Tag Archives: Pain Of Salvation

RESENHA: Pain of Salvation realiza apresentação incrível em São Paulo

Apesar do atraso e com setlist reduzido, os integrantes transformaram o feriado em uma noite agradável e memorável aos fãs

Texto: Lucas Dias
Fotos: Danielle Feltrin

Após três anos desde a última apresentação em São Paulo, os fãs tiveram mais uma oportunidade de conferir uma incrível apresentação do Pain of Salvation no Carioca Club com a mesma formação de 2012: Daniel Gildenlöw nos vocais principais e guitarra, Ragnar Zolberg na guitarra e vocais, Gustaf Hielm no baixo, Léo Margarit na bateria e Daniel Karlsson nos teclados. Apesar de ter apenas um membro da formação original, encontramos um Pain of Salvation completo e íntegro, com grande aceitação da galera.

Sabíamos que o show de São Paulo teria alguma surpresa. Só não esperávamos que ela fosse surpreender, inclusive, a banda: o voo do Pain of Salvation de Curitiba para São Paulo teve um atraso de sete horas, obrigando os integrantes a saírem diretamente do aeroporto de Congonhas para a casa de shows. Isso influenciou no curto tempo de abertura dos andreenses Seventh Seal, que executaram apenas quatro canções do álbum “Mechanical Souls” (2014). Apesar do setlist reduzido, a empolgação da banda, junto a um gigante set de bateria bem no meio do palco, chamou bastante a atenção e agradou aos presentes, com o vocalista sempre ressaltando a importância de apoiarmos o metal nacional – o que não foi difícil com esses caras arrebentando no palco!

Pouco tempo após o fim da apresentação do Seventh Seal, ainda em meio às luzes altas, conversa e desatenção, começava o sample do álbum Remedy Lane (2002). Com os músicos adentrando ao palco um a um, iniciou-se então uma bela sequência de Of Two Beginnings, Ending Theme, Fandango e Trace of Blood. Essa última, sem dúvidas, um dos grandes momentos do show, com direito a refrão cantado em uníssono por todo o público presente.

Nesse momento, Daniel Gildenlöw comentou sobre sua fama de conversar bastante com o público durante seus shows. Mas, devido ao atraso, ele tinha que simplesmente seguir tocando, sem muitas interações, para que conseguisse cumprir o setlist programado. Deu então início ao riff inicial de Linoleum, e pediu que o público gritasse o mais alto possível logo de uma vez, renunciando à brincadeira que havia feito, nessa mesma música, nos shows anteriores no Rio e em Curitiba. Linoleum moveu bastante a galera, sendo, talvez, o ponto onde houve maior interação do público.

De volta a 1997, ano de lançamento do álbum Entropia, fomos presenteados com Foreword e People Passing By. Ótima escolha para os fãs mais antigos da banda. Podia-se perceber, no entanto, um cansaço evidente dos músicos, somado aos pesares de um dia onde se acorda com o pé esquerdo: a correia do baixo de Gustaf insistia em se soltar, uma corda da guitarra de Gildenlöw se rompeu, e a guitarra de Ragnar teimava em falhar de tempos em tempos. A banda soube se sobressair a todos os problemas, e ambas as músicas foram lindamente executadas, com direito aos incríveis pulos e movimentos no palco que davam ainda mais gás à apresentação.

Instrumentos deixados de lado, vocais a postos, era hora de 1979. Uma grande demonstração do porquê de Pain of Salvation não ser apenas mais uma banda entre tantas. Esse, talvez, foi o momento mais “delicado” do show, em que Daniel, com uma luz azul intensa sobre o palco, se agachou e cantou perto dos fãs, tornando o momento sublime para quem estava ali. Seguiram com Rope Ends, sem o solo de Ragnar devido a problemas técnicos, no entanto, mais uma vez, linda e emocionante. O PoS é realmente mestre quando o assunto é sentimento e autenticidade.

Por tratar-se da véspera do aniversário de Gildenlöw, os fãs entoaram um “Parabéns a Você”, bem recebido pela banda. Enquanto o vocalista comentava sobre a possibilidade de algum fã muito rico lhe presentear com um Ford Mustang ou um Dodge Challenger, uma fã preparada surgiu com um botão de rosa, em meio à multidão. Daniel aceitou o presente, e agradeceu, já que ninguém se prontificou a presenteá-lo com os carros.

Seguindo com o show, a instrumental Dryad of the Woods abriu as portas para a fantástica Beyond the Pale. É fato que, cantado a uma só voz, o verso: “Losing control and I don’t know if I am TRUE AT ALL” fez o Carioca Club tremer. A banda terminou o som, saiu do palco e a galera pediu mais. Pediram por Chain Sling. Pediram por Undertow. Mas receberam Ashes. E convenhamos, não há como argumentar contra Ashes. Os pedidos foram deixados de lado, e o público cantou junto, do início ao fim. Finalizando o setlist, uma apropriada Physics of Gridlock, com direito a coro em francês no encerramento da canção.

Resumindo, o show foi excelente. Para os fãs mais antigos, foi mágico, mais do que poderiam ter pedido. Para fãs mais recentes, uma bela demonstração do que o Pain of Salvation é capaz. A banda se despediu, deixou o palco, e o sentimento era de que havia sido tudo muito rápido. Foi tudo muito rápido. Afinal, somos humanos, e o tempo passa muito mais rápido quando estamos felizes. Somos humanos, muito mais humanos do que gostaríamos de ser – como já diria a canção “Beyond the Pale”.

Mais fotos em:
https://goo.gl/PZCPXG

Setlist:

  1. Of Two Beginnings
  2. Ending Theme
  3. Fandango
  4. A Trace of Blood
  5. Linoleum
  6. !(Foreword)
  7. People Passing By
  8. 1979
  9. Rope Ends
  10. Dryad of the Woods
  11. Beyond the Pale

Encore:

  1. Ashes
  2. The Physics of Gridlock

Pain Of Salvation chega à Curitiba essa semana

O estilo da banda sueca Pain Of Salvation é difícil de se rotular, pois sua rica musicalidade mescla diversas influências. Mesmo assim, eles se tornaram referência no Rock Progressivo contemporâneo, normalmente investindo em álbuns temáticos. As letras, em geral, abordam temas humanos, efeitos da guerra na sociedade e meio ambiente.

E para divulgar o mais recente álbum, Falling Home, o Pain Of Salvation virá pela primeira vez a Curitiba no dia 03 de junho (véspera de feriado), para se apresentar no palco do Music Hall (R. Engenheiros Rebouças, 1645). Para abrilhantar o evento, o ThirdEar, que vem colhendo bons frutos após o lançamento do álbum Resilience, foi o grupo convidado para fazer a apresentação de abertura. A casa terá seus portões abertos a partir das 19h30.

Os ingressos estão a venda no Ticket Brasil (https://ticketbrasil.com.br/show/2853-painofsalvation-pr) e nas lojas Dr. Rock, Let’s Rock, Túnel do Rock e Monstros do Rock, por 90 reais (2º lote).

SERVIÇO
PAIN OF SALVATION e THIRDEAR em CURITIBA
Data: 03 de junho de 2015 (quarta)
Local: Music Hall
Endereço: Rua Engenheiros Rebouças, 1645
Horário: 19h (abertura da casa)
Ingressos: R$ 90 (2º lote pista – meia e promocional)

Pontos de venda
Let’s Rock: Gal. Pinheiro Lima – Praça Tiradentes – Lojas 3 e 4 – Centro. Fone: (41) 3324-2676
Túnel do Rock: Rua XV de Novembro, 74 – Centro. Fone: (41) 3322-4077
Dr. Rock: Shopping Metropolitan – Loja 04 – Praça Rui Barbosa. Fone: (41) 3324-0669
Monstros do Rock: Emiliano Perneta 30. Galeria Cesar Franco loja 26. Fone (41) 3022-7786
Online: https://ticketbrasil.com.br/show/2853-painofsalvation-pr

Pain Of Salvation – Falling Home

ThirdEar – Bench Coins

Pain Of Salvation: Show recheado de surpresas no feriado

“Suecos prometem surpresas para o show de quinta-feira, em São Paulo”

Depois de um período bem conturbado e incerto para o líder do Pain Of Salvation, Daniel Gildenlöw – que teve um longo período na UTI no início de 2014, por causa de uma sinistra bactéria em suas costas – o grupo finalmente retorna ao Brasil, e em São Paulo, fazem show na próxima quinta, 04/06, feriado, no Carioca Club.

Com vontade de iniciante, devido ao longo período inativo, Daniel e CIA, prometem um show cheio de surpresas, com músicas do álbum “Remedy Lane”(2002), um dos álbuns preferidos dos fãs do Pain Of Salvation, entre outros, com ênfase nos clássicos.

A abertura ficará por conta do Seventh Seal, que em seu último trabalho, “Mechanical Souls”(2014), se aprofundou de vez no prog metal, com um resultado muito legal.

No finalzinho de 2014, o Pain Of Salvation lançou, “Falling Home”, disco com versões acústicas – outras bem inusitadas – e alguns covers.

Acompanhe a página do evento no Facebook:
https://www.facebook.com/events/359214037610004/

A produção é da TC7 Produções e Metal Music

Serviço:
Pain of Salvation em São Paulo
Dia 04/06- quinta feira (feriado)
Horário:  17h30
Banda convidada: Seventh Seal
Horários dos shows: Seventh Seal- 18h00 / Pain of Salvation- 19h30
Local: Carioca Club- Rua Cardeal Arcoverde, 2899- Pinheiros- São Paulo-SP

Ingressos:
Pista:
Estudante: R$90,00
1 lote: R$100,00
2 lote:  R$120,00
3 lote: R$130,00
Porta:  R$180,00 (Inteira)

Camarote:
1 lote/estudante: R$140,00
2 lote: R$150,00
3 lote: R$160,00

Pontos de Venda:
São Paulo: Mutilation (Galeria do rock) / Carioca Club
Santo André: Metal CDs

Internet- www.ticketbrasil.com.br  / www.clubedoingresso.com

Info- sevenstarsmanag@ig.com.br

Vivalma: Felipe Abud reestreia na ‘Party Of Salvation’

O baterista Felipe Abud fará sua reestreia com a banda paulistana de Prog Metal Vivalma na “Party Of Salvation”, que ocorre no próximo domingo (31), às 17h, no Blackmore Rock Bar, em São Paulo (SP). “Curioso que o nome Pain of Salvation sempre veio em primeiro quando citamos nossas influências. Será um prazer poder participar desta festa e mostrar as faixas de nosso primeiro álbum, ‘Human Effect’, para os fãs de Prog Metal“, diz o tecladista Gus Martins. “Além disso, estamos empolgados em dobro, porque o show marcará a reestreia do baterista Felipe Abud“, acrescenta.

A “Party Of Salvation” ainda contará com a presença dos músicos do Pain Of Salvation, que se apresentará na capital paulista na quinta-feira (04), além de shows das bandas Insane Driver, Metal Jam e Acid Tree. Os ingressos custam R$ 25 e as reservas de mesas podem ser feitas através do e-mail: contato@blackmore.com.br. O Blackmore fica na Al. dos Maracatins, 1317, em Moema, São Paulo (Tel: 11-3804 5678).

Recentemente o Vivalma apresentou mais uma novidade em seu canal do YouTube com uma versão Prog Metal do tema dos filmes dos Vingadores. O roteiro, direção e arte ficaram a cargo do guitarrista Odilon Gonçalves, que também editou o vídeo ao lado do vocalista Marco Petucco. As imagens ficaram a cargo do baixista Raphael Filt. Para ver o tema “Avengers: Prog Metal Version (instrumental)”, acesse:
https://www.youtube.com/watch?v=EpSGbnBPOfg

Mais informações:
http://www.vivalma.com.br
http://www.facebook.com/vivalma

Contato para shows: vivalma@vivalma.com.br

Pain Of Salvation: Informações sobre o show de SP

O Pain Of Salvation retorna ao Brasil par lançar seu novo trabalho, “Falling Home”. A banda tocou aqui pela última vez, em 2012, e depois disso, o mentor, Daniel Gildenlow passou por uma série de problemas de saúde, inclusive, com risco de vida – hoje ele está totalmente recuperado.

Em SP eles tocam no dia 04 de Junho (quinta feira). A abertura fica por conta da banda Seventh Seal.

Confira o clipe da música título, “Falling Home”:

e “1979”:

Acompanhe a página do evento no Facebook:
https://www.facebook.com/events/359214037610004/

A produção é da TC7 Produções e Metal Music

Serviço:
Pain of Salvation em São Paulo
Dia 04/06- quinta feira (feriado)
Horário:  17h30
Banda convidada: Seventh Seal
Horários dos shows: Seventh Seal- 18h00 / Pain of Salvation- 19h30
Local: Carioca Club- Rua Cardeal Arcoverde, 2899- Pinheiros- São Paulo-SP

Ingressos:
Pista:
Estudante: R$90,00
1 lote: R$100,00
2 lote:  R$120,00
3 lote: R$130,00
Porta:  R$180,00 (Inteira)

Camarote:
1 lote/estudante: R$140,00
2 lote: R$150,00
3 lote: R$160,00

Pontos de Venda:
São Paulo: Mutilation (Galeria do rock) / Carioca Club
Santo André: Metal CDs

Internet- www.ticketbrasil.com.br  / www.clubedoingresso.com

Info- sevenstarsmanag@ig.com.br

Vader e Pain Of Salvation: duas bandas internacionais confirmadas para o Roça ‘n’ Roll 2015

A Cangaço Produções Artísticas confirmou a presença das bandas internacionais Vader e Pain Of Salvation na programação da 17ª expedição do Roça ‘n’ Roll. Os grupos são os headliners da edição 2015 do festival e tocam no sábado, 6 de junho, dia principal do evento.

As duas bandas são referências na cena Metal mundial. O polonês Vader é considerado uma das mais tradicionais bandas de Death Metal da Europa. O grupo foi formando no início da década de 80 e possui mais de 20 registros oficiais entre álbuns de estúdio, coletâneas, Ep’s, demos, DVDs e discos ao vivo.

Atualmente, o Vader é formado por Peter (guitarra e vocais), Spider (guitarra), Hal (baixo) e James (bateria). Antes de aportar no país, o quarteto faz shows nos Países Baixos, França, Reino Unido, Espanha, Irlanda, Bélgica, Portugal, Itália, Dubai e Indonésia. Além do Roça ‘n’ Roll, o grupo passa por Belém, Fortaleza, São Paulo, Brasília, Novo Hamburgo, Curitiba, Limeira e Rio de Janeiro pelaBrazil In Fire Tour.

O sueco Pain of Salvation foi formado em 1991 e desenvolve um trabalho musical com elementos do Heavy Metal e do Rock Progressivo. A musicalidade do grupo possui uma atmosfera peculiar e intensa, o que pode ser conferido em nove álbuns de estúdio, três discos ao vivo e dois DVDs.

O álbum mais recente, Falling Home, foi lançado oficialmente no final de 2014 e apresenta versões acústicas de composições da banda e covers de Holy Diver (Dio) e Perfect Day (Lou Reed). O Pain Of Salvation é formado pelos músicos Daniel Gildenlöw (vocais e guitarra), Ragnar Zolberg (guitarra e vocais), Léo Margarit (bateria), Daniel Karlsson (teclados) e Gustaf Hielm (baixo).

Para o produtor Bruno Maia, da Cangaço Produções, a inclusão dessas duas bandas no cast do festival atende públicos diferentes. “Um dos diferenciais do Roça ‘n’ Roll é versatilidade de estilos dentro do Rock/Metal. O fã de Death Metal tem a oportunidade de prestigiar uma bem conceituada no cenário extremo mundial e o fã de Metal Progressivo poderá conferir um show de alto nível técnico e conceitual com o Pain of Salvation”, destaca.

A 17ª expedição do Roça ‘n’ Roll será realizada no dia 6 de junho, durante o feriado prolongado de Corpus Christi, na Fazenda Estrela, zona rural de Varginha.  A organização deve promover eventos especiais nos dias 4 e 5 (quinta e sexta-feira), que ainda serão confirmados.

O Roça ‘n’ Roll tem o patrocínio da Fruty Refrigerantes e incentivo da Lei Estadual de Incentivo à Cultura do Governo de Minas Gerais e da Lei Municipal de Incentivo à Cultura da Prefeitura Municipal de Varginha, da Fundação Cultural do Município de Varginha e do COMIC – Conselho Municipal de Incentivo à Cultura. As informações da 17ª expedição do Roça ‘n’ Roll podem ser acompanhadas pelos canais oficiais do festival nas redes sociais e no site oficial: www.rocainroll.com.

ROÇA ‘N’ ROLL

REDES SOCAIS
Facebook: www.facebook.com/FestivalRocaNRoll
Youtube: www.youtube.com/RocaNRollFestival
Twitter: www.twitter.com/rocainroll

BANDAS

PAIN OF SALVATION:

Ashes
https://www.youtube.com/watch?v=5xreAnQ2ao8

Falling Home
https://www.youtube.com/watch?v=aGILlGzW1Jc

 VADER:

Dark Age
https://www.youtube.com/watch?v=fDOlnMNC53g

Where Angels Weep
https://www.youtube.com/watch?v=2yWpgwDYY9M