Tag Archives: Shaman

Liberation Tour Fest 2018 apresenta vídeo oficial do evento em SP

Além das bandas Kreator e Arch Enemy (foto), festival em formato itinerante reúne outros renomados representantes da música pesada com exclusividade ao País – foto: divulgação

Acaba de ser lançado vídeo promocional que celebra a passagem da Liberation Tour Fest 2018 por São Paulo! O evento que acontece, no próximo dia próximo dia 17 de novembro, na Audio, traz em seu invejável line-up, headliners como Kreator (ALE) e Arch Enemy (SUE), além da performance marcante do Walls of Jericho (EUA), o cultuado Excel (EUA) e o Genocídio como representante do metal nacional.

Após histórica edição de estreia reunindo cast invejável e trazendo com exclusividade nomes como King Diamond, Lamb of God, Carcass e Heaven Shall Burn, no Espaço das Américas, em São Paulo, este ano, o evento cresceu e estabeleceu bases para a concretização de um festival itinerante, que vai estremecer cinco capitais do País.

A Liberation Tour Fest 2018 manterá o mesmo padrão de qualidade, levando grandes nomes do heavy metal internacional como Kreator e Arch Enemy especialmente para Porto Alegre (09/11 – Opinião), Fortaleza (11/11 – Armazém), Manaus (14/11 – Studio 5), Rio de Janeiro (16/11 – Circo Voador) e São Paulo (17/11 – Audio). Ambas as bandas vão promover os seus mais recentes álbuns e executar sets completos em formato co-headlining.

Além disso, o público paulista e carioca também vão curtir a performance marcante do Walls of Jericho (EUA) e conferir o cultuado Excel (EUA) no Brasil. A cena nacional será representada pelas bandas Shaman em Manaus e Genocídio em São Paulo.

A programação da Liberation Fest Tour 2018 é a seguinte:
09/11 – Opinião – Porto Alegre (Kreator/Arch Enemy)
11/11 – Armazém – Fortaleza (Kreator/Arch Enemy)
14/11 – Studio 5 – Manaus (Kreator/Arch Enemy/Shaman)
16/11 – Circo Voador – Rio de Janeiro (Kreator/Arch Enemy/Walls of Jericho/Excel)
17/11 – Audio – São Paulo (Kreator/Arch Enemy/Walls of Jericho/Excel/Genocídio)

Os ingressos já estão à venda em todas as capitais. Mais informações nos serviços abaixo.

Fãs do gigante do thrash metal alemão poderão ver pela primeira vez em nosso país a execução do aclamado “Gods of Violence”, 14º álbum de estúdio do Kreator, além das faixas clássicas que a banda conseguiu cristalizar ao longo de sua longa carreira como verdadeiros hinos do metal.

Já o Arch Enemy retorna ao Brasil para apresentar o seu 10º álbum “Will To Power”, o segundo com a sua imponente nova vocalista Alissa White-Gluz. Desafiando todos os limites do metal combinando agressividade, peso e melodia de maneira profícua, “Will To Power” vem sendo exaltado como uma verdadeira obra épica do death metal melódico.

Arch Enemy 04/2017

Formado em 1998, na cidade de Detroit, o Walls of Jericho é um dos nomes mais respeitados do cenário do metalcore. Atualmente é formado por Candace Kucsulain (vocal), Chris Rawson (guitarra), Mike Hasty (guitarra), Aaron Ruby (baixo) e Dustin Schoenhofer (bateria) e seguem na estrada promovendo o álbum “No One Can Save You From Yourself” (2016).

A grande surpresa do line-up e uma das atrações mais aguardadas deste ano é o grupo norte-americano Excel, tradicional representante do crossover mundial, que retorna a São Paulo e estreia no Rio de Janeiro. Formada em 1983 pelo vocalista Dan Clements e o guitarrista Adam Siegel, a banda gravou três álbuns, excursionou ao lado de No Mercy, Beowülf, Suicidal Tendencies, Cryptic Slaughter, Testament, Overkill, Megadeth, entre outros.

Em 1991, o Excel despertou interesse após processar o Metallica por considerar que a música “Enter Sandman” era plágio de “Tapping into the Emotional Void”,  disco “The Joke’s on You” lançado dois anos antes do clássico “Black Album”, no entanto, a ação não avançou devido a uma assessoria jurídica imprópria. Em 1996, deram uma pausa nas atividades e voltando à ativa apenas em 2012. Desde então, Dan Clements (vocal), Alex Barreto (guitarra), Shaun Ross (baixo) e Michael Cosgrove (bateria) se mantem constantemente na estrada e conquistando novos fãs em shows pelos EUA, Japão e Europa.

Exclusivamente em Manaus, os fãs terão a oportunidade de conferir o show de retorno do Shaman com a sua clássica formação original, após 12 anos longe dos palcos. Andre Matos (vocal), Luis Maruitti (baixo), Hugo Mariutti (baixo) e Ricardo Confessori (bateria) vão executar um verdadeiro best of dos álbuns “Ritual” e “Reason”.

O representante brasileiro em São Paulo será o Genocídio. Com mais de 30 anos de estrada, Murillo Leite (guitarra/vocal), Rafael Orsi (guitarra), Wanderley Perna (baixo) e Gil Oliveira (bateria) prometem não ser meros coadjuvantes e  vão aproveitar a oportunidade para seguir divulgando o álbum “Under Heaven None” (2017).

Links relacionados:
https://www.facebook.com/liberationmcofficial
https://www.facebook.com/KreatorOfficial
https://www.facebook.com/archenemyofficial
https://www.facebook.com/WallsofJericho
https://www.facebook.com/excelofficial
https://www.facebook.com/shamanbandofficial
https://www.facebook.com/genocidiobr
https://www.facebook.com/UltimateMusicPR

SERVIÇO PORTO ALEGRE
Liberation Tour Booking orgulhosamente apresenta LIBERATION FEST TOUR 2018
Bandas
: Kreator e Arch Enemy
Data: sexta-feira, 9 de novembro de 2018
Local: Opinião
End: Rua José do Patrocínio, 834
Abertura da casa: 18h30 | Showtime: 19h30
Informações gerais: info@liberationmc.com
Infoline: (51) 3211-2838
Imprensa: press@theultimatemusic.com | 11 964.197.206
Censura: 14 anos (desacompanhados). Menores dessa idade somente acompanhados dos pais ou responsáveis.
Evento Fb: https://www.facebook.com/events/307005726727672

# VALORES
Lote 1:
R$ 180 (promocional – valor reduzido, com a doação de 1kg de alimento não perecível, disponível para qualquer pessoa)
R$ 160 (estudantes e idosos – desconto de 50%)
R$ 320 (inteira)

Lote 2:
R$ 200 (promocional – valor reduzido, com a doação de 1kg de alimento não perecível, disponível para qualquer pessoa)
R$ 180 (estudantes e idosos – desconto de 50%)
R$ 360 (inteira)

Lote 3
R$ 220 (promocional – valor reduzido, com a doação de 1kg de alimento não perecível, disponível para qualquer pessoa)
R$ 200 (estudantes e idosos – desconto de 50%)
R$ 400 (inteira)

* Os alimentos deverão ser entregues no Opinião, no momento da entrada ao evento.
** Para o benefício da meia-entrada (50% de desconto), é necessária a apresentação da carteira de estudante na entrada do espetáculo. Os documentos aceitos como válidos estão determinados no artigo 4º da Lei Estadual 14.612/14.

# COMPRA PELA INTERNETwww.blueticket.com.br/grupo/opiniao
# PONTOS DE VENDA OFICIAL (sem taxa de conveniência – somente em dinheiro): Multisom Bourbon Wallig
# Demais pontos de venda (sujeito à cobrança de R$ 5 de taxa de conveniência – somente em dinheiro):
Multisom Porto Alegre: Shopping Praia de Belas, Iguatemi, Bourbon Ipiranga, Barra Shopping Sul, Shopping Total e Andradas 1001
Multisom Região Metropolitana: Bourbon São Leopoldo, Bourbon Novo Hamburgo, Park Shopping Canoas e Canoas Shopping

SERVIÇO FORTALEZA
Liberation Tour Booking orgulhosamente apresenta LIBERATION FEST TOUR 2018
Bandas
: Kreator e Arch Enemy
Data: domingo, 11 de novembro de 2018
Local: Armazém
End: Av. Almirante Barroso, 444, Fortaleza, CE
Abertura da casa: 18h
Infoine: (85) 3219-4322
Informações gerais: info@liberationmc.com
Imprensa: press@theultimatemusic.com | 11 964.197.206
Classificação etária: 18 anos. Menores entre 16 e 18 anos apenas acompanhados de pai ou mãe.
Evento Fb: https://www.facebook.com/events/1867058570043414
Apoio local: Gallery Productions, Planet CDs, Armazém

# SETORES/VALORES (1º lote):
– Pista: R$ 360,00 (inteira) | R$ 180,00 (meia-entrada*)
– Camarote: R$ 500,00 (inteira) | R$ 250,00 (meia-entrada)
*doe um kilo de alimento na entrada da casa no dia do evento e pague meia entrada)

# COMPRA PELA INTERNET – http://www.clubedoingresso.com/kreator-archenemy-fortaleza
Formas de Pagamento: dinheiro, cartões de crédito e débito Visa, MasterCard, American Express e Dinners Club

# PONTO DE VENDA (sem taxa de conveniência – apenas dinheiro): Planet CDs – Rua Senador Pompeu, 834 – Centro | (85) 3253-3981

SERVIÇO MANAUS
Liberation Tour Booking orgulhosamente apresenta LIBERATION FEST TOUR 2018
Bandas
: Kreator, Arch Enemy e Shaman
Data: quarta-feira,14 de novembro de 2018
Local: Studio 5 – www.studio5.com.br
End: Av. Gen. Rodrigo Otávio, 3555 – Distrito Industrial, Manaus – AM, 69075-005
Abertura da casa: 17h
Informações gerais: info@liberationmc.com
Imprensa: press@theultimatemusic.com | 11 964.197.206
Infoline: (92) 3133-8503
Censura: 15 anos (desacompanhados). Menores dessa idade somente acompanhados dos pais ou responsáveis.
Realização: Liberation Tour Booking e Black River Produções
Evento Fb: https://www.facebook.com/events/477756339388564

# SETORES/VALORES:
– Pista: R$ 400,00 (inteira) | R$ 200,00 (meia-entrada*)
– Front Stage: R$ 700,00 (inteira) | R$ 350,00 (meia-entrada*)
– Camarote: R$ 560,00 (inteira) | R$ 280,00 (meia-entrada*)
*doe um kilo de alimento na entrada da casa no dia do evento e pague meia entrada

# COMPRA PELA INTERNEThttp://www.aloingressos.com.br/liberation-festival-manaus.html
# PONTOS DE VENDA:
– Central Manauara Shopping – Av. Mário Ypiranga, 1300 – Adrianópolis
– Central Via Norte Shopping – Av. Arquiteto José Henrique Bento Rodrigues, 3760
– Central Sumaúma Shopping – Av. Noel Nutels, 1762 – Cidade Nova
– Central Amazonas Shopping – Av. Djalma Batista, 482 – Parque Dez de Novembro

SERVIÇO RIO DE JANEIRO
Liberation Tour Booking orgulhosamente apresenta LIBERATION FEST TOUR 2018
Bandas
: Kreator, Arch Enemy, Walls of Jericho e Excel
Data: sexta-feira, 16 de novembro de 2018
Local: Circo Voador
End: Rua dos Arcos S/N, Rio De Janeiro, RJ
Abertura da casa: 20h
Realização: Circo Voador e Liberation MC
Informações gerais: www.circovoador.com.br
Imprensa: press@theultimatemusic.com | 11 964.197.206
Censura: 16 anos (desacompanhados). Menores dessa idade somente acompanhados dos pais ou responsáveis.
Evento Fb: https://www.facebook.com/events/668373406871345

# SETORES/VALORES:
– Pista (1º lote): R$ 300,00 (inteira) | R$ 150,00 (meia-entrada)
– Pista (2º lote): R$ 360,00 (inteira) | R$ 180,00 (meia-entrada)
– Pista (3º lote): R$ 400,00 (inteira) | R$ 200,00 (meia-entrada)

# PONTO DE VENDA OFICIAL: bilheteria do Circo Voador
# COMPRA PELA INTERNET – http://www.tudus.com.br/evento/circo-voador–kreator-mais-arch-enemy

SERVIÇO SÃO PAULO
Liberation Tour Booking orgulhosamente apresenta LIBERATION FEST TOUR 2018
Bandas
: Kreator, Arch Enemy, Walls of Jericho, Excel e Genocidio
Data: sábado, 17 de novembro de 2018
Local: Audio
End: Av. Francisco Matarazzo, 694 (próximo ao Metrô Palmeiras – Barra Funda)
Abertura da casa: 17h
Telefone: (11) 3862-8279
Informações gerais: info@liberationmc.com
Imprensa: press@theultimatemusic.com | 11 964.197.206
Censura: 18 anos (desacompanhados). Menores dessa idade somente acompanhados dos pais ou responsáveis.
Estacionamento: nas imediações da casa
Estrutura: ar-condicionado, acesso para deficientes, área para fumantes e enfermaria
Evento Fb: https://www.facebook.com/events/285584748920114

# PONTO DE VENDA (sem taxa de conveniência): bilheteria da Audio (de segunda a sábado, das 13h às 20h)
# CALL CENTER Ticket360: (11) 2027-0777
# COMPRA PELA INTERNET – https://www.ticket360.com.br/evento/9444/liberation-fest-tour-2018-com-kreator-e-arch-enemy
Formas de Pagamento: dinheiro, cartões de crédito e débito Visa, Visa Electron, MasterCard, Diners Club, Rede Shop. Cheques não são aceitos.

# SETORES/VALORES:
– Pista: R$ 180,00 (meia-entrada*) | R$200 (promocional solidário**) | R$ 360,00 (inteira)
– Pista Premium: R$ 300,00 (meia-entrada*) | R$320 (promocional solidário**) | R$ 600,00 (inteira)
– Mezanino: R$ 350,00 (meia-entrada*) | R$370 (promocional solidário**) | R$ 700,00 (inteira)

*MEIA-ENTRADA E INGRESSOS PROMOCIONAIS
Confira aqui as leis de meia-entrada, identificando quem tem direito ao benefício e os documentos comprobatórios.

ATENÇÃO ESTUDANTES: de acordo com a lei 12.933 de 26 de dezembro de 2013, é OBRIGATÓRIO comprovar a condição de estudante mediante a apresentação da Carteira de Identificação Estudantil – CIE. Mais informações estão disponíveis no link: https://www.documentodoestudante.com.br/

**Promocional Solidário – valor reduzido, disponível para qualquer pessoa com a doação de 1kg de alimento não perecível. O alimento deverá ser entregue na casa de shows no dia do evento. 

Objetos proibidos: Câmera fotográfica profissional ou semi profissional (câmeras grandes com zoom externo ou que trocam de lente), filmadoras de vídeo, gravadores de audio, canetas laser, qualquer tipo de tripé, pau de selfie, camisas de time, correntes e cinturões, garrafas plásticas, bebidas alcóolicas, substâncias tóxicas, fogos de artifício, inflamáveis em geral, objetos que possam causar ferimentos, armas de fogo, armas brancas, copos de vidro e vidros em geral, frutas inteiras, latas de alumínio, guarda-chuva, jornais, revistas, bandeiras e faixas, capacetes de motos e similares.

* Para a compra de ingressos para estudantes, aposentados e professores estaduais, os mesmos devem comparecer pessoalmente portando documento na bilheteria respectiva ao show ou nos pontos de venda. Esclarecemos que a venda de meia-entrada é direta, pessoal e intransferível e está condicionada ao comparecimento do titular da carteira estudantil no ato da compra e no dia do espetáculo, munido de documento que comprove condição prevista em lei;
** A produção do evento NÃO se responsabiliza por ingressos comprados fora do site e pontos de venda oficiais;
*** É expressamente proibida a entrada com câmeras fotográficas e filmadoras profissionais ou semi-profissionais.

Liberation Tour Fest 2018 anuncia line-up oficial das edições em São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Manaus e Fortaleza

Além das bandas Kreator (foto) e Arch Enemy, festival em formato itinerante reúne outros renomados representantes da música pesada com exclusividade ao País – foto: divulgação

Acabou o mistério! Com produção e curadoria da Liberation Tour Booking, uma das produtoras de shows que mais cresce na América Latina, está oficialmente fechado o tão aguardado line-up das edições da Liberation Tour Fest 2018 no Brasil.

Após histórica edição de estreia reunindo cast invejável e trazendo com exclusividade nomes como King Diamond, Lamb of God, Carcass e Heaven Shall Burn, no Espaço das Américas, em São Paulo, este ano, o evento cresceu e estabeleceu bases para a concretização de um festival itinerante, que vai estremecer cinco capitais do País.

A Liberation Tour Fest 2018 manterá o mesmo padrão de qualidade, levando grandes nomes do heavy metal internacional como Kreator e Arch Enemy especialmente para Porto Alegre (09/11 – Opinião), Fortaleza (11/11 – Armazém), Manaus (14/11 – Studio 5), Rio de Janeiro (16/11 – Circo Voador) e São Paulo (17/11 – Audio). Ambas as bandas vão promover os seus mais recentes álbuns e executar sets completos em formato co-headlining.

Além disso, o público paulista e carioca também vão curtir a performance marcante do Walls of Jericho (EUA) e conferir o cultuado Excel (EUA) no Brasil. A cena nacional será representada pelas bandas Shaman em Manaus e Genocídio em São Paulo.

A programação da Liberation Fest Tour 2018 é a seguinte:
09/11 – Opinião – Porto Alegre (Kreator/Arch Enemy)
11/11 – Armazém – Fortaleza (Kreator/Arch Enemy)
14/11 – Studio 5 – Manaus (Kreator/Arch Enemy/Shaman)
16/11 – Circo Voador – Rio de Janeiro (Kreator/Arch Enemy/Walls of Jericho/Excel)
17/11 – Audio – São Paulo (Kreator/Arch Enemy/Walls of Jericho/Excel/Genocídio)

Os ingressos já estão à venda em todas as capitais. Mais informações nos serviços abaixo.

Fãs do gigante do thrash metal alemão poderão ver pela primeira vez em nosso país a execução do aclamado “Gods of Violence”, 14º álbum de estúdio do Kreator, além das faixas clássicas que a banda conseguiu cristalizar ao longo de sua longa carreira como verdadeiros hinos do metal.

Já o Arch Enemy retorna ao Brasil para apresentar o seu 10º álbum “Will To Power”, o segundo com a sua imponente nova vocalista Alissa White-Gluz. Desafiando todos os limites do metal combinando agressividade, peso e melodia de maneira profícua, “Will To Power” vem sendo exaltado como uma verdadeira obra épica do death metal melódico.

Arch Enemy 04/2017

Formado em 1998, na cidade de Detroit, o Walls of Jericho é um dos nomes mais respeitados do cenário do metalcore. Atualmente é formado por Candace Kucsulain (vocal), Chris Rawson (guitarra), Mike Hasty (guitarra), Aaron Ruby (baixo) e Dustin Schoenhofer (bateria) e seguem na estrada promovendo o álbum “No One Can Save You From Yourself” (2016).

A grande surpresa do line-up e uma das atrações mais aguardadas deste ano é o grupo norte-americano Excel, tradicional representante do crossover mundial, que retorna a São Paulo e estreia no Rio de Janeiro. Formada em 1983 pelo vocalista Dan Clements e o guitarrista Adam Siegel, a banda gravou três álbuns, excursionou ao lado de No Mercy, Beowülf, Suicidal Tendencies, Cryptic Slaughter, Testament, Overkill, Megadeth, entre outros.

Em 1991, o Excel despertou interesse após processar o Metallica por considerar que a música “Enter Sandman” era plágio de “Tapping into the Emotional Void”,  disco “The Joke’s on You” lançado dois anos antes do clássico “Black Album”, no entanto, a ação não avançou devido a uma assessoria jurídica imprópria. Em 1996, deram uma pausa nas atividades e voltando à ativa apenas em 2012. Desde então, Dan Clements (vocal), Alex Barreto (guitarra), Shaun Ross (baixo) e Michael Cosgrove (bateria) se mantem constantemente na estrada e conquistando novos fãs em shows pelos EUA, Japão e Europa.

Exclusivamente em Manaus, os fãs terão a oportunidade de conferir o show de retorno do Shaman com a sua clássica formação original, após 12 anos longe dos palcos. Andre Matos (vocal), Luis Maruitti (baixo), Hugo Mariutti (baixo) e Ricardo Confessori (bateria) vão executar um verdadeiro best of dos álbuns “Ritual” e “Reason”.

O representante brasileiro em São Paulo será o Genocídio. Com mais de 30 anos de estrada, Murillo Leite (guitarra/vocal), Rafael Orsi (guitarra), Wanderley Perna (baixo) e Gil Oliveira (bateria) prometem não ser meros coadjuvantes e  vão aproveitar a oportunidade para seguir divulgando o álbum “Under Heaven None” (2017).

Links relacionados:
https://www.facebook.com/liberationmcofficial
https://www.facebook.com/KreatorOfficial
https://www.facebook.com/archenemyofficial
https://www.facebook.com/WallsofJericho
https://www.facebook.com/excelofficial
https://www.facebook.com/shamanbandofficial
https://www.facebook.com/genocidiobr
https://www.facebook.com/UltimateMusicPR

SERVIÇO PORTO ALEGRE
Liberation Tour Booking orgulhosamente apresenta LIBERATION FEST TOUR 2018
Bandas
: Kreator e Arch Enemy
Data: sexta-feira, 9 de novembro de 2018
Local: Opinião
End: Rua José do Patrocínio, 834
Abertura da casa: 18h30 | Showtime: 19h30
Informações gerais: info@liberationmc.com
Infoline: (51) 3211-2838
Imprensa: press@theultimatemusic.com | 11 964.197.206
Censura: 14 anos (desacompanhados). Menores dessa idade somente acompanhados dos pais ou responsáveis.
Evento Fb: https://www.facebook.com/events/307005726727672

# VALORES
Lote 1:
R$ 180 (promocional – valor reduzido, com a doação de 1kg de alimento não perecível, disponível para qualquer pessoa)
R$ 160 (estudantes e idosos – desconto de 50%)
R$ 320 (inteira)

Lote 2:
R$ 200 (promocional – valor reduzido, com a doação de 1kg de alimento não perecível, disponível para qualquer pessoa)
R$ 180 (estudantes e idosos – desconto de 50%)
R$ 360 (inteira)

Lote 3
R$ 220 (promocional – valor reduzido, com a doação de 1kg de alimento não perecível, disponível para qualquer pessoa)
R$ 200 (estudantes e idosos – desconto de 50%)
R$ 400 (inteira)

* Os alimentos deverão ser entregues no Opinião, no momento da entrada ao evento.
** Para o benefício da meia-entrada (50% de desconto), é necessária a apresentação da carteira de estudante na entrada do espetáculo. Os documentos aceitos como válidos estão determinados no artigo 4º da Lei Estadual 14.612/14.

# COMPRA PELA INTERNETwww.blueticket.com.br/grupo/opiniao
# PONTOS DE VENDA OFICIAL (sem taxa de conveniência – somente em dinheiro): Multisom Bourbon Wallig
# Demais pontos de venda (sujeito à cobrança de R$ 5 de taxa de conveniência – somente em dinheiro):
Multisom Porto Alegre: Shopping Praia de Belas, Iguatemi, Bourbon Ipiranga, Barra Shopping Sul, Shopping Total e Andradas 1001
Multisom Região Metropolitana: Bourbon São Leopoldo, Bourbon Novo Hamburgo, Park Shopping Canoas e Canoas Shopping

SERVIÇO FORTALEZA
Liberation Tour Booking orgulhosamente apresenta LIBERATION FEST TOUR 2018
Bandas
: Kreator e Arch Enemy
Data: domingo, 11 de novembro de 2018
Local: Armazém
End: Av. Almirante Barroso, 444, Fortaleza, CE
Abertura da casa: 18h
Infoine: (85) 3219-4322
Informações gerais: info@liberationmc.com
Imprensa: press@theultimatemusic.com | 11 964.197.206
Classificação etária: 18 anos. Menores entre 16 e 18 anos apenas acompanhados de pai ou mãe.
Evento Fb: https://www.facebook.com/events/1867058570043414
Apoio local: Gallery Productions, Planet CDs, Armazém

# SETORES/VALORES (1º lote):
– Pista: R$ 360,00 (inteira) | R$ 180,00 (meia-entrada*)
– Camarote: R$ 500,00 (inteira) | R$ 250,00 (meia-entrada)
*doe um kilo de alimento na entrada da casa no dia do evento e pague meia entrada)

# COMPRA PELA INTERNET – http://www.clubedoingresso.com/kreator-archenemy-fortaleza
Formas de Pagamento: dinheiro, cartões de crédito e débito Visa, MasterCard, American Express e Dinners Club

# PONTO DE VENDA (sem taxa de conveniência – apenas dinheiro): Planet CDs – Rua Senador Pompeu, 834 – Centro | (85) 3253-3981

SERVIÇO MANAUS
Liberation Tour Booking orgulhosamente apresenta LIBERATION FEST TOUR 2018
Bandas
: Kreator, Arch Enemy e Shaman
Data: quarta-feira,14 de novembro de 2018
Local: Studio 5 – www.studio5.com.br
End: Av. Gen. Rodrigo Otávio, 3555 – Distrito Industrial, Manaus – AM, 69075-005
Abertura da casa: 17h
Informações gerais: info@liberationmc.com
Imprensa: press@theultimatemusic.com | 11 964.197.206
Infoline: (92) 3133-8503
Censura: 15 anos (desacompanhados). Menores dessa idade somente acompanhados dos pais ou responsáveis.
Realização: Liberation Tour Booking e Black River Produções
Evento Fb: https://www.facebook.com/events/477756339388564

# SETORES/VALORES:
– Pista: R$ 400,00 (inteira) | R$ 200,00 (meia-entrada*)
– Front Stage: R$ 700,00 (inteira) | R$ 350,00 (meia-entrada*)
– Camarote: R$ 560,00 (inteira) | R$ 280,00 (meia-entrada*)
*doe um kilo de alimento na entrada da casa no dia do evento e pague meia entrada

# COMPRA PELA INTERNEThttp://www.aloingressos.com.br/liberation-festival-manaus.html
# PONTOS DE VENDA:
– Central Manauara Shopping – Av. Mário Ypiranga, 1300 – Adrianópolis
– Central Via Norte Shopping – Av. Arquiteto José Henrique Bento Rodrigues, 3760
– Central Sumaúma Shopping – Av. Noel Nutels, 1762 – Cidade Nova
– Central Amazonas Shopping – Av. Djalma Batista, 482 – Parque Dez de Novembro

SERVIÇO RIO DE JANEIRO
Liberation Tour Booking orgulhosamente apresenta LIBERATION FEST TOUR 2018
Bandas
: Kreator, Arch Enemy, Walls of Jericho e Excel
Data: sexta-feira, 16 de novembro de 2018
Local: Circo Voador
End: Rua dos Arcos S/N, Rio De Janeiro, RJ
Abertura da casa: 20h
Realização: Circo Voador e Liberation MC
Informações gerais: www.circovoador.com.br
Imprensa: press@theultimatemusic.com | 11 964.197.206
Censura: 16 anos (desacompanhados). Menores dessa idade somente acompanhados dos pais ou responsáveis.
Evento Fb: https://www.facebook.com/events/668373406871345

# SETORES/VALORES:
– Pista (1º lote): R$ 300,00 (inteira) | R$ 150,00 (meia-entrada)
– Pista (2º lote): R$ 360,00 (inteira) | R$ 180,00 (meia-entrada)
– Pista (3º lote): R$ 400,00 (inteira) | R$ 200,00 (meia-entrada)

# PONTO DE VENDA OFICIAL: bilheteria do Circo Voador
# COMPRA PELA INTERNET – http://www.tudus.com.br/evento/circo-voador–kreator-mais-arch-enemy

SERVIÇO SÃO PAULO
Liberation Tour Booking orgulhosamente apresenta LIBERATION FEST TOUR 2018
Bandas
: Kreator, Arch Enemy, Walls of Jericho, Excel e Genocidio
Data: sábado, 17 de novembro de 2018
Local: Audio
End: Av. Francisco Matarazzo, 694 (próximo ao Metrô Palmeiras – Barra Funda)
Abertura da casa: 17h
Telefone: (11) 3862-8279
Informações gerais: info@liberationmc.com
Imprensa: press@theultimatemusic.com | 11 964.197.206
Censura: 18 anos (desacompanhados). Menores dessa idade somente acompanhados dos pais ou responsáveis.
Estacionamento: nas imediações da casa
Estrutura: ar-condicionado, acesso para deficientes, área para fumantes e enfermaria
Evento Fb: https://www.facebook.com/events/285584748920114

# PONTO DE VENDA (sem taxa de conveniência): bilheteria da Audio (de segunda a sábado, das 13h às 20h)
# CALL CENTER Ticket360: (11) 2027-0777
# COMPRA PELA INTERNET – https://www.ticket360.com.br/evento/9444/liberation-fest-tour-2018-com-kreator-e-arch-enemy
Formas de Pagamento: dinheiro, cartões de crédito e débito Visa, Visa Electron, MasterCard, Diners Club, Rede Shop. Cheques não são aceitos.

# SETORES/VALORES:
– Pista: R$ 180,00 (meia-entrada*) | R$200 (promocional solidário**) | R$ 360,00 (inteira)
– Pista Premium: R$ 300,00 (meia-entrada*) | R$320 (promocional solidário**) | R$ 600,00 (inteira)
– Mezanino: R$ 350,00 (meia-entrada*) | R$370 (promocional solidário**) | R$ 700,00 (inteira)

*MEIA-ENTRADA E INGRESSOS PROMOCIONAIS
Confira aqui as leis de meia-entrada, identificando quem tem direito ao benefício e os documentos comprobatórios.

ATENÇÃO ESTUDANTES: de acordo com a lei 12.933 de 26 de dezembro de 2013, é OBRIGATÓRIO comprovar a condição de estudante mediante a apresentação da Carteira de Identificação Estudantil – CIE. Mais informações estão disponíveis no link: https://www.documentodoestudante.com.br/

**Promocional Solidário – valor reduzido, disponível para qualquer pessoa com a doação de 1kg de alimento não perecível. O alimento deverá ser entregue na casa de shows no dia do evento. 

Objetos proibidos: Câmera fotográfica profissional ou semi profissional (câmeras grandes com zoom externo ou que trocam de lente), filmadoras de vídeo, gravadores de audio, canetas laser, qualquer tipo de tripé, pau de selfie, camisas de time, correntes e cinturões, garrafas plásticas, bebidas alcóolicas, substâncias tóxicas, fogos de artifício, inflamáveis em geral, objetos que possam causar ferimentos, armas de fogo, armas brancas, copos de vidro e vidros em geral, frutas inteiras, latas de alumínio, guarda-chuva, jornais, revistas, bandeiras e faixas, capacetes de motos e similares.

* Para a compra de ingressos para estudantes, aposentados e professores estaduais, os mesmos devem comparecer pessoalmente portando documento na bilheteria respectiva ao show ou nos pontos de venda. Esclarecemos que a venda de meia-entrada é direta, pessoal e intransferível e está condicionada ao comparecimento do titular da carteira estudantil no ato da compra e no dia do espetáculo, munido de documento que comprove condição prevista em lei;
** A produção do evento NÃO se responsabiliza por ingressos comprados fora do site e pontos de venda oficiais;
*** É expressamente proibida a entrada com câmeras fotográficas e filmadoras profissionais ou semi-profissionais.

ANDRE MATOS: apresenta projeto piano e voz no SESC Bom Retiro

O músico cujo timbre, técnica e agudos o consagrou como vocalista em bandas de carreira internacional como Viper, Angra e Shaman, se apresenta de forma intimista em seu instrumento de origem, o piano acústico, onde canta arranjos para sucessos da carreira como Moonligt, Lisbon, Deep Blue, Silence and Distance, Holy Land, entre outras.

SERVIÇO ANDRE MATOS NO SESC BOM RETIRO:

Onde: SESC Bom Retiro
Endereço: Alameda Nothmann, 185
Bom Retiro – São Paulo/SP
CEP: 01216-000
Telefone: (11) 3332-3600
Quando: 28 de outubro – domingo
Horário: 18h
Duração: 90 minutos.
Local: Teatro.
Capacidade: 291 lugares

Ingressos: R$ 9,00, R$ 15,00, R$ 30,00

Venda online a partir de
16/10/2018 12:00

Venda nas unidades a partir de
17/10/2018 17:30

Online no site https://www.sescsp.org.br/programacao/167926_ANDRE+MATOS

ENTREVISTA: Fabio Ribeiro (Remove Silence/Shaman)

Entrevistamos o conceituado tecladista Fábio Ribeiro (Remove Silence/Shaman), na entrevista ele comenta sobre sua carreira como músico, e a expectativa dos shows de retorno da formação original da banda Shaman. Confira.

Por Eduardo Carvalho.

Fabio, primeiramente, gostaria de agradecer pela disponibilidade em conceder esta entrevista ao PONTO ZERØ!

Não há como começarmos de outra forma, senão falando para os leitores e fãs de como está sendo essa volta tão aguardada junto ao SHAMAN! Depois de tantos anos separados, você pode nos contar como foi o processo de reintegração junto à banda? Quem entrou em contato contigo? Como está se sentindo em voltar a ensaiar com Andre, Luis, Hugo e Ricardo?

Para mim foi uma grande surpresa, algo que eu jamais esperaria que acontecesse. Meu grande amigo Luis Mariutti me ligou e disse: “O Shaman está voltando. Você vai fazer, né? Tem que ser com você.” A partir de então foram apenas algumas negociações com o empresário Rick Dallal, que é um cara super de boa, extremamente profissional, muito experiente e sem dúvidas um dos grandes responsáveis por fazer tudo isso acontecer.

Os ensaios estão rolando semanalmente e desde o primeiro a sensação não poderia ser melhor. É surpreendente como pessoas que tocaram juntas por tanto tempo conseguem se entrosar tão rapidamente, mesmo após estes anos todos. É a tal química musical, acho eu. Parece ser muito natural saber o que um ou outro está fazendo e as músicas soaram muito bem logo de cara, como se tivéssemos realizado o último show na semana anterior. O clima entre nós todos também está muito bom e acredito que tudo isso vai resultar em uma energia excelente para os shows.

Qual a expectativa para estes shows já agendados? Há possibilidade de rolar uma turnê, de fato, celebrando este retorno? Já chegaram a conversar a respeito dessa possível extensão dos shows, visto que a agenda está aumentando gradativamente?

Nós estamos tão surpresos com a receptividade e tão ansiosos com os shows quanto ficamos quando a banda surgiu. Os ingressos para o primeiro show esgotaram-se em poucos dias e abrimos uma data extra no dia seguinte. Isso já é um bom indício de que a coisa vai bem e de que a expectativa da galera é enorme. No início, era para ser somente um único show de reunião mesmo, hoje já temos shows agendados em diversas cidades do país e a tendência é a turnê se estender. Estamos procurando oferecer um espetáculo com o melhor nível de qualidade possível, como costumávamos fazer na época. Por isso, inicialmente estamos fazendo os shows nas capitais, em locais com boa estrutura. Claro, dependendo da demanda, isso pode se propagar mais ainda, chegando a lugares mais distantes e certamente abrindo a possibilidade de shows internacionais também.

Poderia nos adiantar qual equipamento que utilizará nos shows do SHAMAN? Foi complicado de retomar as músicas, recriar as programações e linhas de teclado utilizadas nas músicas?

De certa forma, sim, lembrar de tudo tão rápido, um repertório de 19 músicas complexas para a parte de teclados. A parte musical nem tanto, principalmente as músicas do primeiro álbum que foram reproduzidas milhares de vezes e estavam bem guardadas no fundo da memória. E como dizem os mais velhos: “Quem guarda, tem”. Eu conservei todas as partituras do Ritual que havia escrito na época e isso me ajudou bastante a tirar algumas dúvidas também. Já o Reason foi um pouco mais difícil de lembrar. Na época eu havia decidido me livrar da leitura de partituras nas fases iniciais de trabalhos deste tipo e não escrevi nada, decorei tudo logo de cara. Tive que abrir as sessões multi-track das músicas aqui no estúdio e tirar parte por parte de novo, apostando na memória. O engraçado é que, como eu modifico ligeiramente os arranjos para poderem ser reproduzidos ao vivo por um só tecladista, algumas coisas que eu relembrei através das pistas isoladas não eram exatamente o que eu fazia ao vivo naquela época. Após algumas passadas, minhas mãos muitas vezes foram automaticamente saindo do que eu estava tentando tocar e executando os arranjos que eu fazia, diferentes dos originais. Uma coisa de memória profunda, que de certa forma gera movimentos involuntários, haha! Eu me peguei tocando tal música e de repente as mãos estavam executando o arranjo adaptado dos shows daquela época. E eu: “Ah, era isso que eu fazia!”. Em um mês a técnica requerida voltou de boa e tudo está rolando redondinho.

Ressuscitar a parte tecnológica foi um trabalho mais árduo, bem mais complicado do que relembrar as partes musicais. O legal é que acabou apresentando um resultado melhor em sonoridade e praticidade, devido à evolução tecnológica que tivemos daquela época para cá. Na fase final do Shaman em 2006, eu estava usando um Korg Triton Extreme 76 e um Kawai K5000W para as partes de instrumentos acústicos e sons mais variados, além de um Nord Electro 2 para os sons de órgão Hammond e um Nord Lead 3 para os solos e melodias com sons sintetizados. Ainda tenho os Nords e o Kawai aqui, mas não mais o Triton Extreme. Usei dois destes na época da turnê dos álbuns Time To Be Free e Mentalize do Andre Matos, mas ambos já se foram. E eram realmente os grandes responsáveis pela maioria dos sons nos shows. Hoje sou patrocinado pela Korg e meu instrumento principal é o Kronos. Para os shows em São Paulo, vou usar um modelo de 88 teclas, o Kronos 2 Platinum. Para os demais, talvez eu prefira o meu bom e velho Kronos 61, para facilitar o transporte e a logística de palco. E este modelo apresenta teclas leves, diferentes das do Platinum 88 que tem teclado de piano e dificulta a execução de algumas partes mais encrencadas. Estou tocando bem estas partes no Platinum, mas não quero desgraçar as minhas mãos, haha! Como controlador para o Kronos e para alguns sons adicionais, incluí também o KingKorg, que é um sintetizador VA muito poderoso e versátil. Estes instrumentos dão conta de tudo com maestria, reduzindo a quantidade de teclados usados na época de quatro para dois, apenas um suporte e diversos cabos a menos. Algumas vezes, sinto falta de espaço de teclas para executar alguns arranjos com muitas variações de timbre, mas consegui adaptar algumas divisões de teclado malucas no Kronos e estou conseguindo administrar tudo. Realmente, este trampo de programação é o que me tomou mais tempo, principalmente com as músicas do Reason que, além de uma variedade maior de sons, incluem uma enormidade de partes dependentes de samples retirados das trilhas originais do disco, editados e distribuídos nas teclas para execução em tempo real. Assim como na época, não vamos usar Backing Tracks, é tudo na carne mesmo, então eu tenho que disparar tudo isso através das teclas, além das partes tocadas. Tive que adaptar todos os programas e combinações do Triton Extreme para o Kronos e, por sorte, pelo menos os samples e suas organizações nas teclas puderam ser lidos pelo Kronos a partir do backup antigo do Triton, não precisei refazer o trabalho a partir das trilhas originais. Mas os sons internos nos teclados tiveram que ser re-programados do zero de qualquer forma. Muitas músicas possuem dezenas de sons espalhados e empilhados nas teclas. Organizá-los e me acostumar com suas localizações diferentes em cada música foi meio chatinho. Mas é bem legal ver o trabalho concluído e o que estes recursos atuais me proporcionam em facilidade de execução e tranquilidade no palco. Um toque em um botão e já está tudo pronto para a música seguinte.

Qual a música que você mais gosta de tocar do SHAMAN? Há alguma música que mexe com você, deste repertório do SHAMAN, por alguma razão pessoal/particular?

Meu álbum preferido é o Reason, por sua sinceridade conceitual e musical, qualidade de produção e direcionamento mercadológico da banda. Acho que o Shaman estava no caminho exato quando foi lançado. Por isso são também as músicas que mais gosto de tocar. É um álbum mais “tecladístico” e menos “orquestral”. As músicas são mais gostosas de executar e os timbres são mais variados, indo de sonoridades vintage a aproximações modernas e ousadas para o estilo, principalmente na época. Estes são dois extremos que eu realmente adoro misturar, complementam-se muito bem e agradam ouvidos mais variados. Minhas favoritas são Turn Away, Reason, Innocence e Born To Be.

Com relação ao trabalho feito anteriormente com ANDRE MATOS SOLO, qual música te marcou nos álbuns em que fez parte (Time to Be Free e Mentalize)?

Endeavour, certamente. Uma composição que me tomou apenas cerca de uma hora e que eu hesitei em mostrar, por considerá-la simples demais. Eu jamais poderia imaginar que se tornaria um dos clássicos da banda, com toda aquela idéia executada nos encerramentos dos shows e a reação que causava no público na época. O teor de despedida causava bastante emoção e, ironicamente, esta foi a última música que executei com a banda. Gosto muito de A Lapse In Time também, tem um significado muito especial para mim e a essência de sua composição reflete os momentos extremamente conturbados que eu estava passando naquela época.

Sobre o REMOVE SILENCE, depois de ser nomeada ao Grammy pelo trabalho com o excelente debút, o álbum FADE (2010), lançou em 2012 o álbum Stupid Human Atrocity, dois EPs (Little Piece of Heaven, em 2013 e Irreversible, em 2015) e mais dois singles – RAW (2017) e Middle Of Nowhere (2018), é notório que a banda está atingindo um nível de maturidade considerável. Para uma banda tão ativa no mundo digital, com direito a curta-metragem (Bats in the Belfry, do disco Fade), como tem sido a repercussão e o retorno por parte dos fãs e da mídia a todo esse empenho e dedicado trabalho realizado até aqui?

A banda completou dez anos de atividade em 2017. Desde o início, tentamos apresentar um som com o maior nível de sinceridade possível, não respeitando rótulos ou direcionamentos de mercado. Fazemos apenas o que gostamos de fazer e tentamos produzir com a maior diversidade possível, procurando ainda manter um grau de identidade e consistência entre os trabalhos. Depois destes anos todos, isso é o que realmente acabou diferenciando e destacando a banda em um cenário tão vasto. É realmente muito gratificante notar que grande parte da mídia e do público aponta a banda como “inovadora”, “diferente”, “ousada”… É muito agradável também tomar conhecimento disso quando a essência de tudo é natural, completamente sem pretensões. Mais gostoso ainda é o fato de não recebermos críticas em um mercado tão competitivo e muitas vezes tão cruel. Estes são ótimos sinais de que estamos no caminho certo. A banda tem crescido muito nos últimos anos, realizando concertos para um público maior e mais variado. Passamos também a ser veiculados em grandes emissoras de rádio, que representam um enorme gancho para divulgação, mesmo nesta era de internet. Estamos crescendo naturalmente, fazendo o som que curtimos de verdade. Acredito que é exatamente isso que torna uma banda eterna para quem ouve seu trabalho, a sinceridade na música.

Quais são os próximos planos para a REMOVE SILENCE, após o lançamento do single Middle of Nowhere?

Pretendemos lançar mais um single em breve e finalmente o álbum Raw dentro dos próximos meses. O álbum está pronto já faz algum tempo, mas estamos segurando estrategicamente para o período pós-eleições, quando as pessoas possivelmente estarão menos focadas em política e mais abertas a outras atividades, como aproveitar mais a vida e ouvir um pouco mais de música. Estamos também realizando versões e remixes de algumas faixas do álbum para juntarem-se a material novo para um subseqüente EP.

No mês de julho, a REMOVE SILENCE foi banda de abertura da banda brasileira FRESNO. Pela importância do show, imagino que tenha sido muito gratificante receber este convite. Mas gostaria de saber como foi esta experiência de tocar para um público que, provavelmente, não estava acostumado ou tinha sido apresentado para o som da REMOVE SILENCE? Deu pra sentir a energia do público, mesmo sendo um tipo de som diferente do que a FRESNO faz?

Este parece ser outro ponto muito favorável no nosso som. Conseguimos agradar uma grande variedade de pessoas, não importando o estilo musical que curtem. Poucas semanas antes, participamos do festival Araraquara Rock com o Angra e a receptividade do público, em grande parte a galera mais fanática do metal, foi surpreendente, muito calorosa. Este show com o Fresno foi um dos mais legais que já fizemos, a reação do público foi a melhor possível. È uma galera que está lá pela música, não pelos músicos. Dançaram e cantaram o tempo todo, apresentando uma interação muito legal com a banda durante todo o show.

Consegue citar mais alguns shows marcantes que tenha feito parte em sua carreira?

Este com o Fresno foi um deles. Outros que não consigo esquecer foram alguns com o Shaman e com o Angra. A gravação do DVD RituAlive do Shaman no Credicard Hall em São Paulo foi fenomenal! O resultado de um trabalho gigantesco que foi gratificado a altura. Mais de oito mil pessoas, terceiro maior público da casa até então. E tudo correu tão bem, mesmo com a complexidade técnica da produção, vários convidados especiais, instrumentos adicionais, etc. Foi um verdadeiro milagre nada ter dado errado em um único show captado para o lançamento do primeiro trabalho ao vivo da banda, que até hoje é considerado o melhor DVD ao vivo de uma banda de metal brasileira. Outro que pegou forte foi a abertura para o Iron Maiden no Estádio do Pacaembú. Lotado e incrivelmente energético. Logo após este show, tive um problema de tendinite que me deixou de molho por dois meses. Entre os mais antigos, eu destacaria o Angra em Belfort, na França. Em 1999, eu havia acabado de voltar para a banda e ainda não estava cem por cento familiarizado com as músicas que eu não havia tocado antes. Ainda estava lendo algumas partituras. Tinha feito apenas um show uma semana antes, em Belo Horizonte, quando escrevi algumas já no camarim. A galera gritando “Angrrrra! Angrrrra!” e eu na escada para o palco tentando lembrar se tal timbre era para ser usado tal hora, se tais notas eram mesmo as corretas… Mas correu tudo bem e a sensação foi ótima!

Você considera que a REMOVE SILENCE seja a banda onde você consegue colocar uma carga criativa mais intensa, em relação aos teus outros projetos, já que não parecem se apegar a nenhum tipo de rótulo ou definição, fazendo apenas o som mais sincero possível, de acordo com o que a banda está afim de promover? Esta liberdade pode se traduzir no trabalho do projeto ANNUBIS também, por exemplo?

Com certeza, pois é exatamente esta a ideologia da banda. Trabalhamos nas composições, nos arranjos e na produção técnica com cem por cento de liberdade. Tudo isso é muito legal para mim, pois posso imprimir minha identidade como tecladista e sintesista sem qualquer receio. É muito divertido poder experimentar de tudo no estúdio e ao vivo, misturar sonoridades clássicas com aproximações modernas e usar instrumentos antigos e de vanguarda, sempre buscando a variedade para o som. Já no Annubis, a aproximação é um pouco diferente. Esta foi minha primeira banda, de 1984 a 1986. O som é Rock Progressivo tradicional, baseado em influências do que ouvíamos muito na época, bandas como Rush, ELP, King Crimson e Yes. Já fazia um bom tempo que vínhamos conversando e pensando neste retorno, para podermos ao menos gravar o trabalho. Na época, quase gravamos através da saudosa Lunário Perpétuo, que estava lançando o álbum Live! da banda Vulcano. Chegamos a trabalhar na pré-produção, mas a banda se separou antes que o trabalho fosse concluído. Cada um seguiu seu caminho. O baterista Jeff Carvalho trabalha com educação física. O guitarrista Silvio Pinheiro trabalha com computação gráfica. Mesmo assim, ambos não deixaram de fazer música. O baixista Fabio Zaganin, o grande incentivador da coisa toda, continua muito presente no cenário desde então, tocou e toca com um monte de gente. No ano passado, nos reunimos para uma confraternização e resolvemos iniciar o projeto para valer. Estamos gravando desde janeiro, aqui no meu estúdio, onde também foram feitos todos os trabalhos do REMOVE SILENCE. Resolvemos que tudo deveria ser feito de forma que o espírito da época fosse resgatado, algo como um presente para nós mesmos pelos tantos anos de amizade. Então, estamos reproduzindo as mesmas composições, preservando a essência da banda e sua sonoridade original o máximo possível. Estamos usando somente instrumentos e recursos de produção e gravação que oferecem sonoridades típicas da época. Para os teclados, por exemplo, não estou incluindo nenhum recurso surgido após os anos oitenta. Ou seja, a galera que curte os sons de teclados “vintage” pode esperar muita coisa de sintetizadores analógicos, órgãos eletromecânicos e transistorizados, pianos acústicos e elétricos, mellotron… Estou adorando fazer este trabalho, afinal estes são tipos de sons que constituem uma parte enorme da minha personalidade como tecladista. O álbum deve ser lançado no início de 2019.

Dos projetos que já fez parte, um dos que mais gosto, particularmente, é o MOTORGUTS.  O disco Seven (2012) é absolutamente fantástico! Existe alguma possibilidade de novos lançamentos da banda, mesmo com o distanciamento do vocalista Fabio Colombini, que se mudou pra fora do país? O que acha do MOTORGUTS?

Curto demais! Este é outro trabalho que foi realizado com uma liberdade artística enorme. Gosto muito da aproximação que eles propuseram no álbum, algo mais livre e audacioso dentro do estilo Heavy Metal. Gravamos aqui também, em pouco tempo. A produção foi muito tranqüila, todos são músicos excelentes e grandes amigos de longa data também. Pois é, a banda encontra-se em repouso, já que o Colombini teve a sorte de escapar desta roubada de país e todos os demais estão envolvidos em outros projetos no momento. Mas muito já se falou por aqui sobre uma continuidade do trabalho.

Sobre o teu trabalho como produtor, já que atua nesta área desde os anos 90, com produções de bandas, peças publicitárias, trilhas sonoras, locução, dublagem, entre outros: Hoje, no Brasil, o que você indica para alguém que queira seguir nesta carreira? Algum curso específico? Você mesmo já ministrou ou pensou em ministrar cursos voltados e direcionados para produção musical (pensando neste amplo campo de atuação que você já tem)?

No atual cenário do Brasil, o mais importante é ter certeza de que é isso realmente que você quer, principalmente se você deseja atuar em uma área artística, trabalhando com seriedade em uma banda ou projetos musicais autorais. As áreas de publicidade não requerem tanta apreensão, são criadoras de produtos para consumo comum e continuam funcionando. Já para quem deseja expressar-se com sinceridade e qualidade musical, as coisas mudaram muito de quinze anos apara cá, para um estado insuportavelmente pior. Não é preciso desenhar, todos sabemos o que foi feito propositalmente com a nossa cultura. É imperdoável tal grau de destruição em favor de um projeto de poder. Para quem trabalha com arte de verdade, realmente o caminho anda complicado. Se você tiver estômago para fazer a coisa mecanicamente segundo as tendências culturais atuais e estiver apenas em busca de dinheiro, a situação se abranda um pouco. Basta ser esperto, ter bons contatos e um nível técnico básico no estúdio. Musicalidade não importa muito. Talento muito menos. Um golpe de sorte aqui ou ali e você pode se dar bem. Ou não, pois sabemos que esta montanha russa chamada Brasil costuma nos mandar para cima após uma descida que gela um frio na barriga deste tamanho. Esperamos que sim, então a decisão é sua. Agora, caso queira fazer a coisa para valer, eu acho que a experiência é o melhor caminho. Além de procurar um bom profissional para ajudá-lo no início, através de cursos que fornecem conhecimento teórico e prático, procure experimentar ao máximo com o que você tem em mãos. Os recursos atuais permitem que qualquer pessoa possa se expressar com uma qualidade incrível usando um mínimo de equipamento. Eu atuo na área didática desde os anos noventa também, com cursos sobre produção musical e tecnologia, incluindo programação de sintetizadores e uso de demais dispositivos musicais. Quando um aluno novo chega, a resposta sobre a duração do curso é sempre a mesma: Você fica aqui até sentir-se seguro para prosseguir sozinho. A área é extensa, possui muitas ramificações, tudo pode se estender, mas nada é melhor do que partir para a ação desde o princípio.

Você ainda é consultor de tecnologia musical da KORG? Como tem sido este trabalho? Há muita dificuldade aqui no Brasil, culturalmente falando? Ou com a chegada da tecnologia (iPads, iPhones, apps, fones de alta qualidade e afins) este trabalho se intensificou com mais facilidade para um consultor como você?

Eu fui o primeiro consultor da Korg no Brasil, entre 1994 e 1996. Em seguida, trabalhei na mesma área para a Kawai até 2002 e para a Nord até 2006. Fui patrocinado por estas empresas também. Neste momento, sou um dos Artistas Korg no Brasil, que são músicos patrocinados pela marca. Esta pareceria já dura sete anos e é responsável por grande parte da liberdade de atuação que tenho no que faço no estúdio e no palco, por conta dos instrumentos surpreendentes que eles têm lançado ultimamente.

Na época, trabalhar nesta área já não era muito fácil. Infelizmente, boa parte da galera por aqui nunca pôde ter muito acesso a novas tecnologias no momento em que foram lançadas. Isso acontece até hoje. Além da falta de recursos financeiros, há sempre um atraso enorme de informação. Isso reflete na cultura e na capacidade de absorvermos novas tecnologias. Como conseqüência, temos sempre um menor grau de conhecimento atualizado em todas as áreas. Era realmente bem complicado tentar facilitar a venda de um produto que trabalhava com Síntese Aditiva Avançada para um público que em sua grande maioria só conhecia teclados interativos com acompanhamento automático ou sintetizadores PCM para reprodução de sons de piano, metais, orquestras ou acordeão, haha! Mas eu me divertia. Certa vez, levei o tal sintetizador aditivo para demonstração em uma igreja. Quando cheguei, o ensaio havia terminado e os músicos estavam ao lado palco. O tecladista me recebeu e ligamos o instrumento. Parte do trabalho era destacar as grandes novidades e a flexibilidade enorme que o sistema oferecia, então já fui explicando: “Olha, com este recurso, mais aquele e mais aquele outro você pode chegar a sonoridades nunca antes ouvidas!” E ele todo compenetrado, mostrando-se maravilhado com alguns sons, mas exibindo no fundo dos olhos um ar de total apreensão com tudo aquilo. Poucos momentos depois veio a previsível pergunta: “E os metais, onde estão?” Eu, na maior naturalidade possível, apontei para os músicos ao lado do palco, que empunhavam trombone, trompete e saxofone e disse: “Ali.”

Hoje em dia sinto uma leve melhora, devido a disponibilidade facilitada de dispositivos multifuncionais que são perfeitos também para fazer música, como iPads e iPhones. Embora não acessíveis para todos, infelizmente, ainda são mais baratos que equipamentos dedicados. E este universo cresceu muito de seis anos para cá. Ando usando tudo isso ao máximo aqui, pois esta tecnologia disponibiliza muitas coisas realmente inovadoras para fazer música. Novos sistemas de síntese, combinações inteligentes de sistemas existentes, praticidade, flexibilidade e todo o lance da tela multi-touch, que muitas vezes transforma o dispositivo em um instrumento musical completamente novo! Na verdade, neste momento estamos navegando entre dois extremos e estas duas tendências se misturam com uma tranquilidade incrível, para um resultado musical realmente muito interessante. Ao lado de dispositivos de vanguarda como os do sistema iOS, estamos vivenciando o verdadeiro e tão aguardado retorno dos sistemas analógicos. Inúmeras empresas voltaram a produzir novos sintetizadores inteiramente analógicos e muitos outros foram ressuscitados em versões especiais aprimoradas. Isto está afetando drasticamente a música mundial, assim como ocorreu quando estes instrumentos surgiram pela primeira vez. Ambos os extremos são sistemas muito intuitivos para quem quer aprender música e se aprofundar nos conceitos de criação de sons. Não houve até hoje época melhor para trabalharmos com isto.

Você costuma ir a shows das bandas que mais gosta de escutar? Bandas como Rammstein, que costumam ter um trabalho de palco performático incrível e tem um destaque importante para os teclados, por exemplo, te agradam? E, aproveitando, quais são as bandas que marcaram tua vida de espectador em shows?

Sim, sempre que possível. Assisti o Depeche Mode recentemente, uma banda que adoro e que tem uma grande influência sobre o som que faço hoje com o REMOVE SILENCE. Adoro a maneira como os teclados são empregados e o bom gosto das composições. Vi o Rammstein algumas vezes também, gosto demais do som e da postura deles. Extremamente profissionais em tudo que fazem, um som diferente e muito bem executado, videoclipes excepcionais e um show para ficar na memória, mesmo para quem não gosta do estilo. Acho que, como tecladista, um show que me marcou muito foi a primeira apresentação do ELP no Brasil, no início dos anos noventa. Ainda considero o saudoso Keith Emerson como o melhor tecladista de rock de todos os tempos. Saí do show pensando em vender tudo e abrir uma granja ou sei lá…

Atualmente, creio que você seja uma grande referência nacional nas teclas. Pensando não só no metal/rock/prog, quais outros tecladistas você acompanha ou admira? Músicos como Jordan Rudess tem um impacto sobre o teu estilo de tocar e compor?

Agradeço demais pelo reconhecimento! Um dos tecladistas que mais admiro e que não faz parte do universo Rock é Wendy Carlos, responsável por trabalhos icônicos para a história dos sintetizadores como Switched On Bach e a trilhas sonoras dos filmes A Laranja Mecânica e O Iluminado de Stanlek Kubrick, diretor que eu curto demais também. Por incrível que pareça, como sou conhecido por muitos como um tecladista de Heavy Metal, não tenho influência do Jordan no meu estilo. O cara é tecnicamente fantástico, no mesmo nível do Emerson, mas talvez porque somos de gerações próximas, eu não absorvi muito do trabalho dele. Lembro-me mais das coisas do Dream Theater com o Kevin Moore, que tem um bom gosto ímpar também, principalmente nos arranjos e timbres. Quando a banda surgiu, eu tinha vinte e poucos anos e as inovações sonoras que eles apresentaram inicialmente para o estilo foram uma surpresa para todo mundo.

Depois desta nomeação ao Grammy, já considerou a possibilidade de morar fora do Brasil, para seguir trabalhando como produtor, ampliar e aprimorar teus conhecimentos? Uma franquia do “The Brainless Brothers” talvez?

Eu penso em morar fora do Brasil desde sempre, haha! E este é o motivo principal mesmo, como estava dizendo anteriormente. Infelizmente, o Brasil é um país que, ao invés de tornar-se referência para o mundo com suas inúmeras qualidades, possui governantes que insistem em segurar as pessoas pelas pernas. Aqui, a prática atualmente é te fazer cair, ao invés de tentar subir. Nivelar as coisas por baixo é trivial, tudo para que sejamos iguais, todos inferiorizados e dependentes. Por sorte, o que faço não possui raízes, é um tipo de trabalho que pode ser feito em qualquer lugar, com poucos recursos materiais. Então, apostar em uma continuidade de carreira lá fora continua sendo uma enorme possibilidade. Os próximos meses serão decisivos para uma resolução deste porte.

Você já teve a oportunidade ou vontade de tocar com uma orquestra? O que pensaria sobre um disco de metal (o SHAMAN, por exemplo) contando com uma orquestra?

Tocamos com uma orquestra em Fortaleza, durante a turnê do álbum Mentalize, em 2009. Foi uma experiência muito legal sentir ao vivo a união do estilo com os músicos em seus instrumentos acústicos. Os álbuns do Shaman possuem seções de orquestra de verdade e instrumentos acústicos variados entre as camadas de teclados e demais dispositivos eletrônicos. A soma de tudo é o que faz o som soar daquela maneira, um trabalho composto. Seria legal ver o Shaman experimentando com isso em maior evidência, já faz parte do estilo da banda afinal. Mas eu gostaria de experimentar isto em um show ao vivo como fizemos. A integração é mais humana e a gravação de material em vídeo seria imprescindível.

Você ainda possui os manuscritos de partituras que o Andre Matos escreveu para teclado, se não me engano, desde a demo da Reaching Horizons?

Sim, foram escritas durante os primeiros ensaios. Tenho também as partituras que escrevi durante a turnê do álbum Fireworks e as que eu usava no início das turnês com o Shaman.

Pensando nas bandas que você mais gosta, quais são as músicas que você curte tocar ainda? Músicas de bandas como Pink Floyd e Deep Purple que possuem a característica do teclado em seus discos, talvez?

Eu participei de duas bandas de tributo no passado. Uma, chamada Desequilíbrios,  executava músicas do Marillion, como um trabalho paralelo ao autoral. A outra foi o Pink Floyd Cover, já quando eu estava no Angra e no Shaman. Em ambas, eu topei o trabalho exatamente por gostar dos teclados e por serem bandas de grande influência para mim na época. É sempre muito divertido tocar coisas que a gente gosta.

Para finalizar, poderia deixar uma mensagem aos fãs do teu trabalho, principalmente os fãs do SHAMAN e aos leitores do PONTO ZERØ, a respeito do que vem pela frente na tua carreira?

Agradeço demais a galera do Ponto ZerØ e a todos pelo reconhecimento por todos estes anos de dedicação à música. Aos fãs do Shaman, muito obrigado pelo esforço realizado para que a banda retornasse. Vocês são os grandes responsáveis por tornar isso realidade. Vem bastante coisa por aí com os shows do Shaman e o lançamento do novo álbum do REMOVE SILENCE, então provavelmente eu poderei agradecer vocês pessoalmente. Grande abraço a todos!

Mais uma vez, gostaria de parabeniza-lo pela volta do SHAMAN, pelo brilhante trabalho criativo com a REMOVE SILENCE e todos teus projetos, deixando desde já nosso abraço fraterno e desejo de que o sucesso sempre o acompanhe, Fabio!

Muito obrigado!

Eu que agradeço! Valeu! 🙂

SHAMAN: banda volta a tocar na capital paulista após 12 anos

Nos meses de abril e maio do ano de 2006, ocorreu no Playcenter, tradicional parque de diversões do bairro da Barra Funda na zona oeste da cidade de São Paulo, o X-Play Festival, que contou com a participação de diversas bandas de rock nacionais e as diversas atrações radicais do parque.

Há 12 anos, mais precisamente no dia 08 de abril de 2006, a banda Shaman fez sua última apresentação com a formação original na capital paulista e nós do Ponto ZerØ estávamos lá, ainda como Distant Thunder Shaman Fan Site, um site totalmente dedicado ao Shaman que com a separação da formação original, também teve seu fim.

Na ocasião a banda estava em turnê do álbum REASON, lançado em maio de 2005, o show teve um clima fantástico com muita interação do público que cantou todas as músicas do início ao fim, e a banda também teve um desempenho extraordinário, onde mostrou muita técnica e entrosamento.

No setlist, a banda executou músicas dos dois primeiros álbuns, destaque para a execução de Turn Away, Innocence e More do álbum Reason e Time Will Come, For Tomorrow, Pride (com direito a mosh pit no playcenter) e a belíssima Fairy Tale cantada em uníssono pelo público, do primeiro álbum da banda Ritual. Também foram executados alguns covers, Lisbon e Carry On do Angra e Painkiller, grande clássico do metal mundial da banda Judas Priest que encerrou a apresentação.

Foi uma apresentação memorável, mostrando um ótimo entrosamento entre banda e público que fez daquele um dos melhores shows da banda, onde não imaginaríamos que em pouco tempo aquela formação se separaria dando fim a banda.

Após 12 anos, para a alegria geral dos “Shamaníacs” a Free Pass anunciou o retorno da banda com a formação original com Andre Matos, Luis Maruitti, Hugo Mariutti, Ricardo Confessori e Fabio Ribeiro, com alguns shows já confirmados:

22 e 23 de Setembro – São Paulo – Audio SP
30 de Novembro – Brasília – Toinha Brasil Show
1 de Dezembro – Belo Horizonte – Music Hall
2 de Dezembro – Rio de Janeiro – Hub RJ

Informações sobre ingressos, pontos de venda e demais em: http://www.freepass.art.br/shaman

Fotos do acervo do Ponto ZerØ (Distant Thunder)

SHAMAN em São Paulo – Ingressos em até 10x sem juros !!!

A Free Pass e a banda Shaman vêm recebendo inúmeras solicitações de fãs pedindo ingressos pois não têm no momento condições financeiras de irem aos shows.

Visando ajudar de forma democrática esta demanda, temos incentivado promoções junto à radio Kiss FM com sorteios de ingressos. Mas para aqueles que não querem depender da sorte para ir ao show de São Paulo no dia 23 de Setembro, vamos parcelar seu ingresso em até 10 vezes sem juros no cartão de crédito nas compras realizadas através do site, aplicativo ou call-center da Ticket 360. Esta promoção não é válida para compras nos pontos de venda físicos.

Informações sobre preços, setores e demais em: http://www.freepass.art.br/shaman

Clássico do Korzus ganha versão em vinil vermelho, 180 gramas lançado pelo selo da Monstros Discos

Depois do estrondoso sucesso da versão em vinil do A Sétima Efervescência, do Júpiter Maçã, a Monstro Discos lança mais um álbum da sua chamada “Série Ouro”. Dessa vez, é um clássico do metal nacional, Ties of Blood, do Korzus, que ganha uma versão luxuosa, em vinil vermelho, 180 gramas e com capa gatefold!

Lançado originalmente em 2004, Ties of Blood é um dos discos mais aclamados do Korzus e um dos álbuns responsáveis pela consolidação do thrash metal no Brasil.

Poderoso, enérgico e técnico, o disco traz ainda participações especiais bem interessantes, como Hélcio Aguirra (Harppia e Golpe de Estado), Andréas Kisser (Sepultura), João Gordo e Boka (Ratos de Porão) e André Matos (Shaman, Angra), em uma participação muito curiosa na música Evil Sight, onde ele arrisca um vocal mais gutural, totalmente diferente de tudo que já fez.

Entre os destaques do disco estão Guilty Silence, a primeira faixa, na qual Marcello Pompeu aparece com um vocal muito poderoso e inteligível, não se limitando a urrar, mas também a interpretar. “E isso está presente em todas as músicas, lembrando muito Tom Araya no auge do Slayer, da época do Reign in Blood”, afirmou Ewerton Laraia, no site Whiplash. “O disco continua soberbo em faixas como What are You Looking for e Never Get Me Down, com um show de riffs de guitarra da dupla Heros Trench (é um absurdo o que esse cara toca!) e Silvio Golfetti”, completou o crítico.

No mesmo site, uma outra análise diz que “o Korzus investe neste lado mais técnico e inova com solos bem trabalhados e duelos de guitarra”. “A cozinha formada pelo veterano Dick Siebert e o novato Rodrigo Oliveira é maravilhosa, com uma pegada que eu não via há anos na cena thrash nacional”, destacava ainda Bruno Sanchez.

Já a análise da Roadie Crew, feita por Ricardo Batalha e Ricardo Campos, afirmava que “Ties Of Blood apresenta um Korzus revigorado e em sua melhor fase”.

Na época de seu lançamento, Ties of Blood recebeu outras grandes avaliações de críticos e do público e figurou nas listas de melhores do ano de algumas das principais publicações do País.

Agora, o álbum ganha uma versão inédita em vinil vermelho, 180 gramas, remasterizado e com capa gatefold, para dar ainda mais destaque à capa e ao encarte. O disco já está disponível numa pré-venda, com preço promocional e entrega prevista para 25 de outubro, pelo site da Monstro (www.lojamonstro.com.br).

Viper celebra relançamento do álbum “Vipera Sapiens” com show no Sesc Belenzinho

A banda Viper acaba de confirmar show especial de relançamento do do álbum “Vipera Sapiens” no Sesc Belenzinho, em São Paulo, no dia 8 de setembro (sábado), às 21h30. Os ingressos serão vendidos no site do Sesc a partir do dia 28 de agosto e serão vendidos por preços populares, com valores de R$ 6,00 até R$ 20,00. O Viper é atualmente formado por Pit Passarell (baixo), Felipe Machado (guitarra) e Guilherme Martin (bateria), além do guitarrista Hugo Mariutti (Shaman, Andre Matos) e do vocalista Leandro Caçoilo (ex-Eterna, Hardshine, Sancti, Caravellus).

Compre seu ingresso no site do Sesc: https://www.sescsp.org.br/programacao/164585_VIPER

Na década de 90, o Viper viajava o mundo divulgando o heavy metal brasileiro e acabou conquistando grandes fãs no Japão. Em homenagem a eles, o grupo lançou um EP com exclusividade no país intitulado Vipera Sapiens. Agora, em comemoração aos 25 anos do lançamento, o álbum foi disponibilizado no Brasil pelo selo Wikimetal.

O trabalho foi gravado durante as sessões do álbum Evolution na Alemanha em 1992 e traz Pit Passarell (baixo e vocal), Felipe Machado (guitarra), Yves Passarell (guitarra) e Renato Graccia (bateria) no lineup. Além do repertório original, Vipera Sapiens traz versões demos de “Dance of Madness”, “Pictures of Hate”, “Wasted” e “Acid Heart”, entre outros, totalizando 15 faixas.

Ao falar sobre o lançamento, o guitarrista Felipe Machado explica o motivo de estar acontecendo agora: “Na época foi um lançamento exclusivo para o Japão e por isso a gravadora acabou optando por lançar apenas lá. No Brasil não havia a cultura de lançar mini-álbuns e por isso fomos deixando o ‘Vipera’ de lado. Agora, como estamos relançando toda a discografia do Viper em versões digipack, com muitos extras e fotos inéditas, acabou chegando a hora”.

A série de relançamentos do Viper pelo Wikimetal inclui os álbuns de estúdio Soldiers of Sunrise, Theatre of Fate e Evolution, além do CD/DVD ao vivo To Live Again – VIPER Live in São Paulo.

Vipera Sapiens tracklist:

1. Acid Heart
2. Silent Enemy
3. Crime
4. Wasted Again
5. Killing World
6. The Spreading Soul – Acoustic Version
7. Wasted – DEMO
8. Pictures of Hate – DEMO
9. Dance of Madness – DEMO
10. The Spreading Soul – DEMO
11. Acid Heart – DEMO
12. Silent Enemy – DEMO
13. Crime – DEMO
14. Killing World – DEMO
15. Amaury – DEMO

SERVIÇO VIPER NO SESC BELENZINHO:

Quando: 08/09 – Sábado
Horário: 21h30
Ingressos: R$ 6,00, R$ 10,00, R$ 20,00
Venda online a partir de
28/08/2018 12:00
Venda nas unidades a partir de
29/08/2018 17:30
Online no site https://www.sescsp.org.br/programacao/164585_VIPER

SHAMAN – banda estréia novas redes sociais oficiais

Após anunciar seu retorno triunfal aos palcos, o SHAMAN estréia seus novos canais oficiais nas mais importantes redes sociais.

Nestes canais, os fãs farão uma conexão direta com o universo da banda, informações atualizadas, novos conteúdos como vídeos, fotos, informações em tempo real e novidades em geral.

Confira abaixo e participe:
Facebook www.facebook.com/shamanbandofficial
Instagram https://www.instagram.com/shamanbandofficial/
Twitter https://twitter.com/shamanband
Youtube https://www.youtube.com/channel/UC8CDQoCmPXX4XnWlLplQ1OA

A banda fará 5 apresentações no Brasil ainda este ano:
22 e 23 de Setembro – São Paulo – Audio SP
30 de Novembro – Brasília – Toinha Brasil Show
1 de Dezembro – Belo Horizonte – Music Hall
2 de Dezembro – Rio de Janeiro – Hub RJ

Informações sobre ingressos, pontos de venda e demais em: http://www.freepass.art.br/shaman

SHAMAN confirma tecladista Fabio Ribeiro em shows de reunião

Após a confirmação de 5 apresentações com sua formação clássica original – Andre Matos, Luis Maruitti, Hugo Mariutti e Ricardo Confessori – o SHAMAN confirma o tecladista Fabio Ribeiro para completar o time.

Gostaria de compartilhar com vocês a felicidade que sinto ao saber sobre o retorno do Shaman em sua formação original. Este é um fato surpreendente, resultante da admiração de nossos fãs, que em um ato de amor ao trabalho da banda conseguiram fazer acontecer. Agradeço demais aos meus companheiros por esta oportunidade, que certamente será a alegria de muita gente!” comentou o tecladista.

Luis Mariutti também comentou “Meu amigo e parceiro Fabio Ribeiro veio pra completar essa tour. Não imaginaria ninguém além do Mestre Fabio para as teclas do Shaman.” “Vai ser legal ter o Fabio em nossos shows…o apelo era unânime, a quimica é ímpar, o publico e a gente da banda vai sentir a vibe diferenciada do que é um verdadeiro show do Shaman ao vivo.“, completou o guitarrista Hugo Mariutti.

Os shows acontecerão em 4 capitais brasileiras:
22 e 23 de Setembro – São Paulo – Audio SP
30 de Novembro – Brasília – Toinha Brasil Show
1 de Dezembro – Belo Horizonte – Music Hall
2 de Dezembro – Rio de Janeiro – Hub RJ

SERVIÇOS SP 

SHAMAN – Reunion
Data: 22 de Setembro 2018, Sábado
Horários: Portas 19h / Show à partir das 21hs
Local: Audio SP (http://www.audiosp.com.br)
Endereço: Av.Francisco Matarazzo, 694, Água Branca – São Paulo/SP
Classificação etária: 18 anos. Maiores de 14 anos entram somente acompanhados de um responsável maior de 21 anos, mediante documento original e assinatura de termo de responsabilidade na entrada do evento.
Capacidade: 3.200 pessoas

SHAMAN – Reunion (SHOW EXTRA)
Data: 23 de Setembro 2018, Domingo
Horários: Portas 18h / Show à partir das 20hs
Local: Audio SP (http://www.audiosp.com.br)
Endereço: Av.Francisco Matarazzo, 694, Água Branca – São Paulo/SP
Classificação etária: 18 anos. Maiores de 14 anos entram somente acompanhados de um responsável maior de 21 anos, mediante documento original e assinatura de termo de responsabilidade na entrada do evento.
Capacidade: 3.200 pessoas
Ar-condicionado
Acesso à deficientes.

Informações sobre compra de ingressos em : http://www.freepass.art.br/shaman

Assessoria de imprensa oficial:
press@freepass.art.br 

Realização e Produção:
Free Pass Entretenimento
http://www.freepass.art.br

SHAMAN – Banda confirma mais três shows no Brasil !!!

Devido ao grande sucesso de vendas dos shows de São Paulo que ocorrem dias 22 e 23 de Setembro na Áudio – e aos diversos pedidos dos fãs de todo o Brasil, a Free Pass Entretenimento orgulhosamente confirma mais 3 shows da reunião da banda SHAMAN com sua formação clássica original: Andre Matos, Luis Maruitti, Hugo Mariutti e Ricardo Confessori.

Graças aos fãs, o que era para ser apenas um show, o Shaman Reunion vai passar por mais 3 capitais brasileiras:

30 de Novembro – Brasília – Toinha Brasil Show
1 de Dezembro – Belo Horizonte – Music Hall
2 de Dezembro – Rio de Janeiro – Hub RJ

O grupo executará seus álbuns “Ritual” e “Reason”, ambos na íntegra.

Será comercializado merchandise oficial inédito e exclusivo no dia do show, além de pacotes de Meet&Greet*.
*Quantidades limitadas.

Mais em:
http://www.freepass.art.br/shaman

SERVIÇOS
Shaman Reunion em Brasília
Data: 30 de novembro, Sexta-feira
Horários: Portas 20h00 / Show à partir das 22h30
Local: Toinha Brasil Show
SOF SUL Q.09 CONJ. A LOTE 05/08, 71215-246 GUARÁ
Classificação etária: 18 anos
Capacidade: 1.500 pessoas

Informações e compra de ingressos

SETORES E PREÇOS
Pista Meia entrada (primeiro lote) – R$ 80,00
Pista Inteira (primeiro lote) – R$ 160,00
Camarote Meia entrada (primeiro lote) – R$ 120,00
Camarote Inteira (primeiro lote) – R$ 240,00
* Valores referentes aos primeiros lotes.
Meet&Greet Package: SHAMAN R$ 240,00*
Horário: 40 minutos após o término do show.
Venda somente online pelo site da Ticket Brasil : www.ticketbrasil.com.br (Sujeito a cobrança de taxas de serviços).

O pacote de meet&greet inclui:
– 1 (um) pôster do evento autografado, em tamanho A3;
– 1 (uma) camiseta comemorativa do evento/SHAMAN;
– Encontrar a banda pessoalmente para tirar 2 fotos junto a todos os integrantes do SHAMAN de uma só vez;
– Autógrafos individuais em até no máximo 2 itens de preferencia de cada participante.

As fotos serão tiradas pelo fotógrafo profissional da produtora e as mesmas disponibilizadas online logo após o evento, ficando disponível para download na página oficial da produtora Free Pass no Facebook.
Ao comprar este pacote o cliente concorda automaticamente com as regras e a exibição pública de sua imagem nas redes sociais da produtora. Este pacote não inclui ingresso para o show.
*O valor é único e não há meia-entrada por se tratar de um pacote de serviços.

Ingressos já à venda pelo Ticket Brasil: https://ticketbrasil.com.br/show/6221-shaman-brasilia-df/ 

*Não nos responsabilizamos por ingressos comprados ou adquiridos fora do site e pontos de venda oficiais.
*Será expressamente proibida a entrada com câmeras fotográficas profissionais, câmeras semi-profissionais e filmadoras de qualquer tipo.

Shaman Reunion em Belo Horizonte
Data: 01 de dezembro, sábado.
Horários: Portas 18h00 / Show à partir das 22h00
Local: Music Hall
Av. Do Contorno, 3239 – Santa Efigênia
Classificação etária: 16 anos
Capacidade: 1.500 pessoas
Acesso à deficientes.

Informações e compra de ingressos

SETORES E PREÇOS
Pista Meia entrada (primeiro lote) – R$ 70,00
Pista Inteira (primeiro lote) – R$ 140,00
Pista Vip Meia entrada (primeiro lote) – R$ 100,00
Pista Vip Inteira (primeiro lote) – R$ 200,00
Camarote Open Bar – R$ 240,00
* Valores referentes ao primeiro lote.
Vendas: Ticket Brasil

Ingressos já à venda pelo Ticket Brasil: https://ticketbrasil.com.br/show/6224-shaman-belohorizonte-mg/

*Não nos responsabilizamos por ingressos comprados ou adquiridos fora do site e pontos de venda oficiais.
*Será expressamente proibida a entrada com câmeras fotográficas profissionais, câmeras semi-profissionais e filmadoras de qualquer tipo.

Shaman Reunion no Rio de Janeiro
Data: 2 de Dezembro 2018, Domingo
Horários: Portas 16h00 / Show à partir das 20h00
Local: HUB – RJ (https://www.hubrj.com)
Endereço: Av. Professor Pereira Reis, 50 (Próximo a rodoviária novo rio)
Classificação etária: 18 anos. Maiores de 14 anos entram somente acompanhados de um responsável maior de 21 anos, mediante documento original e assinatura de termo de responsabilidade na entrada do evento.
Capacidade: 4.000 pessoas
Acesso à deficientes.

Informações e compra de ingressos

SETORES E PREÇOS
Pista 1º Lote (meia-entrada solidaria) – R$ 80,00
Pista Inteira 1º Lote – R$ 160,00
Pista 2º Lote (meia-entrada solidaria) – R$ 90,00
Pista Inteira 2º Lote – R$ 180,00
Pista 3º Lote (meia-entrada solidaria) – R$ 100,00
Pista Inteira 3º Lote – R$ 200,00

Meet&Greet Package: SHAMAN R$ 240,00*
Horário: 40 minutos após o término do show.
Venda somente online pelo site da Ticket Brasil : www.ticketbrasil.com.br (Sujeito a cobrança de taxas de serviços).

O pacote de meet&greet inclui:
– 1 (um) pôster do evento autografado, em tamanho A3;
– 1 (uma) camiseta comemorativa do evento/SHAMAN;
– Encontrar a banda pessoalmente para tirar 2 fotos junto a todos os integrantes do SHAMAN de uma só vez;
– Autógrafos individuais em até no máximo 2 itens de preferencia de cada participante.

As fotos serão tiradas pelo fotógrafo profissional da produtora e as mesmas disponibilizadas online logo após o evento, ficando disponível para download na página oficial da produtora Free Pass no Facebook.
Ao comprar este pacote o cliente concorda automaticamente com as regras e a exibição pública de sua imagem nas redes sociais da produtora. Este pacote não inclui ingresso para o show.
*O valor é único e não há meia-entrada por se tratar de um pacote de serviços.

Inicio das Vendas
A venda de ingressos inicia-se no dia 3 de Julho, Terça Feira às 15h da tarde, horário de Brasília.

Compra pela internet
Vendas online somente pelo aplicativo ou site da Pixel Tickets – https://pixelticket.com.brem até 6x sem juros (Sujeito a cobrança de taxas de serviços).

*Não nos responsabilizamos por ingressos comprados ou adquiridos fora do site e pontos de venda oficiais.
*Será expressamente proibida a entrada com câmeras fotográficas profissionais, câmeras semi-profissionais e filmadoras de qualquer tipo.

Realização:
Free Pass Entretenimento
http://www.freepass.art.br

Luís Mariutti (Shaman, ex-Angra) envia mensagem de apoio à banda carioca Trenches Of Fire

Recentemente a banda carioca de Heavy/Power Metal Trenches Of Fire teve um de seus vídeos no Youtube, o do novo single “The Last Guardians”, afetado por um programa maldoso, feito com o intuito de prejudicar a banda. Sabendo deste caso, o renomado baixista Luis Mariutti, ex-Angra e atualmente em reunião com a formação clássica do Shaman, enviou uma mensagem de apoio para a banda e para seu vocalista, Políbio Cunha.

Veja a mensagem de Luís Mariutti logo a seguir:
https://youtu.be/NsIvEJl90DE

A música em questão é a faixa-título do vindouro EP do Trenches Of Fire que brevemente será lançado. As letras tratam sobre a participação brasileira na 2ª Guerra Mundial, em especial o episódio em que três soldados brasileiros lutam sozinhos até o fim contra uma tropa nazista em Montese. Confira também este single no link a seguir:

https://youtu.be/-qd-JWFl69s

Trenches of Fire é formada por:
Polibio Cunha – Vocal
Ibiran Santos – Guitarra
Victor Reys – Guitarra
Tonny Lima – Baixo

Mais informações:
Facebook: https://www.facebook.com/TrenchesOfFire/
Roadie Metal Press: http://roadie-metal.com/press/trenches-of-fire/

SHAMAN – show extra em SP no dia 23 de setembro !!!

Após o sucesso de vendas do show de retorno – todos os ingressos vendidos em praticamente 2 dias –  o SHAMAN fará uma apresentação extra em São Paulo, no dia 23 de Setembro (Domingo) na Audio SP.

Devido à grande procura, a banda decidiu fazer uma segunda apresentação, em respeito aos fãs que não conseguiram adquirir seus ingressos para o show do dia 22.

O SHAMAN contará com sua formação clássica original: Andre Matos, Luis Maruitti, Hugo Mariutti e Ricardo Confessori, e executará seus álbuns “Ritual” e “Reason”, ambos na íntegra.

E mais:
– Merchandise oficial inédito e exclusivo no dia do show;
– Pacotes de Meet&Greet;
– Quantidades limitadas.
Mais em:
www.freepass.art.br/shaman

SHAMAN – Reunion (SHOW EXTRA)
Data: 23 de Setembro 2018, Domingo
Horários: Portas 18h / Show à partir das 20hs
Local: Audio SP (http://www.audiosp.com.br)
Endereço: Av.Francisco Matarazzo, 694, Água Branca – São Paulo/SP
Classificação etária: 18 anos. Maiores de 14 anos entram somente acompanhados de um responsável maior de 21 anos, mediante documento original e assinatura de termo de responsabilidade na entrada do evento.
Capacidade: 3.200 pessoas
Ar-condicionado
Acesso à deficientes.

Informações e compra de ingressos

SETORES PREÇOS
PISTA 1º Lote (meia-entrada) R$ 60,00
PISTA 2º Lote (meia-entrada) R$ 70,00
PISTA 3º Lote (meia-entrada) R$ 80,00
MEZANINO (meia-entrada) R$ 90,00
CAMAROTE (meia-entrada) R$ 130,00
PISTA PREMIUM (meia-entrada) R$ 140,00

Meet&Greet
Meet&Greet Package: SHAMAN
Valor: R$ 240,00*
Horário: 40 minutos após o término do show.

Venda somente online pelo site da Ticket 360: https://www.ticket360.com.br/evento/9047/shaman-reunion  (Sujeito a cobrança de taxas de serviços).

O pacote de meet&greet inclui:
– 1 (um) pôster do evento autografado, em tamanho A3;
– 1 (uma) camiseta comemorativa do evento/SHAMAN;
– Encontrar a banda pessoalmente para tirar 2 fotos junto a todos os integrantes do SHAMAN de uma só vez;
– Autógrafos individuais em até no máximo 2 itens de preferencia de cada participante.

As fotos serão tiradas pelo fotógrafo profissional da produtora e as mesmas disponibilizadas online logo após o evento, ficando disponível para download na página oficial da produtora Free Pass no Facebook.

Ao comprar este pacote o cliente concorda automaticamente com as regras e a exibição pública de sua imagem nas redes sociais da produtora.
Este pacote não inclui ingresso para o show.
*O valor é único e não há meia-entrada por se tratar de um pacote de serviços.

Inicio das Vendas
A venda de ingressos inicia-se no dia 08 de Junho a partir das 10h da manhã, horário de Brasilia.

Compra pela internet
Vendas online somente pelo aplicativo ou site da Ticket 360 – https://www.ticket360.com.br/evento/9047/shaman-reunion em até 3x sem juros (Sujeito a cobrança de taxas de serviços).

Pontos de venda
Bilheteria Oficial Ticket 360 (Sem Taxa de Serviço)
Av. Francisco Matarazzo, 694, Água Branca – São Paulo – SP
Horário de Funcionamento: das 13h às 20h de Seg. à Sábado, exceto feriados.

Consulte demais pontos de venda no link: https://www.ticket360.com.br/ponto-de-venda  (Sujeitos a cobrança de taxas de serviços).

*Não nos responsabilizamos por ingressos comprados ou adquiridos fora do site e pontos de venda oficiais.
*Será expressamente proibida a entrada com câmeras fotográficas profissionais, câmeras semi-profissionais e filmadoras de qualquer tipo.

Realização e Produção:
Free Pass Entretenimento
www.freepass.art.br

SHAMAN – Banda retorna com formação clássica original para apresentação única em São Paulo!!!

De uma proposta corajosa à ascensão meteórica; do reconhecimento glorioso à separação precoce… Após 12 anos, a Free Pass enxergou através da escuridão a luz que faltava para reunir os 4 grandes mestres do metal nacional que, sem abrir mão do som pesado e original, chegaram ao topo de paradas nunca antes imaginadas. A única banda a lograr esse feito até hoje… SHAMAN!

A Free Pass Entretenimento orgulhosamente confirma o show de reunião da banda SHAMAN com sua formação clássica original: Andre Matos, Luis Maruitti, Hugo Mariutti e Ricardo Confessori.

O grupo executará seus álbuns “Ritual” e “Reason”, ambos na íntegra, em única apresentação no dia 22 de Setembro na Audio, em São Paulo.

E mais:
– Merchandise oficial inédito e exclusivo no dia do show;
– Pacotes de Meet&Greet;
– Quantidades limitadas.
Mais em:
www.freepass.art.br/shaman

Confira abaixo o vídeo oficial do show

SHAMAN – Reunion 
Data: 22 de Setembro 2018, Sábado
Horários: Portas 19h / Show à partir das 21hs
Local: Audio SP (http://www.audiosp.com.br)
Endereço: Av.Francisco Matarazzo, 694, Água Branca – São Paulo/SP
Classificação etária: 18 anos. Maiores de 14 anos entram somente acompanhados de um responsável maior de 21 anos, mediante documento original e assinatura de termo de responsabilidade na entrada do evento.
Capacidade: 3.200 pessoas
Ar-condicionado
Acesso à deficientes.

INGRESSOS JÁ À VENDA

Informações e compra de ingressos

SETORES PREÇOS
PISTA 1º Lote (meia-entrada) R$ 60,00
PISTA 2º Lote (meia-entrada) R$ 70,00
PISTA 3º Lote (meia-entrada) R$ 80,00
MEZANINO (meia-entrada)     R$ 90,00
CAMAROTE (meia-entrada)     R$ 130,00
PISTA VIP (meia-entrada)      R$ 140,00

Meet&Greet
Meet&Greet Package: SHAMAN
Valor: R$ 240,00*
Horário: 40 minutos após o término do show.

Venda somente online pelo site da Ticket 360: https://www.ticket360.com.br/evento/9021/shaman-reunion (Sujeito a cobrança de taxas de serviços)

O pacote de meet&greet inclui:
– 1 (um) pôster do evento autografado, em tamanho A3;
– 1 (uma) camiseta comemorativa do evento/SHAMAN;
– Encontrar a banda pessoalmente para tirar 2 fotos junto a todos os integrantes do SHAMAN de uma só vez;
– Autógrafos individuais em até no máximo 2 itens de preferencia de cada participante.

As fotos serão tiradas pelo fotógrafo profissional da produtora e as mesmas disponibilizadas online logo após o evento, ficando disponível para download na página oficial da produtora Free Pass no Facebook.

Ao comprar este pacote o cliente concorda automaticamente com as regras e a exibição pública de sua imagem nas redes sociais da produtora.
Este pacote não inclui ingresso para o show.
*O valor é único e não há meia-entrada por se tratar de um pacote de serviços.

Inicio das Vendas
A venda de ingressos inicia-se no dia 28 de Maio a partir das 10h da manhã, horário de Brasilia.

Compra pela internet
Vendas online somente pelo aplicativo ou site da Ticket 360 –https://www.ticket360.com.br/evento/9021/shaman-reunion (Sujeito a cobrança de taxas de serviços) em até 3x sem juros

Pontos de venda
Bilheteria Oficial Ticket 360 (Sem Taxa de Serviço)
Av. Francisco Matarazzo, 694, Água Branca – São Paulo – SP
Horário de Funcionamento: das 13:00 às 20:00, de Seg. à Sábado, exceto feriados.

Consulte demais pontos de venda no link: https://www.ticket360.com.br/ponto-de-venda (Sujeitos a taxas de serviços).

*Não nos responsabilizamos por ingressos comprados ou adquiridos fora do site e pontos de venda oficiais.
*Será expressamente proibida a entrada com câmeras fotográficas profissionais, câmeras semi-profissionais e filmadoras de qualquer tipo.

Realização e Produção: 
Free Pass Entretenimento
http://www.freepass.art.br

Confessori: Banda apresenta “Ritual” na integra no Manifesto neste sábado

A Confessori Band toca no Manifesto no próximo sábado (24/03), com as participações especiais de Luís Mariutti (baixo, ex-Angra, ex-Shaman) e Bruno Sutter (vocal, Detonator, Massacration).

Na ocasião eles apresentarão na integra o álbum “Ritual”, o primeiro do Shaman, que foi lançado em 2002, e é tido como um dos maiores clássicos do Metal nacional.  Além desse álbum, eles apresentam outros sucessos da carreira de Ricardo Confessori, do Angra e Shaman. Atenção, o show será no horário de matinê, às 18h.

Veja os vídeos onde Bruno Sutter e o guitarrista Affonso Junior convidam para este show:

Bruno Sutter:
https://www.facebook.com/tiago.claro.9/videos/1806289262748803/

Affonso Jr:
https://www.facebook.com/affonsogp1/videos/1727782160648120/

A Confessori é Alax William (Vocal, Heaviest), Affonso Junior (Guitarra, ex-Revenge), Thiago Oliveira (Guitarra, Warrel Dane, Seventh Seal), Fabio Carito (Baixo, Warrel Dane, ex-Shadowside) e Ricardo Confessori (Bateria, ex-Angra e Shaman).

Para agendar shows da Confessori, entre em contato com a TC7 Produções:
Tc7producoes@gmail.com / 11 99653-9014 f/c Tiago
https://www.facebook.com/tc7producoes/

Curta a página da Confessori:
https://www.facebook.com/confessoriband/

SERVIÇO:
Confessori apresentando na integra o álbum “Ritual”
Dia  24/03 – Sábado
Horário: 18h
Local: Manifesto Bar
Endereço: Rua Iguatemi, 36C – São Paulo

Ingressos:
Manifesto (sem taxa de conveniência!)
Ou nos pontos autorizados da Ticket Brasil

Online:
https://ticketbrasil.com.br/show/5821-confessori-saopaulo-sp/

Produção: TC7 Produções e Manifesto

Freddie Mercury Revisited: assista vídeos ao vivo de show de estreia em São Paulo

Pouco mais de um ano depois do musical “We Will Rock You”, a dupla Livia Dabarian e Alirio Netto voltou a interpretar canções do Queen, com releituras intimistas para piano, violão e voz. A estreia aconteceu em Nova York, no Triad Theater, em dezembro de 2016. Em São Paulo, a dupla se apresentou no Teatro Bradesco, no último dia 13 de maio. O evento foi uma produção da Poladian Produções.

O espetáculo contou com a participação de Fernando Quesada (violão) e Junior Carelli (teclados), ambos das bandas Noturnall, Anie e Shaman. O projeto Freddie Mercury Revisited já tem datas agendadas para o Rio de Janeiro e uma nova oportunidade em São Paulo, que serão divulgadas em breve, e também contará com a participação do guitarrista Leo Mancini (Noturnall).

Alírio e Livia, tiveram ainda a grande honra e oportunidade de protagonizar a versão brasileira do musical “We Will Rock You” no papel de Galileo e Scaramouche. Sucesso mundial, “We Will Rock You” já foi visto por mais de 15 milhões de pessoas em 17 países e estreou no Brasil em 2016 sendo um sucesso de crítica e público.

Paralelamente, Livia está em cartaz, no Rio de Janeiro, com o musical “Vamp” e Alirio lançou, recentemente, o seu primeiro álbum solo “João de Deus”, produzido por Edu Falaschi, mixado e masterizado por Tito Falaschi, com participação especial de Marcelo Barbosa, Felipe Andreoli, Tiago Mineiro e Milton Guedes.

Confira vídeos ao vivo do Freddie Mercury Revisited em SP:

“Under Pressure”: https://youtu.be/CjSYhWpXPAM

“We Are The Champions”: https://youtu.be/I1N5dVPOCeA

“Another One Bites The Dust”: https://youtu.be/WcHhFox3mS0

“Love Of My Life”: https://youtu.be/epWOBvOw-HA

Confira nossa resenha em: http://pontozero.mus.br/?p=4955

ANDRE MATOS: Projeto “Piano & Voz” no SESC Carmo

Em apresentação inédita e intimista, Andre Matos canta acompanhado ao piano acústico, tocado pelo próprio músico.

Como vocalista, Andre Matos apresenta o timbre marcante, o domínio da técnica, interpretações emocionantes e agudos incomparáveis que levaram grupos como Viper, Angra, Shaman e a própria banda Andre Matos Solo a alcançarem fama internacional. Além de ser tido pelo público como o maior vocalista do Brasil há anos, Andre Matos figura na revista Rolling Stone entre os 100 maiores cantores brasileiros de todos os tempos, ao lado de nomes como Elis Regina, Gilberto Gil e Caetano Veloso.

ANDRE MATOS
Dia 29/05/2017. Segunda, às 19h.
Restaurante 1

Ingressos à venda pelo Portal Sesc SP (www.sescsp.org.br), a partir de 23/05/2017, às 18:00h, e nas unidades, a partir de 24/05/2017, às 17:30.

R$ 20,00 (inteira); R$ 10,00 (aposentado, pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e servidor da escola pública com comprovante); R$ 6,00 (trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo credenciado no Sesc e dependentes [Credencial Plena]).

Venda limitada a quatro ingressos por pessoa

Sesc Carmo
Endereço: Rua do Carmo, 147
Sé – São Paulo/SP
Telefone: (11) 2076-9700
www.sescsp.org.br/carmo