Tag Archives: Plebe Rude

Clemente e a Fantástica Banda Sem Nome se apresenta no Teatro Viradalata ao lado do Acidental

No dia 6 de junho, às 21h, o teatro Viradalata recebe o show do Clemente e a Fantástica Banda Sem Nome, que contará com a abertura do grupo Acidental.

Figura ilustre da cena punk rock brasileira, Clemente Nascimento em 1978 já era baixista do Restos de Nada, considerado o primeiro grupo punk paulista. Em 1981 o músico fundou o Inocentes, que o consagrou no cenário nacional. Atualmente, além do Inocentes, Clemente está à frente da Plebe Rude e tem se dedicado ao projeto solo intitulado “Clemente e A Fantástica Banda Sem Nome”. Os músicos que o acompanham na fantástica banda também são veteranos nos palcos: Joe Gomes (ex-Pitty) no baixo, Johnny Monster (Daniel Belleza e os Corações em Fúria) na guitarra, e Rodrigo Cerqueira (ex-Skuba/Firebug) na bateria.

No teatro Viradalata, Clemente apresenta o álbum de estreia “Antes Que Seja Tarde” (Hearts Bleed Blue, 2016), que conta com canções que também fazem parte do seu universo, e que ampliam os horizontes da sua música, sem perder a verve das raízes punk. “Tocar num teatro é sempre diferente, seu trabalho fica mais exposto, nu. As canções ganham uma dimensão gigantesca e a performance vai as alturas, é sempre uma experiência inesquecível”, diz Clemente.

A banda Acidental toca na mesma noite e traz no repertório músicas dos quatro EPs lançados em fitas cassete desde 2015. “Usei esse momento dos EPs para experimentar várias sonoridades e estilos, sem a necessidade de me prender a um tema ou direção. Acho que consegui, neste tempo, definir qual é a ‘vibe’ real da banda”, revela o vocalista e guitarrista Alexandre.

Vá aos shows:
Data: Quarta-feira, 6 de junho, às 21h
Local: Teatro Viradalata – Rua Apinajés, 1387, Perdizes, São Paulo – SP
Ingressos: R$ 30 (meia) / R$ 60 (inteira)
Vendas online: www.ingressorapido.com.br

Ouça as bandas
Clemente e a Fantástica Banda Sem Nome:
hbbrecords.com/antes-que-seja-tarde

Acidental:
hbbrecords.com/surpresa-nada-a-declarar

RESENHA: Plebe Rude – Sesc Pompéia 25/02/16

Texto: Digão
Fotos: Felipe Domingues

Na noite da última quinta-feira, dia 25 de fevereiro de 2016, a banda Plebe Rude comemorou no palco do SESC Pompéia os 30 anos do lançamento de seu primeiro disco, intitulado de “O Concreto já Rachou”, lançado pela gravadora EMI Music Brasil e produzido por Herbert Vianna, integrante da banda Os Paralamas do Sucesso. Disco que rendeu a banda a venda de + de 200.000 copias sendo assim Disco de Ouro e é considerado uns dos 100 melhores discos brasileiros pela revista Rolling Stones, disco que foi tocado na integra durante este show.

ok2

A banda tem como sua formação atual Philippe Seabra (guitarra e voz), André X (baixista e fundador da banda), Clemente (Inocentes – guitarra e voz) e Marcelo Capucci (Bateria), a banda fez uma apresentação impecável para um público fanático que esgotou os ingressos e lotou as dependências do SESC Pompéia, cantando e “dançando” todas as músicas executadas pela banda.

ok

A Plebe Rude tem um show pesado e bem peculiar do qual agrada e envolve a todos que assiste, muito pela voz única inconfundível do seu vocalista principal Philippe e a interação entre vocais com o Clemente durante as músicas, apresentando assim um dos melhores shows do rock nacional na atualidade. O público se entrega e troca energias com o quarteto fazendo assim todos os shows da Plebe uma experiência única.

ok1

Além das comemorações de 30 anos do primeiro disco a banda está na estrada divulgando seu último álbum e o 6º de estúdio intitulado “ Nação Daltônica” lançado em 2014 pela gravadora Substancial Music e produzida pelo Philippe Seabra.

ok3

Mais fotos em:
https://goo.gl/EdSlNg

Setlist:

Sua História
Brasília
Anos de Luta
Luzes
O que Se Faz?
Johnny Vai à Guerra
Medley Nunca Fomos
Mais Um Ano Você
Bravo Mundo Novo
A Ida
Este Ano
Seu Jogo
Discórdia
Sexo & Karatê
Katarina
Pressão Social
Rude Resiliência
Medo
Minha Renda + Goin´ Down
Proteção + Pátria Amada + Censura
Código
Até Quando Esperar

PLEBE RUDE toca na próxima quinta-feira em São Paulo

pleberude_sescpomp

A Plebe Rude esteve presente no epicentro das mudanças que formaram a história moderna brasileira. Formada em 1981, em Brasília a banda ajudou a formar o movimento punk do Planalto Central e há 30 anos a Plebe Rude lançava seu disco mais importante até hoje: O Concreto já rachou. Lançado às vésperas da abertura política suas músicas se tornaram hinos, ao dar voz à juventude brasileira durante as Diretas Já, a anistia e a redemocratização do país. Nesse show os componentes originais Philippe Seabra e Andre X mais Clemente Nascimento e Marcelo Capucci tocam todas as musicas do álbum O Concreto já Rachou além de outros sucessos da banda.

PLEBE RUDE
Data 25/02/2016. quinta-feira, às 21h30.
Comedoria (A capacidade do espaço é de 800 pessoas. Assentos limitados: 150. A compra do ingresso não garante a reserva de assentos)
Abertura da casa às 20h30

Ingressos à venda pelo Portal Sesc SP (www.sescsp.org.br), a partir de 16/02/2016, às 17:30, e nas unidades, a partir de 17/02/2016, às 17h30.
Venda limitada a seis ingressos por pessoa.

R$ 30,00 (inteira); R$ 15,00 (aposentado, pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e servidor da escola pública com comprovante); R$ 9,00 (trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo credenciado no Sesc e dependentes [Credencial Plena]).

SESC Pompeia
Endereço: Rua Clélia, 93
Pompeia – São Paulo/SP
CEP: 05042-000
E-mail: email@pompeia.sescsp.org.br
Telefone: (11)3871-7700
www.sescsp.org.br/pompeia