).

O relançamento, em vinil 180g na cor verde, foi remasterizado por Fernando Sanches no estúdio El Rocha em São Paulo e tem uma nova capa, desenvolvida por Alex Vieira, da revista Prego.

Questionado sobre as suas músicas preferidas neste lançamento, Rodrigo afirma: “Tenho algumas: ‘Sonho Médio’, que nunca cansamos de colocar no set, e ‘Mulheres Negras’ e ‘Escapando’, que são músicas que gosto muito também”.

Garanta a sua cópia na pré-venda:
www.hbbstore.com//sonhomedio_lp

Escute “Sonho Médio”:
www.hbbrecords.com/sonho-medio

Water Rats lança videoclipe de “Mad Dog”

Foto: Tinho Sousa

A banda de garage punk Water Rats divulgou nesta quinta-feira (25) o videoclipe da faixa “Mad Dog”, que faz uma paródia sobre a vida de pessoas viciadas em internet.

Gravado em Sevilla, na Espanha, durante a turnê do Water Rats na Europa, o videoclipe teve o resultado comemorado pelo grupo. “Ficou animal, era bem o que esperávamos, dentro da nossa referência, que eram os clipes do Beastie Boys. Só que o nosso, na versão mundo medieval (rs)”, diz Alexandre Capilé. A direção de “Mad Dog” é assinada por Dênis Carrion, que segundo Capilé captou a ideia da banda, “que era não tocar a música, e sim interpreta-la como nos clipes de Hip hop”.

O Water Rats pretende continuar a turnê do EP “Hellway To High”, lançado neste ano pela Hearts Bleed Blue (HBB) em parceria com a Laja Records e a gravadora americana Placenta Recordings, até o primeiro semestre de 2017, quando a banda deve começar a preparar o seu segundo álbum.

Assista ao videoclipe de “Mad Dog”: https://youtu.be/8aEdxj2lnNY

Hellway To High” foi gravado e mixado em Seattle, nos EUA, por Bryan Pugh e Jack Endino, que já trabalhou com nomes como Nirvana, Soundgarden e Mudhoney.

Escute “Hellway To High”:
www.hbbrecords.com/hellway-to-high

Garanta a sua cópia em vinil: www.hbbstore.com

Depois de oito anos, Ultramen retoma carreira com DVD e álbum ao vivo

Formada em 1991, na faculdade de biologia da UFRGS em Porto Alegre, a banda Ultramen decidiu dar uma pausa por tempo indeterminado em 2008. Antes de encerrar as atividades, o grupo registrou o show de despedida no bar Opinião, na capital gaúcha.

Oito anos se passaram desde a gravação, e agora o Ultramen retoma as atividades para comemorar 25 anos de banda com o lançamento do DVD + CD ao vivo gravado na época. O material intitulado “Máquina do Tempo” será lançado pela gravadora paulista Hearts Bleed Blue (HBB).

Com direção de Cláudio Veríssimo e edição da NRML Vídeos, o DVD conta com 25 faixas, seis a mais que o CD, que chega ao mercado com 19 músicas e produção de Glauco Minossi em conjunto com a banda. O formato vem acompanhado do videoclipe da inédita “Robot Baby”.

“Máquina do Tempo” é o primeiro registro ao vivo da banda e tem a participação do Rapper Du e Curuman (Manos do Rap) na faixa “Erga Suas Mãos”, Baze & Buiu em “Esse é o Meu Compromisso” e Andréa Cavalheiro (The Hard Working Band) em “Bico de Luz”. O guitarrista Alexandre G.U.R.I., que tocou no Ultramen entre 2000 e 2004, também participa das gravações. “Ele toca em algumas músicas do DVD junto com Júlio Porto, causando algo inédito até então: duas guitarras ao vivo”, conta o vocalista Tonho Crocco.

Pablo Zambeli assina a arte do DVD + CD que já está em pré-venda pelo site da HBBStore.

Garanta a sua cópia: www.hbbstore.com

Camarones Orquestra Guitarrística se apresenta em show oficial da Olimpíada Rio 2016

A banda potiguar Camarones Orquestra Guitarrística dá início, no próximo final de semana, a uma série de shows de divulgação do álbum “Rytmus Alucynantis”, lançado em vinil colorido pelo selo paulista Hearts Bleed Blue (HBB). Os shows, que acontecerão entre 29 de julho e 13 de agosto, passam pelos Estados do Rio Grande do Norte, Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo.

Na capital carioca, a banda representará o Rio Grande do Norte em um dos shows oficiais da Olimpíada. A apresentação está marcada para segunda-feira, dia 8 de agosto, às 17h, no “Palco Amanhã” do Boulevard Olímpico.

Além das datas já divulgadas em julho e agosto, o grupo promete anunciar em breve os últimos shows do ano, que acontecerão no mês de setembro, já que o Camarones pretende dar uma pausa para iniciar as gravações do sexto álbum, com lançamento previsto para 2017.

Confira a agenda completa:

Sexta, 29 de julho – Caicó/RN (Aquecimento Festival Dosol 2016)
Sábado, 30 de julho – Santa Cruz/RN (Aquecimento Festival Dosol 2016)
Sexta, 05 de agosto – Guarulhos (SP)
Sábado, 07 de agosto – São Paulo/SP (Ghost Show)
Segunda, 08 de agosto – Rio de Janeiro/RJ (Boulevard Olímpico)
Quarta, 10 de agosto – Rio de Janeiro/RJ (Recreio)
Quinta, 11 de agosto – Juiz de Fora/MG (Musik)
Sexta, 12 de agosto – Belo Horizonte/MG
Sábado, 13 de agosto – Santo André/SP (74 Club)

Ouça “Rytmus Alucynantis”: www.hbbrecords.com/rytmus-alucynantis

Autoramas faz show com Cachorro Grande no Cine Joia em São Paulo

3No próximo dia 05 de agosto, o Autoramas fará o show de lançamento do álbum “O Futuro do Autoramas”, no Cine Joia em São Paulo, ao lado dos gaúchos do Cachorro Grande, que também apresentam o novo álbum, “Electromod”.

O Autoramas emplacou o single “Quando a polícia chegar” nas principais rádios do país e tem levado o show do “O Futuro do Autoramas” a diversas cidades desde o lançamento do disco, em abril, pela gravadora paulista Hearts Bleed Blue (HBB). Este é o sétimo álbum da banda e foi produzido pelo Autoramas e por Lê Almeida e masterizado e mixado por Jim Diamond, produtor de Detroit que já trabalhou com bandas como Sonics, White Stripes e Dirtbombs. As gravações aconteceram em quatro estúdios diferentes no Rio de Janeiro: Toca do Bandido, Escritório, Superstudio e Estúdio da Warner-Chappell.

“Uma das melhores bandas de rock do Brasil merece – e muito! – a sua atenção. A mistura de surf music, punk, garage pop e new wave é divertidíssima (…) Érika (ex-Penélope) – manda muito bem em cima do palco. Isto sem contar as canções de seu mais recente disco, O Futuro dos Autoramas, que são imperdíveis” – Regis Tadeu

Corre lá:

AUTORAMAS e CACHORRO GRANDE
Lançamento: “O Futuro dos Autoramas” e “Electromod”
Local: Cine Joia – Praça Carlos Gomes, 82 – Liberdade – São Paulo/SP
Data: 05 de agosto
Horários: abertura da casa – 22h / shows – 00h
Ingressos: Antecipado – meia R$20 / inteira R$40 Portaria – meia R$25 / inteira R$50
Locais de venda: Livepass
http://www.livepass.com.br/event/cachorro-grande-e-autoramas/

Taunting Glaciers lança a inédita “What Comes Tomorrow Comes Then”

Depois do lançamento do álbum de estreia, “Threshold”, a banda de Blumenau Taunting Glaciers liberou, nesta sexta-feira (22), em todas as plataformas digitais, a faixa inédita “What Comes Tomorrow Comes Then”.

A música foi gravada durante o projeto Converse Rubber Tracks por Jean Dolabella e David Menezes no Estúdio Family Mob e mixada e masterizada por Roberto de Lucena no Takeout Studio. “Coincidentemente foi a primeira vez que gravamos uma música da banda como banda”, conta o vocalista Roberto, que até então, além de compositor, era o responsável pela gravação de todos os instrumentos da Taunting Glaciers. “Foi uma experiência gratificante e inesperada. Com o convite do Converse Rubber Tracks, tivemos a oportunidade de gravar o single semi ao vivo e ter acesso a conhecimentos e equipamentos que fizeram uma diferença no processo ao qual estávamos acostumados e isso pode ser sentido no single, que parece mais solto e orgânico”, explica.

“‘What Comes Tomorrow Comes Then’ representa um momento único onde nossas vidas estão enlaçadas por um amor pleno que nos faz acreditar, independente dos planos, num futuro tão incrível quanto o dia de hoje”, conta o baixista Antonio Augusto. Já segundo Roberto, a canção fala sobre conseguir equilibrar a vida e “entender reciprocidade ao mesmo tempo em que se vive o altruísmo”.

O vocalista ainda explica que a nova faixa sinaliza o que virá nos próximos trabalhos do grupo. “Esse novo single já traz um pouco dos ares de mudança que a banda respira em nossa constante mutação”.

No próximo dia 14 de agosto, a Taunting Glaciers será responsável pela abertura do show dos americanos do Our Last Night em Curitiba.

Ouça “What Comes Tomorrow Comes Then”: https://goo.gl/UEGD9M

Confira todas as informações sobre o show com o Our Last Night:
OUR LAST NIGHT + TAUNTING GLACIERS

Curitiba – 14 de Agosto – Domingo
Local: John Bull Pub – Mateus Leme, 2204. Curitiba – PR
Horário: Portas 17h30 | Primeira Banda 18h15
Preços: De R$ 70 à R$ 140
Vendas Online: www.clubedoingresso.com/ourlastnight-curitiba
Censura: 18 anos

Crackinho, personagem criado por Fábio Mozine, ilustra livro de colorir

Crackinho foi criado durante uma brincadeira entre Fábio Mozine, fundador da Läjä Records e das bandas Mukeka Di Rato, Merda e Os Pedrero, com um amigo de longa data. “Na minha juventude todo dia eu saia pra beber com um amigo. Certo dia ele me ligou pra sair e eu falei: Então, vamos tomar uma cerveja? Aí ele me disse: Não Mozine, vamos fumar crack! A partir daí a gente começou a usar a gíria: “E aí, vamos fumar um crackinho?”, quando íamos beber cerveja”.

Um tempo depois, Mozine desenhou o Crackinho com um lápis aquarelado, digitalizou, fez “um tratamento horrível de contraste e cores pra ficar bege” e colocou no extinto Fotolog da Läjä. Essa foi a primeira aparição do personagem, que rapidamente se tornou popular entre os fãs da gravadora capixaba.

Desde então, o Crackinho passou a estampar bonés, camisetas, canecas, adesivos e ganhou até um boneco personalizado. Foi assim que Mozine teve a ideia de fazer um livro de colorir. “Percebi que várias pessoas faziam seus próprios desenhos do Crackinho, os coloriam e também coloriam ou modificavam os desenhos que eu fazia e colocava na internet. Digamos que sempre utilizo o personagem pra satirizar situações, notícias e produtos.  A própria existência do livro, é uma sátira a livros de colorir, e ao mesmo tempo um produto que atende quem gosta do personagem”, explica.

Mozine é responsável por todos os desenhos que ilustram o livro do Crackinho, mas quem assina o lançamento é a gravadora paulista Hearts Bleed Blue (HBB), que divulgou nesta quinta-feira (21) a pré-venda pela HBB Store. A Läjä ficará com a distribuição do livro.

Questionado sobre o que os fãs do Crackinho podem esperar dos desenhos, Mozine avisa: “É tudo muito nonsense, é difícil tentar criar uma linha logica pra coisa. Eu fiz todos os desenhos numa casa que fica numa lagoa num lugar chamado Mae Ba, a 80 km de Vitória. Essa casa é onde meus pais passam seus finais de semana, tem essa lagoa, tem a praia, tem muitos cachorros vira latas, passarinhos, árvores, e talvez isso tenha sido retratado, mas não foi uma regra.  Tem ele andando de bicicleta, tem ele tipo Belchior, o que dava na cabeça eu desenhava. Detalhe: todos os desenhos saíram de primeira e não tem interferência digital, ou seja, o que saiu, saiu”.

Ciente de que o Crackinho é um personagem polêmico por si só, Mozine explica que existe muito carinho envolvido neste projeto. “Tenho um cuidado imenso com o personagem. Não sou estupido, nem burro, para fazer apologia as drogas. Só um idiota faz apologia as drogas, porque isso é crime. O personagem é nonsense, é humor, e é feito sempre com muito carinho. Tudo que lançamos dele é abraçado pelos fãs, não creio que com o livro será diferente”.

Garanta a sua cópia: www.hbbstore.com

“Para Incomodar”, coletânea com os principais nomes do street punk nacional, ganha volume dois

O Semper Adversus, subselo de street punk da Hearts Bleed Blue (HBB), idealizado por Henrike, vocalista da banda Blind Pigs, anunciou nesta terça-feira (19) a pré-venda em CD do segundo volume da coletânea “Para Incomodar”.

Lançado no final de 2014, o “Para Incomodar” volume 1, surpreendeu os fãs do estilo e teve grande repercussão na cena punk rock nacional e internacional, já que o álbum foi lançado também pelos selos americanos Pirates Press Records e Longshot Music. Com o volume dois da coletânea, não será diferente. A HBB e o Semper Adversus trabalharão em parceria com a Pirates Press e a Longshot no lançamento da versão em LP colorido, que será anunciada em breve.

“Do início da criação do volume um até agora, muitas bandas novas de qualidade apareceram e merecem ser documentadas no que está se tornando uma coleção histórica para o punk rock brasileiro”, conta Henrike. Não Há Mais Volta, Faca Preta, Fibonattis, The Beber’s Operário, Doc 21, Explorados, Biertrupe, Lobos Insanos, Boneyard Club, Provocadores, Caturros, Escuderia, Matte Na’Marra e Dekradi são as bandas que participam do “Para Incomodar” volume 2, que tem masterização de Átila Ardanuy, produtor dos últimos trabalhos do Blind Pigs.

Assinada por Paulo Rocker, a arte do disco é um tributo aos jovens pilotos da Força Aérea Brasileira enviados para lutar na Europa na Segunda Guerra Mundial, e usa os símbolos e as cores da FAB na época. “Este é um capítulo da história brasileira da qual deveríamos nos orgulhar”, afirma Henrike.

Com uma cena próspera, o Brasil tinha sido negligenciado no cenário street punk mundial durante muito tempo, mas como deixou claro a gravadora Pirates Press Records, “agora o mundo pode testemunhar a força e a fúria do punk rock brasileiro”.

Garanta a sua cópia do “Para Incomodar” volume 2 em CD: www.hbbstore.com

Escute o “Para Incomodar” volume 1: www.hbbrecords.com/para-incomodar

Vocalista do Inocentes, Clemente Nascimento, divulga streaming de projeto solo

CLEMENTE E A FANTÁSTICA BANDA SEM NOME
Foto: Tinho Sousa

Figura ilustre da cena punk rock brasileira, Clemente Nascimento, em 1978, já era baixista do Restos de Nada, considerado o primeiro grupo punk paulista. Em 1979, passou pela a banda N.A.I., que depois virou Condutores de Cadáver, e em 1981 fundou o Inocentes, banda que o consagrou no cenário nacional. Atualmente, além do Inocentes, Clemente está à frente da Plebe Rude e tem se dedicado ao primeiro projeto solo intitulado “Clemente e A Fantástica Banda Sem Nome”.

Os músicos que acompanham Clemente na fantástica banda também são veteranos nos palcos: Joe Gomes (ex-Pitty) no baixo, Johnny Monster (Daniel Belleza e Corações em Fúria) na guitarra, e Rodrigo Cerqueira (ex-Skuba/Firebug) na bateria. O grupo passou 2015 ensaiando, descobrindo canções que Clemente havia guardado por anos, e juntos criaram novas sonoridades, sem nenhum compromisso com definições estéticas.

Nesta quarta-feira (13), a banda divulgou o streaming do primeiro disco, “Antes que Seja Tarde”, com lançamento previsto para agosto pela Hearts Bleed Blue (HBB).

Para Clemente, lançar “Antes que Seja Tarde”, é poder mostrar canções que também fazem parte do seu universo, e que ampliam os horizontes da sua música, sem perder a verve das raízes punk e ao mesmo tempo, poder completar uma lacuna que não é preenchida nem pelo Inocentes e nem pela Plebe Rude. “Neste projeto eu tenho a liberdade de experimentar sonoridades diferentes do que as do Inocentes e da Plebe. Tem músicas nesse projeto que foram escritas a 30, 25, 20 anos atrás, mas não tinham a cara das outras bandas, e quando nos reunimos acabei compondo algumas músicas com a banda e outras sozinho, já inspirado pelo clima desse disco, que é mais lírico e lúdico, sem perder o frescor alternativo”, explica.

“Antes que Seja Tarde”, foi gravado em 2016 no estúdio Espaço Som com produção de Wagner Bernardes.

Escute “Antes que Seja Tarde”: http://smarturl.it/AntesQueSejaTarde

Garanta a sua cópia na pré-venda: www.hbbstore.com

Zumbis do Espaço lança “Em Uma Missão de Satanás” e videoclipe com imagens de Zé do Caixão

Após comemorar vinte anos ininterruptos de carreira, a banda de horror rock Zumbis do Espaço lançou, pela Hearts Bleed Blue (HBB), na última segunda- feira, 06.06.16, o álbum “Em uma missão de Satanás”.

Gravado no estúdio Casanegra em São Paulo e produzido por Rafael Augusto Lopes, o oitavo álbum do Zumbis do Espaço chega ao mercado em CD Digipack, LP 180g amarelo opaco e fita cassete. “Em uma missão de Satanás” tem a arte da capa assinada pelo americano Ed Repka, responsável por ilustrar discos do Circle Jerks, Megadeth, NOFX, Venom, entre outros.

O lançamento “demoníaco” ainda ganhou, nesta quinta-feira (9), o polêmico videoclipe da canção “O Mal Imortal”, dirigido por Marcelo Colaiacovo e Nilson Primitivo, com a participação do José Mojica Marins, o lendário Zé do Caixão. A música, que dá título ao vídeo, também faz parte da trilha sonora do próximo filme do cineasta, “Coração das Trevas”.

As imagens que compõem “O Mal Imortal” foram descobertas por Marcelo Colaiacovo, durante sua pesquisa nos últimos treze anos no acervo de Mojica. Os negativos em 35 milímetros, precariamente protegidos da luz e datados entre 1970 e 1993, foram revelados, gerando um resultado apocalíptico recheado de conteúdos explícitos. Para completar o videoclipe, as cenas dos integrantes do Zumbis do Espaço foram capturadas com o mesmo processo de filmagem.

Ouça “Em uma missão de Satanás”:
www.hbbrecords.com/em-uma-misso-de-satanas

Adquira a sua cópia do novo álbum do Zumbis do Espaço:
http://hbbstore.bseller.com.br/tag?tag=Zumbis_Do_Espaco

Assista “O Mal Imortal”:

Running Like Lions faz show de lançamento de “Rude Awakening”

No próximo sábado (11) a banda Running Like Lions comemora o lançamento do novo álbum, “Rude Awakening”. O show acontecerá no Brewdog Bar em São Paulo e tem entrada gratuita.

O guitarrista Dan Pereira diz que a expectativa do grupo para o evento é positiva, e está certo de que será um grande show. “Jogando em casa, com muitos amigos, celebrando o lançamento do disco mais importante pra gente até então, só nos resta à certeza de que vai ser um dos dias mais especiais da nossa carreira e provavelmente será um dos shows mais memoráveis que vamos fazer”.

“Rude Awakening”, que sairá pela gravadora paulista Hearts Bleed Blue (HBB), é o segundo disco do Running Like Lions. Formada em 2011, a banda acredita que passa por um momento diferente na carreira. “Estamos na nossa fase mais calma e serena, aproveitando muito mais as coisas positivas que nos unem do que o que pode nos derrubar, e cada vez mais presos nas nossas raízes e focados no nosso propósito, muito mais do que nos frutos que a banda pode nos trazer”, conta Dan.

Além do show do Running Like Lions, marcado para as 19h, o evento, que tem início a partir do meio-dia, conta com a discotecagem de Julio Tattoo e o churrasco de rua feito pela BBQ Tour.

Lançamento do “Rude Awakening”
Sábado, 11 de Junho Brewdog Bar: Rua Coropé, 41, Pinheiros. São Paulo – SP
Horário do show: 19h
Entrada gratuita

Outras informações: www.facebook.com/events/109891272751884

Novo álbum do Hateen será lançado neste mês pela HBB

“Não Vai Mais Ter Tristeza Aqui”, com lançamento previsto pela Hearts Bleed Blue (HBB) para o final de junho, é o sexto álbum de estúdio da banda paulistana Hateen, formada atualmente por Rodrigo Koala, Fábio Sonrisal, Leon Luthier e Thiago Carvalho. A pré-venda do novo disco foi anunciada nesta quinta-feira (02) pela HBB Store.

Na última semana, o grupo, fundado em 1994, disponibilizou o single “Passa o Tempo” com a convidada Dani Vellocet nos vocais. Além da vocalista da Mecanika, o álbum conta ainda com as participações especiais de Rodrigo Lima do Dead Fish em “Perdendo O Controle”, Viviane Sanches Galeazzi nos teclados em “Despedida (Com Dó Menor)” e Paulo Anhaia nos backing vocals.

O streaming de “Não Vai Mais Ter Tristeza Aqui”, produzido, mixado e masterizado por Lampadinha, deve ser divulgado no próximo dia 17 e o show de lançamento acontecerá no dia 25 de junho no Hangar 110 em São Paulo.

Garanta a sua cópia de “Não Vai Mais Ter Tristeza Aqui” na pré-venda:
www.hbbstore.com/hateendisconovo

Escute o single: www.youtube.com/watch?v=BCtYfhNO85c

Vá ao show de lançamento:

HATEEN
São Paulo – 25 de Junho – Sábado
Local: Hangar 110 – Rua Rodolfo Miranda, 110. Bom Retiro. São Paulo – SP
Horário: A partir das 19h
Bandas convidadas: Magüerbes, Montese, Rawfire
Preço: R$ 20 (Antecipado)
Ponto de Venda: Loja 255 – Galeria do Rock: R. 24 de Maio, 62.
Vendas online: http://www.hangar110.com.br

Dance of Days leva “Amor-Fati” ao Showlivre nesta quinta-feira

A banda paulista Dance of Days, apresenta nesta quinta-feira (14) no programa Showlivre, parte do repertório de “Amor-Fati”, álbum recém-lançado pela gravadora Hearts Bleed Blue (HBB).

O lançamento marca o retorno do grupo, que depois de uma pausa para recarregar as baterias, voltou com nova formação. Com onze faixas, o álbum comtempla o momento em que a banda se encontra com intensidade. “Amor-Fati é integralmente 2016, feito pelo e para o presente da banda e reflete exatamente a fase que estamos vivendo, tanto musicalmente, com a soma de nossas preferências e influências, como liricamente”, explica o vocalista Nenê Altro, que deixa claro que o Dance of Days sempre foi uma banda confessional e autobiográfica.

Nenê Altro também garante que “Amor-Fati” é um dos álbuns mais importantes já feitos pelo Dance of Days. “É um álbum fantástico, acho que um dos melhores da história da banda, não só pela maturidade que atingimos ou pela experiência de quase 20 anos de estrada, mas também pela carga emotiva que ele está carregando. Cada um deu o melhor de si e o resultado foi visceral”.

A apresentação do Dance of Days no Showlivre vai ao ar amanhã às 14h.

Não perca!
Dance of Days no Estúdio Showlivre
Data: quinta-feira, 14 de abril de 2016  as 14h
Onde ver: http://showlivre.com/aovivo
Perguntas e recados: @showlivre

ACIDENTAL lança nova canção em videoclipe

O Acidental, projeto fundado por Alexandre M., baixista da banda Mundo Alto, anunciou nesta terça-feira (12) o videoclipe de “Prata”, faixa do novo EP que será lançado em fita cassete pela Hearts Bleed Blue (HBB).

As imagens foram captadas por Alexandre M., que ao lado do baixista Chuim assina a direção do videoclipe, durante algumas de suas viagens. Parte das cenas foram gravadas em Blumenau, cidade Natal de Alexandre, nos momentos em que visitava a família, e outras passagens se deram durante a turnê do Mundo Alto nas cidades de Curitiba, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Natal, Porto Alegre e São Paulo.

Segundo Alexandre, apesar do videoclipe ter sido filmado em diferentes cidades, dificilmente os lugares serão identificados. “São imagens incomuns, e a ideia do clipe veio de tentar fazer um vídeo sem um roteiro ou sequência, somente com imagens aleatórias e o objetivo de criar suspense no espectador. Me inspirei em filmes terror e suspense e o Chuim conseguiu traduzir perfeitamente minhas ideias“.

“Prata”, explica Alexandre, foi composta há mais de dez anos e tem o metal da medalha de segundo lugar como inspiração. “Fui atleta até os 16 anos e nas corridas eu nunca fiquei em primeiro, sempre ganhava a [medalha de] prata! Na música, estou falando sobre aceitar o segundo lugar, porque na época eu fica muito contente em ganhar uma medalha, qualquer uma que fosse, só que eu parava de tentar o ouro. Atualmente eu persigo o ouro, assim como todo mundo, mas com certeza não me importo se vier a prata“.

Frio/Prata, é o segundo EP do Acidental, e repete o formato de duas músicas do primeiro lançamento do grupo (Eu Venci/Teste, 2015). Os dois trabalhos serão lançados em fita cassete no próximo mês.

Assista ao videoclipe de “Prata”: www.youtube.com
Garanta os dois EPs do Acidental: www.hbbstore.com

Frio/Prata, é o segundo EP do Acidental, e repete o formato de duas músicas do primeiro lançamento do grupo (Eu Venci/Teste, 2015). Os dois trabalhos serão lançados em fita cassete no próximo mês.

Garanta os dois EPs do Acidental: www.hbbstore.com

Reedição de “Crucificados Pelo Sistema” ganha destaque no mês de seu lançamento

A Hearts Bleed Blue (HBB), ao lado das gravadoras Läjä Records e Bruaki!, relançou no começo do mês, em CD e LP, o álbum de estreia do Ratos de Porão, “Crucificados pelo Sistema”, lançado originalmente em 1984. A nova edição do clássico tem capa na cor preta e versão especial em vinil 180 gramas, que vem acompanhado de um EP 7 polegadas inédito, com seis músicas, gravado ao vivo em 1983 no Napalm, lendária casa de show de São Paulo.

“Crucificados pelo Sistema” é um marco na história do punk rock nacional foi tratado como tal pela mídia especializada. O jornal O Estado de São Paulo anunciou a edição comemorativa como sendo o relançamento do “primeiro disco punk da América Latina”. O G1 também citou o álbum nos lançamentos significativos do mês. A Noisey Vice se encarregou do streaming do EP ao vivo, e Mauro Ferreira, colunista do jornal O Dia e do blog Notas Musicais, considera o título um “item de discoteca básica”.

“A reedição em CD de Crucificados pelo Sistema cumpre a nobre missão de repor em catálogo um álbum que resiste esplendidamente bem ao tempo. Aliás, o hardcore punk do Ratos de Porão bem poderia ser a trilha sonora dos tempos atuais, de aura igualmente punk” – Mauro Ferreira (jornal O Dia / Notas Musicais).

Garanta a sua cópia do “Crucificados pelo Sistema”: www.hbbrecords.com

“Unhanded” é o novo videoclipe da Taunting Glaciers

A banda de post-hardcore Taunting Glaciers lançou nesta terça-feira (8) o videoclipe da canção “Unhanded”, que faz parte do álbum de estreia “Threshold”. Criado em uma atmosfera de mudança na vida de seu idealizador, Roberto Lucena, “Threshold” será lançado pela Hearts Bleed Blue (HBB) no final deste mês.

A faixa escolhida para o videoclipe, “Unhanded”, fala sobre a experiência do vocalista como pai e marido e sobre aprender a abrir mão de alguns conceitos para abraçar novos sentimentos. “No vídeo aproveitamos o mesmo tema em uma nova perspectiva, ao contar a história de uma dada véspera de natal, na qual um coração é partido antes de uma viagem que deveria ser uma oportunidade de deixar tudo para trás e começar uma nova vida. Mesmo com tantos planos e esperanças, diante de tamanha desilusão ao ser abandonado nessa data, nosso personagem desiste de romantizar a vida a dois e aproveita essa chance pra embarcar sozinho em uma nova jornada“, explica Roberto.

Confira o videoclipe: https://www.youtube.com/watch?v=pzeTW2vM7JY

A Taunting Glaciers fará o show de lançamento de “Threshold” em São Paulo ao lado do Dance Of Days, que também apresentará ao público o novo trabalho intitulado “Amor-Fati”. Os shows acontecerão no dia 27 de Março no Carioca Club a partir das 16h.

Garanta o seu ingresso: www.clubedoingresso.com/danceofdays

The Story So Far lança videoclipe de “Heavy Gloom”

A banda californiana The Story So Far lançou nesta semana o videoclipe da música “Heavy Gloom”. Com direção do Kyle Camarillo e Joey Izzo, o grupo resgata um estilo de filmagem com clima de VHS, que nos lembra um falso documentário inspirado em “A Bruxa de Blair”, somado a momentos cômicos escrachados.

“Heavy Gloom” faz parte do disco “The Story So Far”, o terceiro de estúdio da banda, lançado em 2015 pela Hearts Bleed Blue (HBB) em parceria com a Pure Noise. No começo do ano, para divulgar o álbum, a gravadora paulista promoveu uma série de shows do The Story So Far no Brasil.

Atualmente a banda é considerada um dos principais nomes da nova onda de pop-punk nos Estados Unidos.

Assista ao videoclipe: https://www.youtube.com/watch?v=SYC416R7DJU

The Story So Far “Heavy Gloom” Official Music Video

Assessoria HBB
assessoria@heartsbleedblue.com

WATER RATS TERÁ NOVO EP LANÇADO EM VINIL

WATER RATS Foto: Tinho Sousa

“Hellway To High” é o título do novo EP da banda curitibana Water Rats, formada em 2012, que será lançado ainda neste ano pela Hearts Bleed Blue (HBB) e Laja Records, em parceria com a gravadora americana Placenta Recordings.

O disco de seis faixas foi gravado e mixado em apenas quatro horas em Seatle por Bryan Pugh e Jack Endino, que já trabalhou com nomes como Nirvana, Soundgarden e Mudhoney, durante o projeto Converse Rubber Tracks. “HellwayTo High” chega ao mercado no formato vinil dez polegadas com a arte da capa assinada por Lobo Ramirez.

O Water Rats estreou no último mês, com exclusividade pela Vice, o videoclipe que leva o nome do EP e tem direção de Denis Carrion. As imagens foram feitas em Los Angeles, durante a turnê da banda pelos Estados Unidos em 2015 e o vídeo conta com a participação do baterista Gabe de Castro.

Confira: www.youtube.com/watch?v=7ggVMTCGPWg

Mais informações: Assessoria HBB assessoria@heartsbleedblue.com

HBB anuncia pré-venda de camisetas exclusivas

A Hearts Bleed Blue (HBB) em parceria com a Highlight Sounds fará a distribuição de camisetas oficiais e exclusivas de bandas como: Pennywise, Pixies, Face To Face, Ignite e Asking Alexandria. Durante o período da pré- venda as camisetas estão sendo vendidas no site da HBB Store com até 20% de desconto.

Outra novidade da loja da gravadora é a pré-venda de modelos especiais de camisetas da banda Autoramas, desenhadas pelo ilustrador Paulo Rocker. Ainda é possível encontrar na pré-venda da HBB Store camisetas do Dance Of Days e da banda americana Superheaven.

Corre lá: www.hbbstore.com